Foto de assassino de embaixador russo vence World Press Photo

(dv) Burhan Ozbilici, The Associated Press / WPP

"An Assassination in Turkey" - Fotografia cedida pela World Press Photo (WPP), que mostra a imagem tomada pelo fotógrafo Burhan Ozbilici da Associated Press (AP) momentos depois de que o agente da polícia Mevlut Mert Altintas (esq.) disparou contra o embaixador russo na Turquia, Andrey Karlov (dir.), no dia 19 de dezembro de 2016. (clique para ver)

“An Assassination in Turkey” – imagem tomada pelo fotógrafo Burhan Ozbilici, momentos depois de que o agente da polícia Mevlut Mert Altintas disparou contra o embaixador russo na Turquia, Andrey Karlov, 19 dezembro 2016. (clique para ver)

Uma fotografia do assassino do embaixador da Rússia na Turquia, com a pistola ainda na mão e o corpo do diplomata estendido no chão em segundo plano, ganhou nesta segunda-feira o World Press Photo, o prêmio mais importante do fotojornalismo internacional.

A imagem “Um assassinato na Turquia” é obra do fotojornalista turco Burhan Ozbilici, que trabalha há 28 anos para a agência “Associated Press”.

A fotografia foi feita no dia 19 de dezembro de 2016, quando um policial que estava de folga, Mevlüt Mert, atirou contra o embaixador da Rússia na Turquia, Andrei Karlov, em uma sala de exposições em Ancara.

“Felicito ao fotojornalista, que teve muita coragem e fez seu trabalho de forma heroica”, disse em entrevista coletiva o presidente do concurso, Stuart Franklin.

“Não é fácil se imaginar em uma situação assim, sem saber o que está acontecendo, colocando sua própria vida em risco. A série de fotografias que ele fez é impressionante”, acrescentou Franklin.

Ozbilici compareceu ao local da premiação emocionado e disse que “tinha duas possibilidades: ficar e fazer o trabalho de jornalista ou sair correndo”, mas que sentiu “a responsabilidade de representar o jornalismo”, por isso decidiu continuar fotografando, mesmo depois que o terrorista chegou a apontar sua arma em direção ao público.

“O homem armado tinha assassinado uma pessoa inocente, mas decidi seguir fazendo meu trabalho”, disse Ozbilici. “Minha força interna, baseada em valores humanos que todos nós compartilhamos, me dizia para permanecer de pé”, acrescentou.

O fotojornalista disse que não prestou atenção às palavras do terrorista, que após disparar contra o diplomata gritou: “Alá é grande! Alá é grande! Nós morremos em Aleppo, vocês morrem aqui!“, em referência à intervenção da Rússia na guerra da Síria.

“Se eu tivesse me concentrado em suas palavras não teria conseguido estabilizar-me em seus movimentos”, disse o fotógrafo, que admitiu que sentiu medo, mas que, nesse momento, também sentiu “o apoio de todos os colegas, do jornalismo de todo o mundo”.

O júri, que recebeu mais de 80.400 fotos, reconheceu em comunicado que selecionar a imagem de um atentado terrorista como fotografia do ano foi “uma decisão muito difícil”, mas que reflete “o ódio de nossos tempos“.

// EFE

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Asteroide passará perto da Terra a 27.000 km/h na sexta-feira, alerta NASA

Um grande corpo celeste está se movendo na direção da Terra e chegará ao ponto mais próximo do nosso planeta nesta sexta-feira (6). De acordo com as estimativas da NASA, o asteroide 2019 WR3 mede entre …

Mensagem misteriosa pintada em urso polar na Rússia alarma pesquisadores

Imagens compartilhadas por perfis russos nas redes sociais com um urso polar pintado em spray com o símbolo "T-34" ter alarmado especialistas. Eles advertem que a pintura — cujas circunstâncias ainda não foram identificadas — pode …

Experimento deve provar que microgravidade inibe crescimento de tumores

De onde estiver, Stephen Hawking segue presente na ciência, e seus últimos conselhos devem render uma descoberta para lá de impressionante (e revolucionária). Em conversa com um pesquisador da Austrália, o gênio da física falou sobre …

Justiça absolve Lula e Dilma no caso "quadrilhão do PT"

Juiz que analisou caso afirma que denúncia apresentada por Rodrigo Janot contra cúpula do PT em 2017 foi tentativa de "criminalizar a atividade política". Ministério Público pediu absolvição dos réus em outubro. A Justiça Federal do …

Chineses ativam o primeiro radiotelescópio posicionado no lado afastado da Lua

Um experimento que levou mais de um ano para ser concluído no lado afastado da Lua finalmente está em funcionamento. Não está ainda 100%, mas o Netherlands-China Low-Frequency Explorer (NCLE) já consegue captar sinais de …

"Vão ter que mudar", diz Greta sobre Bolsonaro e Trump em retorno à Europa

A ativista chegou em Lisboa na tarde desta terça-feira (3), 21 dias depois de sair dos EUA a bordo de um veleiro. A jovem sueca retorna à Europa para participar da COP 25, a conferência …

Museu decide comprar apenas obras de mulheres por um ano por reparação histórica

Para se transformar a velha normalidade repleta de preconceitos, violências e desigualdades embutidas é preciso atitudes efetivas e concretamente transformadoras. Da mesma forma que a dívida histórica racial deve ser reparada não somente no discurso, mas …

Black Friday no Brasil superou a dos EUA nos apps de compras, segundo estudo

Neste ano, a Black Friday fez a sua marca entre as compras dos brasileiros. O próprio Canaltech fez uma cobertura muito especial em torno da Black Friday deste ano.Importada dos EUA, a tradição está mesmo …

Para acalmar a crise, presidente chileno propõe ajuda de R$ 520 para 1 milhão de famílias

O presidente do Chile, Sebastián Piñera, propôs nesta terça-feira (3) a criação de um bônus de 100.000 pesos chilenos (cerca de R$ 520), que serão distribuídos para 1,3 milhão de famílias. O objetivo da medida, …

Anvisa dá aval à venda de maconha medicinal em farmácias

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou nesta terça-feira (03/12) um novo marco regulatório para o registro e venda de produtos à base de cannabis em farmácias no país, tornando o Brasil a nação …