Foto de assassino de embaixador russo vence World Press Photo

(dv) Burhan Ozbilici, The Associated Press / WPP

"An Assassination in Turkey" - Fotografia cedida pela World Press Photo (WPP), que mostra a imagem tomada pelo fotógrafo Burhan Ozbilici da Associated Press (AP) momentos depois de que o agente da polícia Mevlut Mert Altintas (esq.) disparou contra o embaixador russo na Turquia, Andrey Karlov (dir.), no dia 19 de dezembro de 2016. (clique para ver)

“An Assassination in Turkey” – imagem tomada pelo fotógrafo Burhan Ozbilici, momentos depois de que o agente da polícia Mevlut Mert Altintas disparou contra o embaixador russo na Turquia, Andrey Karlov, 19 dezembro 2016. (clique para ver)

Uma fotografia do assassino do embaixador da Rússia na Turquia, com a pistola ainda na mão e o corpo do diplomata estendido no chão em segundo plano, ganhou nesta segunda-feira o World Press Photo, o prêmio mais importante do fotojornalismo internacional.

A imagem “Um assassinato na Turquia” é obra do fotojornalista turco Burhan Ozbilici, que trabalha há 28 anos para a agência “Associated Press”.

A fotografia foi feita no dia 19 de dezembro de 2016, quando um policial que estava de folga, Mevlüt Mert, atirou contra o embaixador da Rússia na Turquia, Andrei Karlov, em uma sala de exposições em Ancara.

“Felicito ao fotojornalista, que teve muita coragem e fez seu trabalho de forma heroica”, disse em entrevista coletiva o presidente do concurso, Stuart Franklin.

“Não é fácil se imaginar em uma situação assim, sem saber o que está acontecendo, colocando sua própria vida em risco. A série de fotografias que ele fez é impressionante”, acrescentou Franklin.

Ozbilici compareceu ao local da premiação emocionado e disse que “tinha duas possibilidades: ficar e fazer o trabalho de jornalista ou sair correndo”, mas que sentiu “a responsabilidade de representar o jornalismo”, por isso decidiu continuar fotografando, mesmo depois que o terrorista chegou a apontar sua arma em direção ao público.

“O homem armado tinha assassinado uma pessoa inocente, mas decidi seguir fazendo meu trabalho”, disse Ozbilici. “Minha força interna, baseada em valores humanos que todos nós compartilhamos, me dizia para permanecer de pé”, acrescentou.

O fotojornalista disse que não prestou atenção às palavras do terrorista, que após disparar contra o diplomata gritou: “Alá é grande! Alá é grande! Nós morremos em Aleppo, vocês morrem aqui!“, em referência à intervenção da Rússia na guerra da Síria.

“Se eu tivesse me concentrado em suas palavras não teria conseguido estabilizar-me em seus movimentos”, disse o fotógrafo, que admitiu que sentiu medo, mas que, nesse momento, também sentiu “o apoio de todos os colegas, do jornalismo de todo o mundo”.

O júri, que recebeu mais de 80.400 fotos, reconheceu em comunicado que selecionar a imagem de um atentado terrorista como fotografia do ano foi “uma decisão muito difícil”, mas que reflete “o ódio de nossos tempos“.

// EFE

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Polícia libera filho do chefe do narcotráfico El Chapo depois de emboscada

Alvos de uma violenta represália dos narcotraficantes, os policiais mexicanos foram obrigados a soltar Ovidio Guzmán López, um dos filhos do célebre El Chapo, do cartel de Sinaloa, pouco depois de prendê-lo, nesta quinta-feira (17) …

Pesquisa identifica quais as preferências musicais em cada região do Brasil

Ainda que a cultura brasileira tenha o hábito de importar, no bom e no mal sentido, tudo que pode de países estrangeiros – em especial dos EUA e alguns países da Europa – na hora …

Estudo descobre que humanos têm capacidade de regeneração como a salamandra

Infelizmente, seres humanos não podem se dar ao luxo de perder nenhum pedacinho do corpo, porque todos são insubstituíveis. Ou talvez não. Um estudo da Universidade Duke (EUA) descobriu que somos muito melhores em regenerar cartilagem …

Polícia da Holanda encontra família que diz ter passado 9 anos fechada em quarto secreto ‘esperando o fim do mundo’

Uma família de seis pessoas que passou nove anos em uma fazenda "esperando o fim do mundo" foi descoberta pela polícia na Holanda, depois que um deles apareceu em um bar da região de Ruinerworld. Um …

Ter um cachorro pode te ajudar a viver mais, aponta estudo

Nos últimos anos diversas pesquisas apontaram as vantagens de se ter um cachorro em casa. Nossos fiéis amigos de quatro patas são muito mais do que companheiros, mas podem nos ajudar a viver mais. É …

Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência

Em um artigo publicado na terça-feira (15) na revista Scientific American, Gilbert Levin, um ex-engenheiro da NASA que trabalhou nas missões Viking, faz uma afirmação polêmica: a de que, desde a década de 1970, a …

Brexit: União Europeia e Reino Unido anunciam um acordo em Bruxelas

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson anunciou na manhã desta quinta-feira (17) que encontrou um "excelente novo acordo" para o Brexit com a União Europeia, a poucas horas da cúpula da UE para selar a saída …

Câmara dos EUA condena retirada militar do norte da Síria

Por 354 votos a 60, deputados rejeitaram decisão de Trump de abandonar forças curdas que lutavam ao lado dos EUA. Resolução contou com apoio de mais da metade da bancada republicana. A Câmara de Representantes dos …

Vacina contra o câncer de mama pode estar disponível em 8 anos, diz a Clínica Mayo

Pesquisadores da Clínica Mayo desenvolveram uma vacina contra o câncer ovário e de mama que poderia estar disponível dentro de apenas oito anos. A ideia da vacina é estimular o próprio sistema imunológico dos pacientes a …

Líder de Hong Kong abandona discurso no Parlamento após protestos

Parlamentares pró-democracia forçam Carrie Lam a interromper pronunciamento anual. Sem conseguir completar fala, chefe do Executivo faz discurso sobre futuro político da região administrativa especial da China em vídeo. A chefe do Executivo de Hong Kong, …