Gafanhoto com 128 anos é encontrado em quadro de Van Gogh

Vincent van Gogh (1853–1890)

“Olive Trees” de Van Gogh, 1889

Uma conservadora de um museu fez uma descoberta surpreendente em um quadro de Vincent Van Gogh pintado há 128 anos: ela se deparou com um gafanhoto na tinta usada pelo artista.

A descoberta se deu quando a especialista Mary Schafer, do Museu de Arte Nelson-Atkins, em Kansas City, nos EUA, examinava a pintura “Olive Trees” (Oliveiras) de Van Gogh.

O objetivo da conservadora era explorar o processo de criação do pintor holandês. Mas eis que aconteceu a descoberta surpreendente: um gafanhoto entre as pinceladas.

“Estava observando a obra com o microscópio e me deparei com o corpo minúsculo de um gafanhoto no meio da pintura, preso ali desde 1889″, salienta a conservadora, citada pela BBC.

“Isto nos diz que Van Gogh estava pintando ao ar livre e o imaginamos lutando com os elementos, lidando com o vento, os insetos, e depois transportando a pintura molhada do campo para o seu estúdio”, explica a especialista.

A conservadora está habituada a encontrar areia em quadros com cenas de praia, e restos de plantas em pinturas que retratam florestas. E por isso, inicialmente, pensou que era “a impressão de uma pequena folha”, declarou ao Live Science. Mas tratava-se afinal de “um inseto minúsculo”.

Mary Schafer contatou o professor de paleontologia Michael Engel, da Universidade do Kansas, nos EUA, para tentar descobrir mais detalhes sobre a pintura de Van Gogh.

E foi este especialista que estudou o gafanhoto, concluindo que lhe faltam o tórax e o abdômen que poderiam dar sinais sobre sua última refeição e, logo, indícios da estação em que teria morrido.

Engel também não encontrou sinais de movimento na pintura circundante ao gafanhoto, concluindo, assim, que o inseto já estava morto, provavelmente colado ao pincel de Van Gogh, quando aderiu ao quadro, destaca a BBC.

Pintado no sanatório

Van Gogh pintou “Olive Trees” em 1889, numa época em que estava internado no sanatório Saint-Rémy-de-Provence, a cerca de 30 quilômetros de Arlés, no sul da França.

Cerca de um ano antes, o pintor tinha cortado parte da sua orelha esquerda, após uma disputa com o artista francês Paul Gauguin, de acordo com uma das versões sobre o incidente.

Na época, Van Gogh chegou a reclamar do incômodo de pintar ao ar livre, em parte por causa dos insetos, em uma carta enviada ao irmão mais novo, o comerciante de arte Theo van Gogh.

“Devo ter pego centenas de moscas nas quatro telas que estou te enviando, para não citar poeira e areia”, escreveu Van Gogh em 1885.

Ciberia // BBC / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

O arroz “esconde” um perigo para o corpo humano

O arroz, grão amplamente utilizado por todo o mundo como parte essencial da dieta alimentar humana, pode acumular grandes quantidades de arsênico e outras toxinas, a maioria das quais entra no corpo durante a digestão. A …

Teste experimental detecta câncer em apenas 10 minutos

Cientistas australianos desenvolveram um novo teste capaz de detectar câncer em apenas 10 minutos, utilizando o DNA obtido através de uma amostra de sangue. A detecção precoce tem melhorado significativamente o prognóstico do câncer. Por esse …

Nova regra em Wall Street: evitar mulheres a todo o custo

Os homens de Wall Street estão adotando certos comportamentos para afastar as mulheres da esfera econômica após o surgimento do movimento #MeToo. Evitam jantares com colegas de trabalho, não se sentam ao lado de mulheres nos …

Cientistas encontram a água mais estranha de todo o Sistema Solar

Febe, um dos satélites de Saturno, tem a água mais incomum do Sistema Solar, apontou um novo estudo realizado por uma equipe de cientistas do Instituto de Ciência Planetária de Tucson, no estado norte-americano do …

Linguagem anti-animal: PETA quer acabar com o pau e atirar peixe ao gato

E se fosse proibido dizer “agarrar o touro pelos chifres”? A associação de defesa dos animais PETA quer eliminar da linguagem cotidiana expressões que ofendem várias espécies, dando como alternativas expressões pet-friendly. Há várias expressões que …

Pântanos nos EUA ganham cores do arco-íris (e já há explicação)

Um arco-íris pareceu baixar do céu e se instalar nas águas de um pântano do parque First Landing State, no estado da Virgínia, Estados Unidos. A fotografia, postada por Brent Rosse no Instagram, mostra o …

Duterte encoraja matar bispos católicos das Filipinas porque "são inúteis"

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, atacou de novo os bispos católicos ao afirmar que eles "são inúteis" e encorajou matá-los, em um país onde 85% da população é católica. "Os bispos de vocês, matem-nos. Esses …

“Gravidez é um problema que só dura nove meses”, diz futura ministra de Bolsonaro

A futura ministra da pasta da Mulher, Família e Direitos Humanos do futuro governo de Bolsonaro afirmou que a gravidez é “um problema que só dura nove meses”, assumindo-se contra o aborto. “Se a gravidez é …

Simples sinal negativo pode explicar por que 95% do Universo está desaparecendo

Uma equipe de cientistas da Universidade de Oxford, no Reino Unido, pode ter resolvido um dos maiores mistérios da Física moderna ao unificar a matéria escura com a energia escura em um só fenômeno – …

Descoberto novo método para reverter a calvície

Uma equipe de cientistas da Faculdade de Medicina da Universidade de Nova York, nos Estados Unidos, identificou vias moleculares de sinalização que impedem o crescimento de pelo na pele danificada, descoberta que pode ajudar na …