“Hard Brexit” pode ser o fim do Reino Unido

Stefan Wermuth / Reuters

A primeira-ministra britânica Theresa May

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, tem sido alertada por membros do Executivo para o possível desmembramento do Reino Unido, em um cenário de saída da União Europeia sem acordo, o chamado hard Brexit.

Após o plano de May para a saída do Reino Unido da União Europeia (Brexit) ter sido rejeitado pelos líderes europeus, os assessores da ministra estudam agora, a hipótese de eleições antecipadas para dar apoio público a uma eventual nova estratégia do governo.

A equipe da primeira-ministra britânica avalia, assim, os planos de contingência para um eventual bloqueio nas negociações do Brexit, e a imprensa britânica admite que a solução pode passar pela convocação de eleições antecipadas para novembro.

O jornal The Guardian aponta que Theresa May estará sendo alertada por alguns dos seus ministros para o perigo de um hard Brexit e para as consequências nefastas sobre o Reino Unido que poderiam advir daí.

“É como a crise de Suez. Não fazemos ideia quais serão as consequências indesejadas”, destaca uma figura do Partido Conservador ao The Guardian, salientando que “as próximas três semanas podem mudar tudo”.

“A crise de Suez durou meses e agora estamos em outro possível ponto de virada na história política do Reino Unido”, acrescenta o jornal.

Em questão estão os receios de que um eventual acordo de comércio livre com a União Europeia (UE) reforce as políticas fronteiriças entre a Irlanda e a Irlanda do Norte. Esse cenário poderia levar a Irlanda do Norte a romper com o Reino Unido, o que reforçaria o movimento independentista da Escócia.

“Manter a cabeça fria”

Em comunicado, Theresa May disse que é preciso “manter a cabeça fria” e “controlar os nervos”. Antes disso, uma fonte de Downing Street tinha assegurado ao The Guardian que é “categoricamente falso” que o governo britânico prepare eleições.

A líder do governo acusou ainda o Partido Trabalhista, o Partido Liberal Democrata e o Partido Nacionalista Escocês de quererem “aproveitar o momento para receber incentivos políticos”. Entretanto, o Partido Trabalhista, o principal opositor do governo de May, admite apoiar a realização de um novo referendo sobre o Brexit, mas sem a opção de permanecer na UE.

A moção será apresentada aos militantes do congresso em Liverpool, nesta terça-feira (25), e determina que, se os Trabalhistas não conseguirem “uma eleição nacional”, o partido “deve apoiar todas as opções disponíveis restantes, incluindo fazer campanha por um voto público”.

Porém, a moção não apoia claramente a realização de um novo referendo, como reivindicam o partido dos Liberais Democratas e dos Verdes, assim como algumas figuras do próprio Labour, como o prefeito de Londres, Sadiq Khan.

Em declarações à BBC, o porta-voz para os assuntos financeiros, John McDonnell, considerado o número dois do líder Jeremy Corbyn, vincou que um referendo deve ser sobre os termos do acordo e não sobre a hipótese de permanecer na UE.

Neste domingo (23), Corbyn já tinha avisado, em entrevista à BBC, que o Partido Trabalhista votaria contra um acordo com o qual não concordasse para forçar o governo a renegociar com Bruxelas.

O governo britânico estipulou 29 de março de 2019 como a data da saída efetiva do país da UE, mas ainda negocia os termos da saída e também da futura relação com os 27 países membros do bloco.

Na sexta-feira (21), a primeira-ministra britânica admitiu que existe um “impasse” e pediu a Bruxelas “respeito”, exigindo que seja apresentada uma contraproposta ao seu plano para criar uma zona de comércio livre para bens e produtos alimentares.

Ciberia, Lusa // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Com popularidade em queda, premiê britânico Boris Johnson reforma equipe de governo

Após semanas de boatos, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, decidiu modificar o governo nesta quarta-feira para formar uma "equipe unida" e enfrentar os desafios depois de um ano e meio de pandemia e em …

Relatório lista mais de uma dezena de crimes atribuídos a Bolsonaro

Um grupo de juristas liderados pelo ex-ministro da Justiça Miguel Reale Júnior entregou nesta terça-feira (14/09) à CPI da Pandemia um relatório de 226 páginas com possíveis crimes cometidos pelo presidente Jair Bolsonaro durante a …

Simulação virtual mais realista de sempre do Universo é revelada

Um dos aspectos mais incríveis da simulação é que mostra a evolução da matéria durante praticamente os 13,8 bilhões de anos de história do Universo, desde o Big Bang até a atualidade. Uma equipe internacional de …

Asteroide que dizimou dinossauros determinou sucesso das cobras, aponta estudo

As cobras devem seu sucesso na Terra, em parte, ao asteroide que atingiu o planeta há 66 milhões de anos e levou à extinção dos dinossauros, de acordo com um estudo publicado nesta terça-feira (14/9) …

“Abandonados pelo resto do mundo”: África vacinou apenas cerca de 3% da população contra a Covid

As autoridades alertam para os baixos índices de vacinação contra a Covid-19 no continente africano. Segundo dados divulgados nesta terça-feira, cerca de 3,5% da população foi totalmente imunizada contra o coronavírus. O balanço foi anunciado …

Europeus aprovam Merkel e confiam na liderança da Alemanha

Os europeus têm alta estima pela chanceler federal da Alemanha, Angela Merkel, e aprovam o estilo de liderança dela, baseado na busca de consensos, mostra uma pesquisa do Conselho Europeu de Relações Exteriores (ECFR, na …

Mudanças climáticas: número de dias com calor acima de 50ºC no mundo dobrou em 40 anos

O número de dias extremamente quentes, quando a temperatura passa de 50°C, registrados a cada ano dobrou desde a década de 1980. Essa foi a conclusão de um estudo realizado pela BBC, que apontou também que …

Cofundador da Apple está criando sua própria empresa espacial privada

Steve Wozniak, cofundador da Apple, ao lado de Alex Fielding, fundador da Ripcord, estão lançando a empresa Privateer Space, que irá atuar no setor espacial. Se a descrição do negócio parece vaga, é porque a novidade …

Guia para apostas de sucesso no futebol

Toda semana, há milhares de jogos de futebol e mercados para apostar no Brasil. As casas de apostas como a Betsson fornecerão apostas sobre a probabilidade de resultados e eventos específicos da partida, como o número …

China pede aos EUA que "interrompam todos os intercâmbios oficiais" com Taiwan

Em agosto, o Ministério das Relações Exteriores da China anunciou a retirada do embaixador chinês da Lituânia e culpou a decisão lituana de permitir que Taipé abrisse um escritório de representação sob o nome de …