Huawei pode lançar novos smartphones no Brasil, afirma executivo

A Huawei oficializou, nesta quinta-feira, 5, uma plataforma de auxílio aos desenvolvedores para publicarem e divulgarem seus aplicativos para os dispositivos da companhia.

Chamada Huawei Ability Gallery, trata-se de uma expansão do ecossistema da App Gallery, loja oficial de aplicativos da marca. O anúncio reforça a intenção da empresa em manter negócios no país.

Em um bate-papo com a imprensa, o gerente de Go-to-market da companhia, Daniel Dias, revelou, entre outras coisas, que a Huawei ainda tem intenção de investir no país. Bem como que a expansão do ecossistema para os desenvolvedores brasileiros pode ser uma preparação para trazer mais modelos da marca para as lojas nacionais em um futuro próximo.

“Existe a possibilidade de lançamento de um novo smartphone Huawei no Brasil”, revelou o executivo. “Se a gente vier a lançar o Mate 30 Pro no Brasil, por exemplo, seria com o HMS [Huawei Mobile Services]”, disse Dias, deixando claro, no entanto, que isso não significa que esta linha, especificamente, chegue as nossas lojas.

A questão é que, no momento, os usuários brasileiros não vão utilizar este ecossistema. O P30 Pro e o P30 lite continuarão a rodar com os serviços do Google, já que o embargo de Trump não afeta os aparelhos já lançados. A App Gallery e o Huawei Assistant são recursos exclusivos dos modelos que usam o Huawei Mobile Services (HMS) no lugar do Google Mobile Services (GMS).

Isso não quer dizer, no entanto, que a empresa esteja abandonando o sistema do robozinho. Pelo contrário. Dias garante que a Huawei segue com o SO do Google, que tem sistema aberto e, portanto, pode ser utilizado por qualquer desenvolvedor. A proibição de Trump para empresas americanas negociarem com a chinesa afeta apenas o GMS.

“Nós usamos Android e vamos continuar usando Android”, garantiu Dias. “O Mate 30 Pro, que foi lançado na Europa é Android, mas não tem GMS, ele tem HMS. Isso significa que ele não tem Google Play, não tem aplicativos do Google. Ele tem a loja App Gallery e tem os aplicativos da Huawei. Mas ele tem Android”, explicou.

Preparação para dispositivos sem Google

Por que lançar uma plataforma para desenvolvedores brasileiros, então? “Tem muito desenvolvedor aqui no Brasil que desenvolve aplicativos para outros países”, contou Dias. A Ability Gallery já havia sido anunciada na América Latina em outubro, porém, agora, a Huawei reforça sua importância para os desenvolvedores locais.

A ferramenta permite, por exemplo, criar cartões com informações sobre o clima, horários de viagens aéreas, resultados de eventos esportivos e por aí vai. Também há espaço para que o conteúdo desenvolvido no Brasil vá para as telas de usuários de outras partes do mundo.

Além disso, a Huawei acredita que seria bom já ter uma estrutura de apps e serviços nacionais se realmente vier a lançar novos aparelhos para o público brasileiro, sem os serviços Google. E aí, para quem se preocupa com suporte a apps mais populares, como WhatsApp, Facebook e até os do Google, ainda há esperança.

“A Huawei começou, desde 2018, um trabalho de expansão do HMS. Estava mais focado na China, começou a expandir, e agora chegou ao Brasil”, explicou. “Estamos conversando com todos os principais desenvolvedores, apresentando o HMS, o App Gallery, e convidando esses desenvolvedores para participar dessa plataforma”, garantiu Dias. Logo, depende de cada empresa avaliar se compensa ou não ter seus apps na loja da Huawei.

“Sem citar nomes, estamos tentando trazer o máximo possível”, garantiu o executivo, quando questionado sobre a importância de garantir apps como WhatsApp, Facebook e até alguns do Google. “A gente tem visto uma boa receptividade de muitos aplicativos, bancos, agências de viagens, jogos importantes, outros comunicadores e mensageiros. Todos os aplicativos que são importantes, a gente quer trazer”, reforçou.

Dias ainda explicou que há um esforço para evitar que aplicativos golpistas se espalhem na loja, com verificações de legitimidade para apps de serviços famosos, clonagens e afins. E, para garantir a confiabilidade dos cartões e das sugestões de apps no Assistant, os desenvolvedores precisarão ter uma espécie de parceria com a Huawei, que vai avaliar todos os serviços do Ability Gallery antes de liberar para o usuário.

Como podemos perceber, a Huawei está mais interessada do que nunca em manter uma relação com o público brasileiro. E aí, você vê a empresa como uma jogadora no mercado nacional?

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Quantos anos de vida saudável os ricos ganham em relação aos pobres?

Um novo estudo europeu e americano descobriu que os ricos possuem cerca de nove anos de vida saudável a mais do que os pobres. A pesquisa foi bastante abrangente – os cientistas analisaram dados de mais …

O país sul-americano que deve crescer 14 vezes mais que a China neste ano

A Guiana ganhou na loteria e está prestes a resgatar o prêmio. Seus vizinhos, especialmente a Venezuela, aguardam intrigados para saber em que ela vai gastar. De acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), a economia …

Portugal supera marca histórica de 500 mil imigrantes residindo no país; brasileiros são a maioria

Portugal atingiu um número recorde de imigrantes vivendo no país. O anúncio foi feito pelo governo nesta quarta-feira (15), durante debate no Parlamento sobre o Orçamento de Estado para 2020. "Os dados preliminares levam a dizer …

Papa Francisco nomeia primeira mulher para cargo de alto escalão no Vaticano

Pela primeira vez, uma mulher ocupará um cargo de alto nível no Vaticano. O Papa Francisco nomeou Francesca Di Giovanni para a função de vice-ministra da Secretaria de Estado da Santa Sé, órgão equivalente ao …

Khamenei chama Trump de "palhaço" e exalta ataque a bases dos EUA

Em primeiro sermão desde 2012, líder supremo do Irã afirma que Trump finge apoio ao povo iraniano e pede união após dizer que queda de avião foi "acidente trágico". EUA admitem que militares ficaram feridos. O …

Uma desconhecida explosão de ondas gravitacionais foi detectada na Terra

Os detectores de ondas gravitacionais da Terra, os observatórios LIGO e Virgo, identificaram uma misteriosa “explosão” de ondas gravitacionais não prevista na última terça-feira, 14 de janeiro. As ondas gravitacionais detectadas até hoje foram resultado de …

Twitter pede desculpas por permitir anúncios direcionados a neonazistas

O Twitter emitiu hoje (16), um pedido de desculpas público, logo após a BBC fazer uma denúncia de que a plataforma de anúncios da empresa estava permitindo o direcionamento de conteúdo para neonazistas e outros …

SP quer lei para incentivar uso de veículos híbridos e elétricos

Um novo projeto de lei apresentado em São Paulo pretende combater os problemas ambientais provocados pelos carros à combustão, que utilizam os tão poluentes combustíveis fósseis, através do incentivo ao uso de veículos elétricos ou …

Ataques iranianos teriam deixado 11 militares dos EUA feridos

Ao menos 11 militares norte-americanos foram retirados do Iraque para receberem tratamento médico em decorrência dos ataques iranianos contra as bases dos EUA. "Quando ficarem aptos para o serviço, estes militares regressarão ao Iraque", declarou à …

Evo recua e diz que não pretende mais criar milícias

Em carta pública divulgada nesta quinta-feira (16/01), o ex-presidente da Bolívia Evo Morales, que está refugiado na Argentina há mais de um mês, recuou da ideia de promover a formação de milícias no país. "Há alguns …