Inteligência artificial pode diagnosticar precocemente doenças cardíacas e câncer do pulmão

Pesquisadores de um hospital de Oxford, no Reino Unido, desenvolveram uma inteligência artificial capaz de fazer diagnósticos a partir de exames para doenças cardíacas e câncer do pulmão. O sistema pode poupar milhões de libras ao permitir que essas doenças sejam detectadas precocemente.

A tecnologia para problemas no coração estará disponível gratuitamente no sistema público de saúde britânico, o NHS, a partir do fim do primeiro semestre de 2018. Segundo o governo, isso pode “salvar o NHS” ao reduzir em 50% os 2,2 bilhões de libras (quase R$ 10 bilhões) gastos anualmente com serviços de análise de patologias.

Atualmente, os cardiologistas conseguem dizer se há um problema a partir do ritmo de batidas do coração identificado em exames. Mas até mesmo os melhores médicos falham em um a cada cinco casos. Os pacientes acabam mandados para casa e têm um ataque cardíaco ou passam por cirurgias desnecessárias.

O sistema criado pelo hospital John Radcliffe faz um diagnóstico baseado nestes exames com maior precisão e consegue detectar detalhes invisíveis aos olhos humanos. O sistema dá recomendações ao concluir que o paciente corre o risco de ter um infarte.

A tecnologia passou por testes clínicos em seis unidades cardíacas. Os resultados serão publicados este ano em uma revista científica depois de serem revistos por especialistas, mas o cardiologista Paul Leeson, que desenvolveu o sistema, diz que os dados apontam que a técnica superou em muito a performance de médicos.

“Como cardiologistas, aceitamos que nem sempre acertamos. Mas, agora, há a possibilidade de fazer melhor”, afirma Leeson à BBC.

Hoje, são feitos 60 mil exames cardíacos por ano no Reino Unido, dos quais 12 mil são diagnosticados incorretamente. Estima-se que isso custe 600 milhões de libras (mais de R$ 2,6 bilhões) ao NHS em operações desnecessárias e com o tratamento de quem teve um enfarte depois de passar por exames.

Chamado Ultromics, o sistema foi treinado para identificar problemas em potencial ao ser alimentado com dados de exames de mil pacientes tratados por Leeson nos últimos sete anos, junto com informações sobre eventuais problemas cardíacos porteriormente. Os resultados apontam que a economia gerada pode chegar a 300 milhões de libras por ano.

Outro sistema em desenvolvimento procura por sinais de câncer do pulmão, como nódulos. Os médicos não conseguem dizer se são benignos ou se podem tornar-se tumores, então, os pacientes precisam fazer mais exames para acompanhar o progresso.

No entanto, testes clínicos mostraram que a inteligência artificial é capaz de identificar os casos inofensivos, levando o NHS a economizar dinheiro e, aos pacientes, vários meses de ansiedade. Também pode fazer um diagnóstico precoce de câncer do pulmão.

O sistema também é comercializado pela empresa Optellium. Timor Kadir, diretor de ciência de tecnologia da companhia, afirma que os testes feitos em Manchester apontam que mais de 4 mil casos podem ser diagnosticados mais cedo e, assim, aumentar as probabilidades de sobrevivência destes pacientes.

“Num sistema de recursos limitados como o NHS, em vez de nos concentrarmos na economia de custos, pesquisamos como oferecer um serviço de saúde melhor para as pessoas pelo mesmo dinheiro. Esse é o potencial da inteligência artificial no Reino Unido”, afirmou Kadir.

O diretor estima que um sistema de diagnóstico de tumores pulmonares pode reduzir em 10 bilhões de libras (mais de R$ 40 bilhões) os gastos na área se for adotado nos Estados Unidos e na União Europeia.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Polícia Federal faz operação de busca e apreensão na 77ª fase da Lava Jato

São sete mandatos no Rio de Janeiro e em Niterói contra suspeita de propina na Petrobras envolvendo pouco mais de três bilhões de litros de combustíveis. Por determinação da 13ª Vara Federal em Curitiba (PR), a …

Suspeitos de COVID-19 podem ter dados compartilhados com a polícia na Inglaterra

  As informações pessoais de suspeitos de contaminação pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2) podem ser utilizadas pela polícia da Inglaterra para garantir que eles não quebrem o isolamento. De acordo com as informações oficiais, as autoridades poderão ter …

Jejum intermitente funciona? Este estudo indica que não

Um estudo recém publicado na revista médica “Jama Internal Medicine” mostra que a prática conhecida como jejum intermitente não traz benefícios para o corpo e, ainda, não promove perda de peso de fato. A pesquisa, …

Estudos corroboram correlação entre tipo sanguíneo e risco de covid-19

A suscetibilidade ao contágio com o vírus Sars-Cov-2 pode variar segundo o grupo sanguíneo: os indivíduos do grupo O tendem a um menor risco, enquanto os demais estão também potencialmente mais expostos a quadros clínicos …

Bolsonaro reforça que brasileiro não será obrigado a tomar vacina contra a COVID-19

Declaração do presidente acontece três dias depois de o governador João Doria informar que vacinação será obrigatória no estado de São Paulo. O presidente Jair Bolsonaro reforçou hoje (19) na saída do Palácio da Alvorada o …

Engenheiros criam sabre de luz real de plasma retrátil de 2.200°C que corta aço

Os engenheiros por trás do canal do YouTube “The Hacksmith” criaram o sabre de luz de “Star Wars” no mundo real que é quente o suficiente para derreter aço e até titânio em segundos. James Hobson, …

Evo Morales comemora vitória de seu candidato, Luis Arce, à presidência na Bolívia

De La Paz, na Bolívia, o candidato a presidente Luis Arce e, de Buenos Aires, na Argentina, o ex-presidente Evo Morales comemoram vitória nas eleições tanto para presidente quanto para o Congresso, realizadas neste …

Síndrome provoca mudança na coloração dos olhos em população nativa da Indonésia

Em um país cujo a vasta maioria da população possui cabelos e olhos escuros, uma rara síndrome genética ofereceu aos membros de uma tribo nativa da Indonésia uma impressionante condição: os mais impactantes e profundos …

Aula de spinning em academia no Canadá contaminou 61 pessoas com a COVID-19

Academias não são locais recomendados neste momento de pandemia, mesmo que alguns estabelecimentos estejam reabrindo com todas as medidas de segurança adequadas. Prova disso aconteceu recentemente em Hamilton, na província de Ontario, no Canadá, quando uma …

Estrela supergigante vermelha Betelgeuse é menor e está mais próxima da Terra

A estrela supergigante vermelha Betelgeuse, uma das mais brilhantes, é menor e está mais próxima da Terra do que se acreditava. "Estudos anteriores sugeriram que poderia ser maior que a órbita de Júpiter. Nossos resultados dizem …