Jovem que filmou morte de George Floyd por policiais brancos ganha prêmio por bravura

Tannen Maury / EPA

A mulher que filmou o assasinato de George Floyd pelo policial Derek Chauvin vai ser condecorada com um prêmio por sua coragem.

Darnella Frazier, de 17 anos, fez o registro enquanto ia com o primo de nove anos a um mercado. No caminho, ela viu a abordagem policial que imobilizava George e não hesitou em pegar o celular para gravar.

O prêmio para Darnella será concedido pela Pen America, uma instituição em defesa dos direitos humanos e da liberdade de expressão.

A gravação feita pela jovem foi fundamental para que os policiais envolvidos na ação fossem acusados pela morte de Floyd. Depois que o vídeo viralizou e inflamou protestos do movimento Black Lives Matter nos Estados Unidos e em todo o mundo, os agentes envolvidos foram expulsos da corporação e respondem criminalmente pelo assassinato.

“Com nada mais do que um telefone celular e pura coragem, Darnella mudou o curso da história neste país, desencadeando um movimento ousado que exige o fim do racismo e da violência sistêmica contra negros pelas mãos da polícia”, afirmou a CEO da PEN America, Suzanne Nossel, em nota oficial.

George Floyd morreu após ser abordado por policiais que o acusavam de ter usado uma nota de US$ 20 falsa no mercado. O então policial Derek Chauvin o matou sufocado ao permanecer com o joelho sobre o pescoço de Floyd por oito minutos enquanto o homem negro estava imobilizado no chão.

O vídeo de Darnella foi publicado por ela dois dias depois, em 27 de maio de 2020. “Se não fosse por mim, quatro policiais ainda teriam seus empregos, causando outros problemas. Meu vídeo foi divulgado em todo o mundo para que todos vissem e soubessem”, escreveu a jovem à época.

“Com notável firmeza, Darnella realizou o expressivo ato de dar testemunho e permitir que centenas de milhões de pessoas em todo o mundo vissem o que ela viu. Sem a presença de espírito de Darnella e prontidão para arriscar sua própria segurança e bem-estar, talvez nunca teríamos conhecido a verdade sobre o assassinato de George Floyd. Estamos orgulhosos de reconhecer sua coragem excepcional com este prêmio”, completa a presidente da organização.

Darnella Frazier vai receber o prêmio na edição anual do Pen America Gala, que, este ano, será feito de forma virtual em decorrência da pandemia do coronavírus no dia 8 de dezembro. Em anos anteriores, a Pen America já condecorou a ativista negra Anita Hill, a Marcha das Mulheres e os funcionários sobreviventes do ataque ao jornal francês Charlie Hebdo, em Paris, em 2015.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Biden reimpõe restrições para passageiros procedentes do Brasil

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, restabeleceu nesta segunda-feira (25/01) a proibição da entrada no país de pessoas procedentes da União Europeia, Reino Unido e Brasil para conter a pandemia de covid-19. A nova …

Quem é 'el Chapo asiático' que foi preso acusado de controlar mercado de drogas de R$ 380 bilhões

A polícia holandesa prendeu o suposto chefe de uma das maiores quadrilhas de tráfico de drogas do mundo: Tse Chi Lop, apelidado de "El Chapo" da Ásia. O cidadão canadense nascido na China é apontado como …

Homem recebe primeiro transplante duplo de braço e ombro

A ciência cada vez mais evoluída. Um homem da Islândia foi o primeiro do mundo a receber um transplante duplo de braço e ombro. A cirurgia foi um sucesso e o paciente, o islandês Felix Gretarsson, …

Bolsonaro pode enfrentar um tribunal internacional por crimes contra a humanidade

Jair Bolsonaro pode enfrentar acusações no Tribunal Penal Internacional (TPI) depois de ser acusado de crimes contra a humanidade. Líderes indígenas no Brasil e grupos de direitos humanos estão pedindo ao tribunal que investigue o presidente …

Presidente mexicano López Obrador é diagnosticado com Covid-19

O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, 67 anos, entrou para a lista dos líderes mundiais que foram infectados pela Covid-19. Ele informou nesse domingo (24) que testou positivo para o novo coronavírus, …

Desenterram em Jerusalém granada de mão britânica da 1ª Guerra Mundial

Em pleno centro da cidade de Jerusalém, foi desenterrada uma granada de mão britânica da Primeira Guerra Mundial. O artefato perigoso foi descoberto em uma antiga cisterna por Oscar Becherno, responsável pela escavação arqueológica em nome …

Portugueses reelegem presidente Rebelo de Sousa

Urnas em Portugal confirmam previsão de vitória do chefe de Estado de centro-direita, que ganha novo mandato de cinco anos. Combate à pandemia é prioridade. Como esperado, os portugueses reelegeram neste domingo (24/01) o presidente Marcelo Rebelo …

Cuba experimenta dois lados da moeda com chegada de internet móvel

Desde que chegou a Cuba, há apenas dois anos, a internet móvel revolucionou a vida do país – ajudando as pessoas a encontrarem comida, combustível e até remédios em meio a uma escassez terrível. Mas …

Chantilly: em dificuldades finaceiras, um dos mais belos castelos da França pede socorro

A pandemia e o fim da ajuda de um poderoso mecenas colocam em risco o futuro de uma das propriedades mais majestosas da França, o castelo de Chantilly, ao norte de Paris. A reportagem …

Como fumantes de longa data pararam de fumar usando cogumelos mágicos apenas 3 vezes

É mais difícil largar do cigarro do que da heroína, dizem alguns. Mas pesquisadores da Johns Hopkins relataram que um pequeno número de fumantes de longa data que falharam em muitas tentativas de abandonar o …