Lausanne, na Suíça, é a melhor cidade pequena do mundo

A cidade de Lausanne, na Suíça, foi considerada a melhor cidade pequena do mundo pela influente revista britânica “Monocle”. A publicação fez uma lista com as 25 melhores cidades pequenas do mundo, com população abaixo de 200 mil pessoas.

De acordo com esse “Índice de Pequenas Cidades”, Lausanne aparece em primeiro, à frente de outras que ficam nos Estados Unidos, na Noruega e no Japão, por exemplo. Não há nenhuma cidade brasileira entre elas. Uma outra cidade suíça que aparece listada é a Basileia. Bordeaux é a única cidade da França que está no ranking.

Lausanne é uma cidade de 140 mil habitantes, a quarta maior da Suíça, mas pequena para os padrões brasileiros. Quem mora aqui tem a sensação de estar em um lugar onde as coisas, realmente, funcionam. O sistema de transporte público é um dos grandes destaques. A cidade prova que o ônibus pode sair na hora e que dá para viver sem carro. Ultimamente, o trem tem atrasado em alguns horários, mas quase sempre respeita o relógio e o cliente, que paga caro pelo serviço prestado.

Além de trem e ônibus, há também o metrô. Lausanne é a menor cidade do mundo que conta com o serviço. Outros destaques vêm da área da educação: as escolas são boas e há universidades de referência, como a EPFL, especializada em Ciência e Engenharia. A cidade também é bem internacional: mais de 40% da população é estrangeira. Além do francês, ouve-se inglês, português, espanhol, alemão e italiano nas ruas e transportes públicos. Tudo isso num lugar onde se paga caro para viver, mas se vive com tranquilidade e qualidade de vida.

Para a escolha das melhores cidades pequenas, foram levados em conta vários fatores, como transporte público de qualidade, perspectiva global, população diversificada, governo local e cenário natural. O fato de ser o “lar” de grandes empresas, como o Comitê Olímpico Internacional (COI), também pesou.

Brasileira diz por que é bom morar em Lausanne

Para a brasileira Renata Roth, gerente de eventos, que se mudou para Lausanne há oito anos e meio, o título de “melhor cidade pequena do mundo” é merecido. Ela, que é de São Paulo, considera a cidade mais do que a sua segunda casa: é o lugar que escolheu para viver. “Lausanne merece, sem dúvida nenhuma, ficar no topo desse ranking porque é uma cidade que oferece inúmeras coisas, por exemplo, uma universidade incrível, um número enorme de museus, vários restaurantes, um centro de comércio pulsante”.

A cidade, segundo ela, tem suas vantagens por oferecer opções de lazer no verão, quando as pessoas se banham nas águas do Lago Léman, e no inverno, quando partem para as montanhas próximas para esquiar.

“É uma cidade que você consegue aproveitar o ano inteiro, nas diferentes estações”, afirma Renata, que destaca também o fato de Lausanne ter muitos estrangeiros e um “senso de comunidade muito grande”.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Quantos anos de vida saudável os ricos ganham em relação aos pobres?

Um novo estudo europeu e americano descobriu que os ricos possuem cerca de nove anos de vida saudável a mais do que os pobres. A pesquisa foi bastante abrangente – os cientistas analisaram dados de mais …

O país sul-americano que deve crescer 14 vezes mais que a China neste ano

A Guiana ganhou na loteria e está prestes a resgatar o prêmio. Seus vizinhos, especialmente a Venezuela, aguardam intrigados para saber em que ela vai gastar. De acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), a economia …

Portugal supera marca histórica de 500 mil imigrantes residindo no país; brasileiros são a maioria

Portugal atingiu um número recorde de imigrantes vivendo no país. O anúncio foi feito pelo governo nesta quarta-feira (15), durante debate no Parlamento sobre o Orçamento de Estado para 2020. "Os dados preliminares levam a dizer …

Papa Francisco nomeia primeira mulher para cargo de alto escalão no Vaticano

Pela primeira vez, uma mulher ocupará um cargo de alto nível no Vaticano. O Papa Francisco nomeou Francesca Di Giovanni para a função de vice-ministra da Secretaria de Estado da Santa Sé, órgão equivalente ao …

Khamenei chama Trump de "palhaço" e exalta ataque a bases dos EUA

Em primeiro sermão desde 2012, líder supremo do Irã afirma que Trump finge apoio ao povo iraniano e pede união após dizer que queda de avião foi "acidente trágico". EUA admitem que militares ficaram feridos. O …

Uma desconhecida explosão de ondas gravitacionais foi detectada na Terra

Os detectores de ondas gravitacionais da Terra, os observatórios LIGO e Virgo, identificaram uma misteriosa “explosão” de ondas gravitacionais não prevista na última terça-feira, 14 de janeiro. As ondas gravitacionais detectadas até hoje foram resultado de …

Twitter pede desculpas por permitir anúncios direcionados a neonazistas

O Twitter emitiu hoje (16), um pedido de desculpas público, logo após a BBC fazer uma denúncia de que a plataforma de anúncios da empresa estava permitindo o direcionamento de conteúdo para neonazistas e outros …

SP quer lei para incentivar uso de veículos híbridos e elétricos

Um novo projeto de lei apresentado em São Paulo pretende combater os problemas ambientais provocados pelos carros à combustão, que utilizam os tão poluentes combustíveis fósseis, através do incentivo ao uso de veículos elétricos ou …

Ataques iranianos teriam deixado 11 militares dos EUA feridos

Ao menos 11 militares norte-americanos foram retirados do Iraque para receberem tratamento médico em decorrência dos ataques iranianos contra as bases dos EUA. "Quando ficarem aptos para o serviço, estes militares regressarão ao Iraque", declarou à …

Evo recua e diz que não pretende mais criar milícias

Em carta pública divulgada nesta quinta-feira (16/01), o ex-presidente da Bolívia Evo Morales, que está refugiado na Argentina há mais de um mês, recuou da ideia de promover a formação de milícias no país. "Há alguns …