‘Macaca de salto’: comentário sobre Michelle choca os EUA

dfid / Flickr

A primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama

A primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama

Uma publicação racista no Facebook a respeito da primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama, ganhou redes sociais e a mídia no mundo inteiro e acabou resultando em uma campanha pela demissão da autora do post e pela renúncia de uma prefeita de uma pequena cidade do Estado da Virgínia Ocidental.

Tudo começou com uma publicação de Pamela Ramsey Taylor, que gerencia o Escritório de Desenvolvimento da região do Condado de Clay, na qual ela fez um comentário sobre a substituição da primeira-dama depois da eleição do republicano Donald Trump.

“Será revigorante ter uma primeira-dama requintada, bonita, digna na Casa Branca. Estou cansada de ver uma macaca de salto“, escreveu Taylor no Facebook.

A prefeita da cidade de Clay, Beverly Whaling, respondeu ao post de Pamela Ramsey Taylor. “Acabei de ganhar o dia, Pam.”

Clay tem uma população de 491 pessoas e, de acordo com o Censo de 2010, não há afro-americanos na cidade. Na região do Condado de Clay, como um todo, mais de 98% de seus habitantes são brancos.

Apesar da população da região ser pequena, a polêmica publicação de Taylor no Facebook foi vista por um canal local, o WSAZ, e se espalhou pelos Estados Unidos e pela imprensa internacional.

(ct) WSAZ

 O comentário no Facebook foi visto por um canal local, o WSAZ

O comentário no Facebook foi visto por um canal local, o WSAZ

Na sequência da polêmica, há agora um abaixo-assinado com 85 mil assinaturas pedindo que Taylor seja demitida e Whaling renuncie ao cargo.

Desculpas

Os jornais The Washington Post e New York Daily News relataram que Pamela Ramsey Taylor já foi retirada do cargo na segunda-feira, mas não há confirmação de que ela foi demitida.

O Escritório de Desenvolvimento da região do Condado de Clay, que Taylor gerenciava, recebe verbas dos governos estadual e federal e presta serviços para moradores idosos e de baixa renda da região.

Taylor deu uma entrevista ao canal local WSAZ, o primeiro a dar a notícia sobre a publicação no Facebook. Na entrevista, ela admite que suas palavras poderiam ser “interpretadas como racistas, mas, de maneira nenhuma, tinham intenção de ser”.

Ela afirma que apenas estava dando sua opinião pessoal sobre os atrativos de uma pessoa e não a cor da pele.

Já Beverly Whaling entregou uma declaração ao The Washington Post na qual a prefeita de Clay diz que seu comentário “não tinha intenção nenhuma de ser racista” e acrescenta um pedido de desculpas.

“Eu estava me referindo ao fato de ter ganho meu dia devido à mudança na Casa Branca! Sinto muitíssimo por qualquer ressentimento que isto possa ter causado! Quem me conhece sabe que não sou racista de jeito nenhum!”, escreveu.

Owens Brown, diretor do escritório da Virgínia Ocidental da organização National Association for the Advancement of Colored People – que luta contra o racismo – comentou que “é lamentável que as pessoas ainda tenham este tom racista”.

Infelizmente esta é uma realidade que temos que lidar nos Estados Unidos hoje. Não há lugar para este tipo de atitude em nosso Estado.”

A presidente do Partido Democrata em Virgínia Ocidental, Belinda Biafore, divulgou um pedido de desculpas a Michelle Obama “em nome dos meus companheiros, alpinistas”, em uma referência ao apelido dos moradores do Estado.

A Virgínia Ocidental realmente é melhor do que isso. Nós do Partido Democrata da Virgínia Ocidental vamos continuar lutando exatamente contra estes ideais radicais, odiosos e racistas”, escreveu Biafore na declaração.

// BBC

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Amazon abre tecnologia da Alexa para montadoras de carros e outras empresas

A Amazon anunciou nesta sexta-feira (15) que dará a empresas terceiras a possibilidade de acessar a inteligência artificial central que sustenta a Alexa, a assistente de voz da marca. E as montadoras de automóveis serão as …

Com abstenção recorde de 51,5%, ministro da Educação considera Enem um 'sucesso'

A abstenção no primeiro dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, realizado neste domingo (17), foi recorde e atingiu 51,5%. O nível de abstenção supera o pior índice registrado até agora, em 2009, quando …

Álcool danifica o cérebro na adolescência

Se nós confiarmos apenas nas propagandas parece que o álcool de uma cerveja, uma taça de vinho ou de algum destilado serve apenas para unir as pessoas e deixá-las alegres. Mas o álcool pode ter …

Joe Biden reverterá políticas trumpistas logo após posse

Já nas primeiras horas após assumir, novo chefe de Estado americano assinará uma série de decretos presidenciais abordando pandemia, dificuldades da economia nacional, injustiça racial e mudança climática. O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, …

Rússia prende opositor Alexei Navalny no desembarque em Moscou

O Serviço Prisional Russo (FSIN) confirmou ter prendido o opositor Alexei Navalny neste domingo, na chegada dele a Moscou. O Kremlim o acusa de ter violado as condições de uma pena de prisão suspensa …

Ikea agora vende mini casas móveis para quem quer uma vida simples, livre e sustentável

Quem sonha com uma vida mais nômade, livre de amarras e principalmente ecologicamente correta poderá encontrar na IKEA uma parceira capaz de tornar tal sonho em realidade: em uma casa móvel, sustentável, bonita e praticamente …

O zumbido de fundo do universo pode ter sido ouvido pela primeira vez

Baseado no que sabemos sobre ondas gravitacionais, o Universo deve estar cheio delas. Cada par de buracos negros ou estrelas de nêutrons e colisão, cada supernova com núcleo em colapso — até mesmo o próprio …

"Não comemorei ou me orgulhei de ter banido Trump do Twitter", diz Jack Dorsey

Em uma série de tuítes, Jack Dorsey, cofundador e CEO do Twitter, defendeu o banimento de Donald Trump da rede social na última sexta-feira (8). Segundo o executivo, essa foi a medida certa para a …

EUA adicionam Xiaomi e mais 8 empresas chinesas à lista de companhias ligadas a militares

Departamento de Defesa dos EUA lista Xiaomi e mais oito empresas por ligações com militares chineses. Para analistas, a listagem é um "frenesi final" do governo Trump em sua campanha anti-China. Na quinta-feira (14), o Departamento …

Petrobras é a segunda maior do mundo em operações no oceano

Entre as 100 maiores corporações transnacionais que operam nos oceanos mundo afora, a Petrobras aparece em segundo lugar. A lista, divulgada nesta quarta-feira (13/01), é parte de uma pesquisa publicada na renomada revista Science Advances, …