María ganha 3 mil dólares por mês; e é moradora de rua em Silicon Valley

María García é um dos muitos casos de moradores de rua em Silicon Valley, nos EUA, que, apesar de terem emprego, não conseguem ganhar o suficiente para manter uma casa onde morar.

A história chega através de Maria João Bourbon, jornalista do jornal português Expresso, que esteve nos EUA, mais precisamente em Silicon Valley, região na Califórnia onde estão sediadas as maiores empresas de tecnologia, com María García.

A norte-americana de 45 anos trabalha em tempo integral, ganha 3 mil dólares por mês (mais de R$ 12 mil), paga impostos como qualquer outro cidadão que vive no país. Então, como se explica que seja uma moradora de rua?

De acordo com a reportagem, publicada no sábado (25) na Revista E, María não tem mais do que o carro para viver. O fim de um casamento de oito anos a empurrou para as ruas e, não tendo com quem viver, viu no automóvel aquilo que seria uma “casa temporária”.

A norte-americana está “parada” no estacionamento de uma pequena igreja batista em São José. No carro, “organizou e compartimentou toda a sua vida”, desde roupas sujas e lavadas, sapatos, produtos de higiene e outros objetos pessoais.

É também esse mesmo carro que a leva ao posto de trabalho todos os dias, o hospital Kaiser Permanente, onde trabalha como recepcionista. Antes, era ali que estacionava durante a noite para dormir em segurança.

É americana, trabalha a tempo inteiro, paga impostos, mas não tem mais do que o carro para viver. Aos 45 anos, os sonhos…

Posted by Expresso on Saturday, August 25, 2018

Apesar de um emprego que “paga bem”, María não consegue fazer frente ao alto nível de vida de Silicon Valley, onde, na cidade de São José, o aluguel médio de um apartamento com apenas um quarto ronda os 2.666 dólares por mês, quase R$ 11 mil por mês.

Sozinha e sem conhecer ninguém na cidade californiana, a americana não consegue aguentar um aluguel. “E ainda há água e luz para pagar, o seguro e despesas do carro, impostos, alimentação… Esquece, não consigo”, lamenta à jornalista.

Ninguém diria que María dorme no carro. Sai “bonita, arrumada e de roupa lavada” para mais um dia de trabalho. Mas, por trás da aparência, está uma mulher que já passou muitas “noites mal dormidas” e com “medo de ser descoberta” (nesta região não é permitido por lei pernoitar no veículo).

À revista, María recorda os momentos de “desespero” que já passou, com coisas tão simples como se manter limpa. Antes de descobrir os banheiros da academia para os funcionários do hospital, chegou a ficar duas semanas sem tomar banho, tentando fazê-lo à pressa no lavatório de um McDonald’s ou de outra cadeia de fast food.

Já levou “nãos atrás de nãos” ao tentar um lugar nos vários abrigos disponibilizados pelo Estado norte-americano. Resta manter a esperança de conseguir uma vaga dentro do mesmo hospital em Fresno, na Califórnia Central, onde sempre viveu (as transferências podem demorar “um ano e meio”) ou ver seu nome no topo da lista para obter uma habitação permanente, o que pode demorar três anos.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Bebês ingerem 1,5 milhão de partículas de microplástico por dia, diz estudo

Um bebê de 12 meses ingere, em média, mais de 1,5 milhão de partículas de microplástico por dia que são liberadas da mamadeira, revelou um estudo divulgado nesta segunda-feira (19/10). O impacto destas micropartículas para …

Aumento na densidade do espaço fora do sistema solar é descoberto pela sonda espacial Voyager

Em novembro de 2018, após uma viagem épica de 41 anos, a Voyager 2 finalmente cruzou a fronteira que marcava o limite da influência do Sol e entrou no espaço interestelar. Mas a missão da …

Polícia Federal faz operação de busca e apreensão na 77ª fase da Lava Jato

São sete mandatos no Rio de Janeiro e em Niterói contra suspeita de propina na Petrobras envolvendo pouco mais de três bilhões de litros de combustíveis. Por determinação da 13ª Vara Federal em Curitiba (PR), a …

Suspeitos de COVID-19 podem ter dados compartilhados com a polícia na Inglaterra

  As informações pessoais de suspeitos de contaminação pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2) podem ser utilizadas pela polícia da Inglaterra para garantir que eles não quebrem o isolamento. De acordo com as informações oficiais, as autoridades poderão ter …

Jejum intermitente funciona? Este estudo indica que não

Um estudo recém publicado na revista médica “Jama Internal Medicine” mostra que a prática conhecida como jejum intermitente não traz benefícios para o corpo e, ainda, não promove perda de peso de fato. A pesquisa, …

Estudos corroboram correlação entre tipo sanguíneo e risco de covid-19

A suscetibilidade ao contágio com o vírus Sars-Cov-2 pode variar segundo o grupo sanguíneo: os indivíduos do grupo O tendem a um menor risco, enquanto os demais estão também potencialmente mais expostos a quadros clínicos …

Bolsonaro reforça que brasileiro não será obrigado a tomar vacina contra a COVID-19

Declaração do presidente acontece três dias depois de o governador João Doria informar que vacinação será obrigatória no estado de São Paulo. O presidente Jair Bolsonaro reforçou hoje (19) na saída do Palácio da Alvorada o …

Engenheiros criam sabre de luz real de plasma retrátil de 2.200°C que corta aço

Os engenheiros por trás do canal do YouTube “The Hacksmith” criaram o sabre de luz de “Star Wars” no mundo real que é quente o suficiente para derreter aço e até titânio em segundos. James Hobson, …

Evo Morales comemora vitória de seu candidato, Luis Arce, à presidência na Bolívia

De La Paz, na Bolívia, o candidato a presidente Luis Arce e, de Buenos Aires, na Argentina, o ex-presidente Evo Morales comemoram vitória nas eleições tanto para presidente quanto para o Congresso, realizadas neste …

Síndrome provoca mudança na coloração dos olhos em população nativa da Indonésia

Em um país cujo a vasta maioria da população possui cabelos e olhos escuros, uma rara síndrome genética ofereceu aos membros de uma tribo nativa da Indonésia uma impressionante condição: os mais impactantes e profundos …