Milionário Jeffrey Epstein é acusado de tráfico sexual

Empresário americano que manteve laços de amizade com Bill Clinton e Donald Trump teria criado rede de abuso sexual de menores. Há uma década, acusações foram retiradas por meio de um polêmico acordo extrajudicial.

O Ministério Público Federal do Distrito Sul de Nova York acusou o milionário empresário Jeffrey Epstein de criar uma rede para abusar de meninas em suas mansões nos estados de Nova York e da Flórida entre 2002 e 2005, segundo um documento judicial divulgado na segunda-feira (08/07).

Detido no sábado no aeroporto de Teterboro, em Nova Jersey, Epstein foi acusado de tráfico sexual e de conspirar para cometer esse crime, de acordo com o texto de acusação da promotoria americana. A pena pode chegar a 45 anos de prisão.

No documento, a acusação afirmou que Epstein “explorou sexualmente e abusou de meninas menores de idade em suas casas em Manhattan [Nova York] e Palm Beach [Flórida], entre outros lugares, durante muitos anos”, além de alegar que, após cometer os atos, pagava às vítimas “centenas de dólares”.

Além disso, Epstein foi acusado de “criar uma ampla rede de vítimas menores de idade para explorá-las sexualmente” – ele teria pagado algumas garotas para recrutar outras meninas com cerca de 14 anos que seriam vítimas de abusos similares.

Os promotores afirmaram que as evidências contra Epstein incluem centenas ou mesmo milhares de fotografias obscenas de jovens mulheres ou meninas, que foram descobertas no fim de semana numa operação de busca em sua mansão em Nova York.

As autoridades também encontraram documentos e registros telefônicos que corroboram os supostos crimes, além de uma sala de massagem montada nos moldes que os acusadores relataram, disseram os promotores.

Trata-se de uma reviravolta surpreendente. O empresário de 66 anos foi acusado de abusar de dezenas de garotas há mais de uma década, mas conseguiu evitar acusações federais formais mediante a um polêmico acordo extrajudicial no qual admitiu ter solicitado serviços de prostituição.

Em 2008, Epstein chegou a um acordo com a promotoria do sul da Flórida para pôr fim a uma investigação que poderia lhe render uma condenação à prisão perpétua. Ele se declarou culpado de acusações menores, foi condenado a 13 meses de prisão e chegou a um acordo financeiro com as vítimas.

O acordo foi supervisionado pelo então promotor de Miami, Alexander Acosta, que agora é o secretário de Trabalho do governo de Donald Trump e que defendeu esse tratamento como “apropriado” por conta das circunstâncias, especialmente com “muitas das vítimas relutantes a testemunhar”.

O caso mudou depois que, em fevereiro, um juiz da Flórida decidiu que a promotoria estadual violou a lei ao ocultar o acordo, que afetava mais de 30 mulheres que o denunciaram por terem sido vítimas de abusos sexuais quando eram menores de idade.

O procurador-geral do Distrito Sul de Nova York, Geoffrey Berman, afirmou que o acordo selado na Flórida que poupou Epstein de uma pesada sentença de prisão há uma década é compulsório apenas para promotores federais na Flórida, e não para autoridades em Nova York.

Epstein manteve laços de amizade com figuras influentes ao longo dos anos, como o ex-presidente dos EUA Bill Clinton, o príncipe Andrew, do Reino Unido, que chegou a ser acusado por vítimas de ter participado do esquema de abuso sexual de Epstein, além de Trump.

// DW

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Quentin Tarantino diz que seu Star Trek será um “Pulp Fiction no espaço”

O cineasta ainda não sabe se ele fará o filme, mas se diz empolgado com o material. Se o projeto for produzido, terá classificação indicativa para maiores, e será um Pulp Fiction no espaço. As …

EUA dizem ter abatido drone iraniano no Estreito de Ormuz

Trump afirma que navio americano adotou medida defensiva após ser ameaçado por aeronave não tripulada iraniana. Teerã nega e sugere que americanos podem ter derrubado um de seus próprios drones. O presidente dos Estados Unidos, Donald …

Netflix lança jogo com a 3ª temporada de Stranger Things e expande universo da série

A Netflix estreou, no início de julho, a 3ª temporada do bem-sucedido seriado Stranger Things. Com temas e referências dos anos 80 e 90, a produção é um dos maiores sucessos de audiência que a …

Alemanha aprova obrigatoriedade de vacina contra sarampo

Governo dá luz verde para lei que prevê multa de até 2,5 mil euros para pais que não vacinarem filhos em idade escolar contra sarampo. Obrigatoriedade se estende a adultos que trabalham em creches e …

Trump sugere que congressistas "extremistas" deixem os EUA

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, elevou o tom de suas críticas a quatro congressistas liberais do Partido Democrata, menosprezando a repercussão negativa da série de comentários considerados racistas feitos por ele nos últimos …

Nanodispositivo controlará qualidade da comida e melhorará diagnóstico médico

Uma equipe composta por cientistas de três países criou um novo tipo de sensor que pode revolucionar uma série de áreas da atividade humana, principalmente a biomedicina. No artigo, publicado na revista Advanced Functional Materials, os …

Bióloga da vida selvagem observa água-viva do tamanho de um ser humano

Durante um mergulho na costa de Cornwall, na Inglaterra, a bióloga Lizzie Daly e o operador de câmera subaquático Dan Abbott se depararam com uma inacreditável água-viva gigante, da espécie Rhizostoma pulmo. Daly e Abbott avistaram …

Elon Musk revela seus planos para hackear cérebros humanos

Uma das empresas do multi-empresário Elon Musk, a Neuralink, está trabalhando em uma tecnologia inovadora baseada em “fios” ou eletrodos que serão implantados no cérebro humano. O objetivo de tal tecnologia? Conectar nossos cérebros a potenciais …

Procuradoria francesa acusa Air France por queda de avião em 2009

Dez anos após a queda do voo AF447, que partiu do Rio de Janeiro com destino a Paris, a Procuradoria da capital francesa acusou a companhia aérea Air France pelo acidente, que provocou a morte …

OMS declara emergência internacional no Congo devido a ebola

Caso registrado numa das maiores cidades do país acende alerta da Organização Mundial de Saúde. Epidemia já deixou mais de 1,6 mil mortos em menos de um ano. A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou nesta …