Militar da Aeronáutica é preso com cocaína na Espanha

Fernando Frazão / Agência Brasil

Um militar brasileiro foi preso nesta terça-feira (25/06) no aeroporto de Sevilha suspeito de carregar 39 quilos de cocaína na mala. Ele chegou à cidade espanhola em um voo da Força Aérea Brasileira (FAB) junto a uma comitiva que acompanha o presidente Jair Bolsonaro na viagem para a cúpula do G20 no Japão.

A droga foi interceptada durante um controle de bagagens na escala do voo em Sevilha. O sargento da Aeronáutica, de 39 anos, está detido no aeroporto espanhol sob suspeita de tráfico de drogas e deve ser ouvido por um juiz num prazo de 72 horas após a prisão.

No Twitter, Bolsonaro disse ter pedido ao ministro da Defesa brasileiro, general Fernando Azevedo e Silva, a “imediata colaboração com a polícia espanhola, na pronta elucidação dos fatos, cooperando em todas as fases da investigação, bem como instauração de um inquérito Policial-Militar”.

“As Forças Armadas têm um contingente de cerca de 300 mil homens e mulheres formados nos mais íntegros princípios da ética e moralidade”, escreveu o presidente, afirmando que o militar será “julgado e condenado na forma da lei” caso seja comprovada sua participação no crime.

O Ministério da Defesa afirmou nesta quarta-feira que já colabora com as autoridades espanholas em “todos os aspectos” da investigação. “As autoridades de ambos os países já estão colaborando para que este incidente seja imediatamente esclarecido e, caso se comprove o delito, seja punido com todo o rigor da lei”, disse um porta-voz. A pasta iniciou uma investigação sobre o caso e expressou em nota o repúdio por “atos dessa natureza”. Por ora, o nome do sargento será mantido em sigilo.

O vice-presidente Hamilton Mourão também se pronunciou sobre a prisão, afirmando que esta não é a primeira vez que um militar é detido transportando drogas. Ele pediu uma investigação para avaliar se o brasileiro tem conexões com o tráfico de entorpecentes.

“As Forças Armadas não estão imunes a esse flagelo da droga. Isso não é a primeira vez que acontece, seja na Marinha, seja no Exército, seja na Força Aérea”, disse Mourão em entrevista à Rádio Gaúcha, acrescentando que “esse elemento vai ser julgado por tráfico internacional de drogas e vai ter uma punição bem pesada”.

O vice-presidente ainda chamou o sargento de “mula qualificada”. “É óbvio que, pela quantidade de droga que o cara tava levando, ele não comprou na esquina e levou, né? Ele estava trabalhando como mula. Uma mula qualificada, vamos colocar assim”, afirmou.

O militar não estava no mesmo avião que Bolsonaro rumo a Osaka, cidade japonesa que sediará a cúpula entre as 19 principais economias do mundo e a União Europeia nos dias 28 e 29 de junho.

A aeronave presidencial também tinha escala programada em Sevilha, mas os planos de viagem foram alterados. Na noite de terça-feira, a agenda do presidente passou a informar que a escala seria em Lisboa. Não foi esclarecido se a mudança teve alguma relação com a prisão do militar.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Vacina contra o câncer de mama pode estar disponível em 8 anos, diz a Clínica Mayo

Pesquisadores da Clínica Mayo desenvolveram uma vacina contra o câncer ovário e de mama que poderia estar disponível dentro de apenas oito anos. A ideia da vacina é estimular o próprio sistema imunológico dos pacientes a …

Líder de Hong Kong abandona discurso no Parlamento após protestos

Parlamentares pró-democracia forçam Carrie Lam a interromper pronunciamento anual. Sem conseguir completar fala, chefe do Executivo faz discurso sobre futuro político da região administrativa especial da China em vídeo. A chefe do Executivo de Hong Kong, …

Barcelona se prepara para novos protestos, depois de noite tensa em aeroporto

A Catalunha se prepara para um novo dia de indignação, depois que milhares de ativistas pela independência cercaram o aeroporto de Barcelona, na segunda e terça-feira, para denunciar a condenação de seus líderes a sentenças …

Erdogan acusa militares sírios de bombardear posições turcas

Dois soldados turcos foram mortos na área de Manbij pelo Exército do governo sírio, disse o presidente turco Recep Tayyip Erdogan. No dia anterior foi noticiada a morte de mais dois soldados turcos durante um ataque …

Operação da PF amplia briga interna no PSL

A disputa pública pelo comando do PSL, o partido do presidente Jair Bolsonaro, ganhou um novo capítulo nesta terça-feira (15/10) quando agentes da Polícia Federal (PF) realizaram uma operação de busca e apreensão na casa …

Cidade na Itália proíbe Google Maps porque pessoas 'se perdem' o tempo todo

Serviços de emergência de Baunei já tiveram que resgatar 144 perdidos em dois anos devido ao Google Maps. O prefeito da cidade italiana de Baunei, Salvatore Corrias, proibiu o uso do aplicativo de localização geográfica Google …

Emma Watson lança consultoria jurídica gratuita para mulheres assediadas no local de trabalho

A atriz Emma Watson acaba de lançar uma consultoria jurídica gratuita para mulheres que sofreram assédio no local de trabalho. O serviço está disponível na Inglaterra e no País de Gales. De acordo com o texto …

Polícia do Rio perdeu imagens que poderiam identificar assassinos de Marielle

A Polícia Civil do Rio de Janeiro perdeu imagens do carro dos suspeitos de matar a vereadora Marielle Franco gravadas no dia do homicídio, em 14 de março de 2018. A informação foi publicada neste domingo …

Protestos se espalham pela Catalunha após condenação de separatistas

Manifestantes bloqueiam principal aeroporto de Barcelona, além de ruas e uma via férrea, após nove líderes catalães serem condenados pela tentativa de independência da região. Confrontos com a polícia deixam feridos. A condenação de nove líderes …

Erdogan revela objetivos da operação turca na Síria

Nesta terça-feira (15), o presidente turco Recep Tayyip Erdogan disse que a operação militar no norte da Síria está progredindo com sucesso, tendo 1.000 km de território ao longo da fronteira sido libertados de terroristas. "Temos …