Movimento impossível de Michael Jackson é finalmente explicado

Em 1987, a inclinação antigravidade protagonizada por Michael Jackson durante o videoclipe de “Smooth Criminal” foi tão sensacional que todos acreditaram que eram efeitos especiais.

Mas o cantor repetiu o movimento impossível em concertos ao vivo. Agora, finalmente, a ciência explica o “truque” (mas também a extraordinária maestria do Rei do Pop).

Um grupo de médicos norte-americanos decidiu analisar, com a lupa científica, esse famoso movimento antigravidade de Michael Jackson, 31 anos depois de ter sido um sucesso com o lançamento do videoclipe de “Smooth Criminal”.

A conclusão da pesquisa publicada no Journal of Neurosurgery: Spine, revela que Michael Jackson usava um misto de força física e um truque quase rudimentar – sapatos com presilhas especiais que seguravam o calcanhar do cantor no chão.

“Os bailarinos mais treinados, com muita força concentrada no abdômen, conseguem uma inclinação de 25 a 30 graus no máximo. Michael Jackson faz um movimento de 45 graus que desafia a gravidade e parece sobrenatural para qualquer espectador”, explica o médico Manjul Tripathi, do Instituto de Pós-Graduação de Educação Médica e Pesquisa em Chandigarh, na Índia, em declarações citadas pela BBC.

A equipe liderada por Tripathi, que é formada por neurocientistas especializados na coluna vertebral, estudou em detalhes o movimento, para entender como o Rei do Pop conseguiu concretizá-lo.

Misto de truque e habilidade

Uma pessoa comum que tente imitar o movimento notará que a maior parte da tensão feita, para conseguir a inclinação, está no tendão de Aquiles e nos tornozelos, em vez de estar nos músculos que sustentam a coluna.

Isso permite apenas um grau muito limitado de inclinação para a frente, mesmo para alguém que tenha capacidades atléticas semelhantes às do próprio Michael Jackson, explica à BBC um dos pesquisadores envolvidos na pesquisa.

Mas, para conseguir a incrível inclinação de 45 graus, o cantor não contou apenas com sua força e suas célebres habilidades de dança e de controle corporal. Parte do truque estava em sapatos adaptados para permitirem a fixação do calcanhar no chão.

A abertura de uma fenda em forma de “V” em cada um dos saltos das solas possibilitou encaixar os sapatos numa espécie de engate no chão, permitindo ao bailarino girar e se inclinar mais para a frente, para concretizar o movimento que desafia a gravidade.

Antes da invenção do calçado patenteado, Michael Jackson chegou a utilizar cabos de suporte com um aro em volta da cintura, para criar a ilusão da inclinação.

Depois, com a ajuda de dois colegas de Hollywood, se inspirou nas botas dos astronautas norte-americanos que podem ser acopladas a um trilho fixo, quando caminham em gravidade zero.

Mas, mesmo com calçados especialmente projetados para o efeito e com o apoio do engate referido, o movimento é incrivelmente difícil de se concretizar, exigindo muita força no tronco, nos músculos das costas e nos membros inferiores, concluíram os médicos.

“Vários fãs de Michael Jackson, incluindo os autores da pesquisa, tentaram copiar o movimento e fracassaram, se machucando muitas vezes durante os esforços”, alertam, quase ironicamente, os cientistas.

As hipóteses de lesão no tornozelo são significativas“, avisa ainda Tripathi, realçando que é preciso ter “músculos fortes e um bom apoio ao redor do tornozelo”, pois não se trata de “um truque simples”.

Apesar das dificuldades, há quem tenha conseguido replicar com alguma maestria – embora não com a mesma inclinação surpreendente – o movimento antigravidade de Michael Jackson, e que até explica, com um tutorial, como se pode conseguir.

Ciberia // BBC / ZAP

COMPARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Mas são bestas demais. Tem um show gravado dele que um dos bailarinos engancha o pé nessa presilha do sapato e do chão. Juntaram médico pra ver isso. KKKK

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Quantos anos de vida saudável os ricos ganham em relação aos pobres?

Um novo estudo europeu e americano descobriu que os ricos possuem cerca de nove anos de vida saudável a mais do que os pobres. A pesquisa foi bastante abrangente – os cientistas analisaram dados de mais …

O país sul-americano que deve crescer 14 vezes mais que a China neste ano

A Guiana ganhou na loteria e está prestes a resgatar o prêmio. Seus vizinhos, especialmente a Venezuela, aguardam intrigados para saber em que ela vai gastar. De acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), a economia …

Portugal supera marca histórica de 500 mil imigrantes residindo no país; brasileiros são a maioria

Portugal atingiu um número recorde de imigrantes vivendo no país. O anúncio foi feito pelo governo nesta quarta-feira (15), durante debate no Parlamento sobre o Orçamento de Estado para 2020. "Os dados preliminares levam a dizer …

Papa Francisco nomeia primeira mulher para cargo de alto escalão no Vaticano

Pela primeira vez, uma mulher ocupará um cargo de alto nível no Vaticano. O Papa Francisco nomeou Francesca Di Giovanni para a função de vice-ministra da Secretaria de Estado da Santa Sé, órgão equivalente ao …

Khamenei chama Trump de "palhaço" e exalta ataque a bases dos EUA

Em primeiro sermão desde 2012, líder supremo do Irã afirma que Trump finge apoio ao povo iraniano e pede união após dizer que queda de avião foi "acidente trágico". EUA admitem que militares ficaram feridos. O …

Uma desconhecida explosão de ondas gravitacionais foi detectada na Terra

Os detectores de ondas gravitacionais da Terra, os observatórios LIGO e Virgo, identificaram uma misteriosa “explosão” de ondas gravitacionais não prevista na última terça-feira, 14 de janeiro. As ondas gravitacionais detectadas até hoje foram resultado de …

Twitter pede desculpas por permitir anúncios direcionados a neonazistas

O Twitter emitiu hoje (16), um pedido de desculpas público, logo após a BBC fazer uma denúncia de que a plataforma de anúncios da empresa estava permitindo o direcionamento de conteúdo para neonazistas e outros …

SP quer lei para incentivar uso de veículos híbridos e elétricos

Um novo projeto de lei apresentado em São Paulo pretende combater os problemas ambientais provocados pelos carros à combustão, que utilizam os tão poluentes combustíveis fósseis, através do incentivo ao uso de veículos elétricos ou …

Ataques iranianos teriam deixado 11 militares dos EUA feridos

Ao menos 11 militares norte-americanos foram retirados do Iraque para receberem tratamento médico em decorrência dos ataques iranianos contra as bases dos EUA. "Quando ficarem aptos para o serviço, estes militares regressarão ao Iraque", declarou à …

Evo recua e diz que não pretende mais criar milícias

Em carta pública divulgada nesta quinta-feira (16/01), o ex-presidente da Bolívia Evo Morales, que está refugiado na Argentina há mais de um mês, recuou da ideia de promover a formação de milícias no país. "Há alguns …