Muçulmanos pressionam FIFA para banir sinal da cruz no futebol

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

-

A FIFA está sendo pressionada para banir o gesto do sinal da cruz dos jogos de futebol. Um clérigo muçulmano, com grande influência no mundo árabe, assume publicamente a discórdia com o gesto, que é associado à religião católica.

Mohammed Alarefe, conceituado líder muçulmano saudita, deixou em seu perfil no Twitter, onde tem milhares de seguidores, uma pergunta – que é na realidade uma forma de alertar a FIFA para a importância de não ferir a sensibilidade dos adeptos árabes.

“Vi videos de atletas, de jogadores de futebol correndo, em disparada, e quando ganham, fazem o símbolo da cruz em seus peitos, e a minha pergunta é se as regras da FIFA não o proíbem”, escreve Alarefe, segunda a tradução do Daily Mail.

A pergunta pode ser vista como uma forma de pressionar a FIFA, em uma época em que o futebol mundial depende fortemente do dinheiro investido por bilionários do Oriente Médio.

Vários grandes clubes europeus são propriedade de xeiques árabes, como são os casos do Manchester City, que foi comprado por Mansour bin Zayed Al Nahyan dos Emirados Árabes e membro da família real de Abu Dhabi, e do Paris-Saint Germain, que é posse de Nasser Al-Khelaifi do Qatar.

Além disso, vários outros emblemas têm patrocinadores do Oriente Médio, como o Real Madrid, que tem como primeiro parceiro comercial a Emirates, companhia aérea de Dubai. Em Portugal, a empresa assinou em 2015 um patrocínio milionário com o Benfica, no qual os encarnados recebem da transportadora 8 a 10 milhões de euros por temporada.

Recentemente, o clube de Cristiano Ronaldo anunciou que vai retirar a tradicional cruz cristã do emblema das camisas vendidas em alguns países do Oriente Médio

(dr) ZAP

O logotipo da camisa do Real Madrid à venda nos países árabes deixou de ter a cruz cristã no topo

O logotipo da camisa do Real Madrid à venda nos países árabes deixou de ter a cruz cristã no topo

A decisão foi tomada no âmbito de um acordo comercial com uma marca dos Emirados Árabes, que vai fabricar, distribuir e vender equipamentos oficiais do clube espanhol no país, na Arábia Saudita, no Qatar, no Kuwait, no Bahrein e em Omã, todas nações maioritariamente muçulmanas.

Mohammed Alarefe, que além de líder religioso também é professor de Religião na Universidade Rei Saud, em Riade, na Arábia Saudita, com sua enorme influência no país e em todo o mundo árabe, acaba de lançar a “semente da pressão” sobre a FIFA, visando banir símbolos religiosos cristãos do futebol.

Só falta saber o que pensa Alarefe dos sinais religiosos muçulmanos que são feitos por alguns jogadores. Por exemplo, quando se ajoelham para agradecer um gol, fazendo os típicos gestos da oração islâmica.

// ZAP

1 COMENTÁRIO

  1. Vai! Se cedermos, quais serão as próximas “sugestões”? Os muçulmanos não se satisfazem nunca? Eu sou evangélico. Não adoto o sinal da cruz, que é um gesto inútil, como também o são os gestos religiosos muçulmanos. Mas daí partir para proibir? Esse é o mundo com que eles sonham: esperar pelas delícias do paraíso machista e, enquanto isso, colocar o pé no pescoço dos “infiéis”.

DEIXE UMA RESPOSTA:

Linkin Park homenageará Chester Bennington com show em Los Angeles

O Linkin Park prestará uma homenagem a seu falecido vocalista, Chester Bennington, com um show especial no legendário Hollywood Bowl de Los Angeles no próximo dia 27 de outubro, informou a banda nesta segunda-feira (18) …

Astronautas que ficaram 8 meses isolados para simular missão em Marte são liberados

Depois de passar oito meses simulando a vida em Marte nas encostas do vulcão Mauna Loa, seis “astronautas” foram liberados de um habitat havaiano no domingo (17 de setembro) para retornar à civilização. Eles acabam de …

Cientistas conseguem identificar as vozes que os esquizofrênicos escutam

Uma nova descoberta científica sobre o cérebro revela que as vozes na cabeça de pacientes esquizofrênicos podem derivar de vozes do mundo real. A descoberta pode dar esperança de que os pacientes aprendam a ignorar …

Jovem alemã que combatia pelo Estado Islâmico pode ser condenada à morte

A adolescente alemã deverá ir a julgamento no Iraque, por envolvimento com o grupo terrorista Estado Islâmico, e pode ser condenada à morte. Linda Wenzel, de apenas 16 anos, estava desaparecida de casa, na cidade alemã …

"Justiça Para Mara": assassinato de jovem por motorista do Cabify gera revolta no México

A morte de Mara Castilla, uma jovem de 19 anos assassinada por um motorista da plataforma de transporte Cabify, no México, enfureceu ainda mais os protestos contra um crime cada vez mais habitual no país: …

Arquipélago de Alcatrazes, em São Paulo, é aberto ao ecoturismo

O Refúgio de Vida Silvestre (RVS) do Arquipélago de Alcatrazes, localizado em São Sebastião (SP), será aberto para atividades de mergulho recreativo e passeio embarcado para observação da fauna. A abertura para visitação pública da unidade …

Pesquisa CNT: 3,4% aprovam governo Temer e 75,6% reprovam

A Pesquisa da Confederação Nacional do Transporte (CNT) com o Instituto MDA, divulgada nesta terça-feira (19), indica que 3,4% dos brasileiros entrevistados consideram positivo o governo do presidente Michel Temer e 75,6% o avaliam como …

Trump na ONU: EUA estão preparados para "destruir totalmente" a Coreia do Norte

Diante das Nações Unidas, o presidente americano Donald Trump disse que os Estados Unidos estão prontos para "destruir totalmente" a Coreia do Norte caso seja "forçado" a defender a si e a seus aliados. "Estamos prontos, …

Temer na ONU: presidente quer Brasil "mais aberto ao mundo"

Em discurso para líderes mundiais na abertura da 72ª Assembleia Geral das Nações Unidas, nesta terça-feira (19), em Nova York, o presidente Michel Temer disse que o Brasil deve estar mais aberto ao mundo e …

Justiça autoriza psicólogos a oferecer terapia de reorientação sexual

Um juiz federal do Distrito Federal autorizou, em caráter liminar, que psicólogos possam atender eventuais pacientes que busquem terapia para reorientação sexual. A decisão atendeu a uma ação de três psicólogos que pediam a suspensão de …