Novo tipo de tempestade aparece em Saturno e intriga cientistas

A aparência de Saturno é tão encantadora quanto instável. As faixas coloridas são formadas por gases dourados que se movem em tempestades violentas ao redor do planeta, a uma velocidade de até 1.000 mph e, por isso, a atmosfera pode sofrer algumas alterações. Esse é o caso do novo tipo de tempestade que apareceu por lá, próximo à região polar norte do planeta.

Em 2018, astrônomos descobriram quatro grandes novas tempestades que se formaram em Saturno. Elas passaram uma pela outra, perturbando ainda mais a atmosfera, e acabaram criando um complexo sistema de tempestades que durou meses.

O fenômeno foi notado pela primeira vez em fotografias que astrônomos amadores capturaram e enviaram para um repositório público online.

Através de modelos de computador, uma equipe de pesquisadores da Espanha, Austrália, EUA e França estimou a energia por trás do evento e a comparou com outras tempestades em Saturno. Eles observaram a primeira das quatro tempestades em março de 2018, visível como uma mancha branca distinta perto do polo norte do planeta, e as outras três apareceram nos meses seguintes. Após um bom tempo de estudo e observação, a equipe percebeu que essa série de tempestades era diferente de todas as anteriores.

Um novo tipo de tempestade

Até então, havia dois tipos de tempestades conhecidas em Saturno: as pequenas, com aproximadamente 2000 quilômetros de extensão; e as chamadas Grandes Manchas Brancas. Como o nome sugere, o segundo tipo é de tempestades gigantes, 10 vezes maiores que as demais, e em alguns casos podem até mesmo dar a volta completa ao redor do planeta. As tempestades menores podem durar alguns dias, mas as Grandes Manchas Brancas duram até meses. Os astrônomos só viram sete delas desde 1876.

Agora, com a nova descoberta, os astrônomos se deparam com um tipo novo de tempestade com tamanho intermediário. Elas são diferentes das outras não apenas em tamanho, mas também em duração, chegando a durar de 1 semana e meia até 7 meses.

E, por alguma razão, as quatro tempestades surgiram em uma época que coincide com o ciclo do aparecimento das Grandes Manchas Brancas, que é a cada ano saturniano, ou 30 anos terrestres.

Parece que a formação dessas tempestades depende de interações entre o vapor de água, diferenças sazonais na exposição à luz solar e a atmosfera complexa do planeta. No entanto, esse processo ainda não é muito compreendido.

“Este é um novo tipo de tempestade que está nos dizendo algo sobre os mecanismos desconhecidos de formação”, disse Enrique García-Melendo, astrônomo da Universitat Politècnica de Catalunya e um dos principais autores do estudo.

Os pesquisadores esperam que futuras observações com o telescópio espacial James Webb e com telescópios terrestres maiores ajudem a entender mais sobre essas tempestades.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Príncipe Andrew vira centro de escândalo sexual

O príncipe Andrew do Reino Unido comunicou nesta quarta-feira (20/11) que decidiu se afastar da vida pública após o agravamento da controvérsia em torno de seu envolvimento com o milionário americano Jeffrey Epstein, acusado de …

Brasil é o maior hub de fintech da América Latina

O Brasil é o maior país da América Latina — tanto em massa quanto em população — e ocupa uma posição influente no cenário global. Depois dos Estados Unidos, o Brasil lidera a lista do …

Entomólogo dos EUA acredita ter identificado fósseis de insetos em Marte

O entomólogo William Romoser, professor emérito da Universidade de Ohio (EUA), analisou fotos captadas por rovers da NASA em Marte e afirma ter achado nelas fósseis de insetos. Romoser analisou detalhadamente estruturas parecidas a abelhas, bem …

China se irrita com decisão americana sobre Hong Kong e convoca diplomata

Pequim convocou nesta quarta-feira (20) um diplomata do alto escalão dos Estados Unidos após a adoção na terça-feira (19), pelo Senado americano, de um texto que apoia os "direitos humanos e democracia" em Hong Kong. Os …

Porteiro que citou Bolsonaro no caso Marielle recua em novo depoimento

O porteiro que citou o presidente Jair Bolsonaro nas investigações sobre a morte da vereadora Marielle Franco e do motorista, Anderson Gomes, depôs nesta terça-feira (19/11) à Polícia Federal e recuou da versão que havia …

Anistia Internacional denuncia mais de 100 mortes em protestos no Irã

ONG relata uso de munição real contra manifestantes e diz que total de mortos pode ser ainda maior. Presidente e líder supremo dizem que país teve êxito ao lidar com distúrbios provocados por inimigos externos. A …

Áustria decide sobre polêmica do destino da casa onde nasceu Hitler

Por enquanto, parece ter se encerrado a polêmica sobre qual destino dar à residência onde nasceu Adolf Hitler. O edifício, que fica na Áustria, se tornará uma delegacia de polícia, segundo anunciou o governo austríaco …

Satélites Starlink já estão atrapalhando observações astronômicas

Em maio, Elon Musk garantiu que seus satélites Starlink não causariam impactos nas observações astronômicas — declaração dada pelo Twitter logo após o lançamento dos primeiros 60 satélites do projeto que visa pelo menos 12 …

As celebridades no esporte que adoram poker - 7 esportistas que jogam poker por lazer!

O poker está cada dia mais alcançando um status como esporte e poderá até mesmo se tornar um esporte olímpico. Desde 2009, o poker é considerado mundialmente como um esporte da mente pela International Mind Sports …

Tiro de PM causou morte da menina Ágatha no Rio, aponta inquérito

A Polícia Civil do Rio de Janeiro afirmou nesta terça-feira (19/11) que um cabo da Polícia Militar foi indiciado por homicídio doloso (quando há intenção de matar) pela morte de Ágatha Vitória Sales Félix, de …