Odebrecht assina acordo de leniência de R$ 2,7 bilhões

A Advocacia-Geral da União (AGU) e o Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) assinaram nesta segunda-feira (9) acordo de leniência com a Odebrecht por desvios de recursos da União e de empresas estatais federais.

O acordo é sigiloso e prevê o recebimento de R$ 2,7 bilhões pela União, que serão pagos ao longo de 22 anos. Os valores serão reajustados pela taxa Selic e poderão chegar a R$ 6,8 bilhões até o fim do prazo, de acordo com estimativas dos órgãos.

O acordo de leniência é firmado com a pessoa jurídica que cometeu ato ilícito contra a administração pública, mas que se dispõe a colaborar nas investigações. A primeira parcela de R$ 60 milhões foi paga nesta semana e o valor deve aumentar até chegar a R$ 159 milhões anuais em 2039.

Para estabelecer o valor do acordo de leniência, foi levado em consideração 49 contratos da Odebrecht envolvendo o poder público, sendo que em 38 deles houve algum tipo de fraude para garantir sua execução e nos demais foram constatados o pagamento de propina. O acordo diz respeito apenas a contratos que envolvem a esfera federal – estados e municípios envolvidos não entraram nessa conta.

Do total a ser pago, cerca de R$ 900 milhões correspondem a propina envolvendo 150 agentes públicos – servidores e políticos -, R$ 1,3 bilhão é referente a lucro em contratos envolvendo propina e R$ 442 milhões a título de multa.

A advogada-geral da União, Grace Mendonça, afirmou que os processos movidos pela AGU contra a Odebrecht serão extintos, mas as investigações relacionadas às outras empresas envolvidas continuarão.

“As ações pelos mesmos fatos incluídos no acordo de leniência entram em uma linha de extinção. Haverá uma finalização acerca dos processos judiciais e a extinção da limitação de participação da empresa em licitações”, afirmou Mendonça.

A Petrobras, que havia bloqueado a Odebrecht, voltou a incluir a empresa no seu cadastro de fornecedores. O acordo de leniência será encaminhado para o Tribunal de Contas da União (TCU), desde que a Corte se comprometa a não punir a empresa com base nas informações constantes no acordo.

“O envio desse documento ao TCU só acontecerá quando o órgão se comprometer a não utilizar as provas contra a empresa. Não existe acordo prévio de envio para o TCU. Estamos atuando dentro do nosso espaço institucional respeitando completamente todas as competências do tribunal”, afirmou o ministro da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União, Wagner Rosário.

O tribunal informou que irá analisar o acordo na sessão de quarta-feira (11).

Ciberia // Agência Brasil

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Em país sério esta empresa estaria fechada e os donos na cadeia. Mas, aqui no paraíso dos ladroes tudo segue como dantes no quartel de Abrantes.
    Vergonha…

DEIXE UM COMENTÁRIO:

'Morra quem morrer', diz prefeito na Bahia ao decretar reabertura do comércio

O prefeito da cidade de Itabuna (BH), Fernando Gomes, declarou em vídeo divulgado nas redes sociais que autorizará reabertura de estabelecimentos comerciais em 9 de julho. Ao anunciar a implementação do decreto que autorizará reabertura do …

Édouard Philippe, premiê francês, pede demissão e deixa cargo após três anos

O primeiro-ministro francês, Édouard Philippe, apresentou sua demissão nesta sexta-feira (3) ao presidente Emmanuel Macron, que aceitou o pedido. O anúncio foi feito nesta manhã pela assessoria do palácio do Eliseu, a sede da …

Crânio achado em tumba submarina revela aparência de homem da Idade da Pedra

Oscar Nilsson, um artista forense sueco, reconstruiu virtualmente a aparência de um homem da Idade da Pedra, cujo crânio sem mandíbula foi encontrado em uma estaca dentro de uma tumba submarina de aproximadamente oito mil …

Alemanha quer eliminar extremismo de direita de tropa de elite

Com reforma, Ministério da Defesa alemão pretende "apertar o botão de reset" no KSK, unidade de elite das Forças Armadas abalada por escândalos sobre envolvimento de seus membros com extremismo de direita. A ministra alemã da …

Putin, presidente "eterno"? Para mais de 75% dos russos, a resposta é sim

Vladimir Putin, presidente "vitalício"? Essa é uma das apostas da votação que termina hoje na Rússia, e que vem sendo apoiada por cerca de 73,55% dos eleitores, que até agora votaram “SIM” neste referendo. Se …

Funcionários da Tesla são demitidos por ficarem em casa

Quando a fábrica da Tesla na Califórnia (EUA) reabriu em meados de maio, o CEO, Elon Musk, tranquilizou os trabalhadores dizendo que não precisariam ir à fábrica se "se sentissem desconfortáveis". No entanto, apesar do comunicado, …

Brasil supera marca de 60 mil mortes por covid-19

Segundo dados das secretarias estaduais e do Ministério da Saúde, total acumulado de óbitos no país é de 60.632, com 1.448.753 infecções. Brasil tem ainda 826.866 pessoas recuperadas. O painel do Conselho Nacional de Secretários de …

Especialista pode ter encontrado a resposta para estátuas egípcias com nariz quebrado

Na arte e na simbologia religiosa do antigo Egito, a representação da figura humana era celebrada como possível receptáculo de nossas almas ou mesmo de um Deus, em estátuas que possuíam profunda função ritualística. Passados alguns …

Estrela massiva desapareceu sem deixar traços

Um objeto espacial integrante da galáxia anã Kinman desapareceu de nossas vistas, de acordo com uma pesquisa publicada na revista Monthly Notices of the Royal Astronomical Society. Essa estrela excepcionalmente grande foi descrita em 2001 …

Vacina da covid-19 produzida no Brasil será distribuída em dezembro, se aprovada

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) pode começar a distribuir a vacina contra a COVID-19 em dezembro deste ano, caso os testes finais se mostrem efetivos para evitar a propagação da doença. A vacina vem sendo …