Organização de Direitos Humanos denuncia abuso sexual de menores na Coreia do Norte

(dv) KCNA / YONHAP

A organização Human Rights Watch (HRW) instou nesta quarta-feira (20) as Nações Unidas a pressionarem a Coreia do Norte para prevenir e investigar os abusos sexuais a menores, crime que o regime de Pyongyang diz não existir no país.

Segundo a organização de direitos humanos, Pyongyang insiste em afirmar que não tem havido um único caso de abuso sexual de menores na última década, argumentando que “semelhantes atos são inconcebíveis” para os norte-coreanos, de acordo com um comunicado divulgado nesta quarta.

A organização humanitária assegura, contudo, que tem conhecimento de pelo menos quatro casos documentados entre 2008 e 2015 e de outros três no início da década, que refletem uma preocupante desproteção das crianças norte-coreanas por parte das autoridades perante os abusos sexuais.

O Comitê dos Direitos da Criança (CRC, na sigla em inglês) da Organização das Nações Unidas convocou nesta quarta os representantes da Coreia do Norte para discutir a proteção de menores no país.

O CRC deve desmentir a afirmação de que não existem abusos sexuais e exigir que Pyongyang tome medidas imediatas para assegurar que protegem as vítimas de maneira real e sustentável”, afirmou o vice-diretor da organização humanitária para a Ásia, Phil Robertson.

Apoiada em várias entrevistas com norte-coreanos que conseguiram sair do país, a HRW afirma que “é completamente normal que as mulheres e meninas da Coreia do Norte testem ou experimentem violência de gênero” e que as vítimas geralmente não denunciam casos de abuso às autoridades.

Esta não denúncia acontece porque as vítimas têm medo de ser estigmatizadas e desconfiam das forças de segurança do Estado, que não consideram os abusos contra as mulheres como um crime grave.

“Embora o número de entrevistados não seja suficientemente grande para poder tirar conclusões sobre as condições em todo o país, proporciona um panorama dos abusos com base nas experiências pessoais dos entrevistados”, acrescentou o comunicado da HRW.

O documento conclui garantindo que o testemunho dos entrevistados “fornece relatos preocupantes de assédio sexual, violação infantil e falta de proteção infantil“.

Um relatório da ONU de 2014 já tinha destacado o abuso generalizado de direitos humanos que os habitantes da Coreia do Norte sofrem diariamente.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Reino Unido anuncia novas restrições após fim do lockdown para tentar conter segunda onda de covid-19

O Reino Unido sai na próxima semana de um novo lockdown, mas, diante do aumento de casos de covid-19 no país, não entra em um período de flexibilização das medidas de distanciamento social. Nesta quinta-feira (26/11), …

Neandertais podem ter usado as mãos de maneira diferente à dos humanos modernos

Os neandertais podem ter feito um uso diferente das mãos em comparação à forma como os humanos modernos as usam, para eles seria difícil repetir muitos gestos normais para nós hoje em dia. Os dedos do …

Catarro? Som da tosse? Conheça métodos alternativos para detectar a covid-19

Desde o início da pandemia, a realização de testes para detectar a covid-19 fez-se extremamente necessária. No entanto, com o passar dos meses, instituições e empresas privadas ao redor do mundo deram início ao desenvolvimento …

Ativistas preparam protesto global contra a Amazon

Um grupo internacional de ativistas climáticos, aliados a trabalhadores de armazéns da Amazon, lançou uma campanha online global, cujo objetivo é pressionar a gigante do e-commerce a oferecer melhores condições de trabalho para seus funcionários …

Pesquisadores descobrem em cometa elemento essencial para vida na Terra

A descoberta indica que os elementos imprescindíveis para o surgimento da vida podem ter chegado à Terra por meio de cometas. Pesquisadores identificaram fósforo e flúor em partículas de poeira sólida coletadas no interior do cometa …

Consumo de plásticos explode na pandemia e Brasil recicla menos de 2% do material

Com o avanço do delivery de alimentos e do comércio eletrônico, além do maior uso de material hospitalar descartável como máscaras e luvas, o consumo de plásticos explodiu durante a pandemia do coronavírus. O aumento do …

Cientistas explicam por que não se consegue parar a pandemia

Cientistas turcos descobriram que a quantidade de vírus SARS-CoV-2 no organismo de pacientes assintomáticos é mais alta do que nos que apresentam sintomas, o que diferencia radicalmente o novo coronavírus de outros patógenos e explica …

Al-Ahly venceu Liga dos Campeões da CAF

A equipa egípcia do Al-Ahly arrecadou o troféu da Liga dos Campeões da Confederação Africana de futebol pela nona vez ao derrotar o outro clube egípcio, o Zamalek, por 1-2. A final 100% egípcia decorreu no …

Monolito misterioso achado no deserto dos EUA desaparece

O misterioso monolito de metal que causou grande especulação após sua descoberta em um deserto no estado americano de Utah, nos EUA, aparentemente desapareceu, segundo funcionários locais. O escritório de administração fundiária do estado de Utah …

Parlamento iraniano assina texto que impede inspeção de centrais nucleares

A proposta é uma represália ao assassinato do cientista Mohsen Fakhrizadeh, chefe do Departamento de Pesquisa e Inovação do Ministério da Defesa, nesta sexta-feira (27). O governo iraniano responsabilizou Israel pelo crime, dizendo que …