Pais preferem ser cuidados por robôs do que pelos filhos na velhice

Um estudo realizado pelo Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE) revelou que os pais brasileiros que tiveram filhos a partir de 2010 esperam receber um tratamento diferente do que seus pais e avôs receberam na velhice.

É que eles gostariam de contar com plataformas de inteligência artificial quando estivessem idosos, uma opção que vem a frente até mesmo do cuidado dos filhos.

A pesquisa, batizada de “Geração AI”, ouviu 600 pais e mães entre 20 e 36 anos de idade que possuem pelo menos uma criança de até sete anos. Os dados foram levantados entre os dias 13 a 15 de junho de 2017.

O estudo revelou que a preferência dos jovens pais pelas plataformas de inteligência artificial em detrimento dos cuidados recebidos pelos filhos se deve ao fato de que eles se sentiriam mais independentes.

63% dos entrevistados optaram pelos cuidados recebidos pelos robôs e pelas plataformas de IA, enquanto apenas 37% escolheriam ser cuidados pelos seus filhos.

Ainda que os robôs desenvolvidos para auxiliar os humanos nas tarefas cotidianas já sejam uma realidade, eles ainda não se tornaram populares, especialmente em países como o Brasil. Entre os robôs desenvolvidos para estes propósitos estão o Kirobo, da Toyota; e o Pepper e Romeo, ambos da SoftBank Robotics.

A confiança dos pais jovens nos robôs e nas plataformas de inteligência artificial vai ainda mais longe do que os cuidados recebidos na velhice. De acordo com a pesquisa, dois de cada cinco entrevistados disseram confiar no diagnóstico e tratamento dos robôs no caso de terem filhos doentes.

Quanto à segurança, 31% dos pais temem quando os filhos estão dirigindo. No entanto, se o veículo for autônomo, o número cai para 25%. Além disso, outro reflexo da confiança dos pais na tecnologia é de que três quartos deles afirmaram que incentivarão seus filhos a trilharem uma carreira na engenharia.

Os robôs também seriam preferidos por 74% dos pais na hora de escolherem um tutor para seus filhos. Além disso, 40% dos entrevistados admitiram que se sentiriam confortáveis em terem um “robô-babá” em casa para cuidarem de seus filhos.

No caso de terem um “animal de estimação robótico”, 55% dos pais fariam a troca de um cachorro de verdade por um robô dentro de casa, enquanto que 42% das mães aceitariam essa decisão.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Especialista pode ter encontrado a resposta para estátuas egípcias com nariz quebrado

Na arte e na simbologia religiosa do antigo Egito, a representação da figura humana era celebrada como possível receptáculo de nossas almas ou mesmo de um Deus, em estátuas que possuíam profunda função ritualística. Passados alguns …

Estrela massiva desapareceu sem deixar traços

Um objeto espacial integrante da galáxia anã Kinman desapareceu de nossas vistas, de acordo com uma pesquisa publicada na revista Monthly Notices of the Royal Astronomical Society. Essa estrela excepcionalmente grande foi descrita em 2001 …

Vacina da covid-19 produzida no Brasil será distribuída em dezembro, se aprovada

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) pode começar a distribuir a vacina contra a COVID-19 em dezembro deste ano, caso os testes finais se mostrem efetivos para evitar a propagação da doença. A vacina vem sendo …

Hong Kong: um dia após adoção da lei de segurança nacional, polícia prende 180 manifestantes

Um homem que carregava uma bandeira a favor da independência de Hong Kong se tornou nesta quarta-feira (1°) a primeira pessoa presa com base na nova lei de segurança do território, promulgada na véspera …

Brasil tem 1.280 mortes por covid-19 nas últimas 24 horas

A contagem das vítimas da epidemia do novo coronavírus no Brasil, divulgada pelo painel do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e pelo Ministério da Saúde, voltou a registrar mais de mil mortes pela …

Google compra startup de óculos inteligentes

Após um fim de semana de boatos, o Google confirmou na terça-feira (30) que é o novo proprietário da North. A startup canadense ficou conhecida por seus óculos de realidade aumentada Focals, que mais parecem …

Cientistas trazem à tona explicação por que chovem diamantes em Netuno

Uma equipe de cientistas teorizou que diamantes podem se formar através de metano em planetas como Netuno e Urano, que possuem temperaturas maiores que as esperadas em seus centros. As profundezas dos planetas mais afastados do …

França se despede de Fessenheim, sua mais antiga central nuclear

Após 43 anos de funcionamento, na noite desta segunda-feira (29) para terça-feira (30), a central nuclear francesa de Fessenheim, localizada no nordeste do país, deixará definitivamente de operar, antes de ser desmontada. Uma vitória para …

Inteligência artificial: robô real está sendo treinado para estrelar filme de ficção científica

Uma robô japonesa chamada Erica foi escalada para ser a protagonista de um filme de ficção científica chamado “b”. Criada por cientistas japoneses, a atriz não humana recebeu aulas de atuação seguindo o clássico método …

Ministro da Educação distorceu experiência acadêmica na Alemanha

O professor Carlos Decotteli mal havia sido anunciado como novo ministro da Educação quando passou a ter suas credenciais acadêmicas contestadas. Primeiro, foi revelado que ele nunca havia completado seu doutorado, ao contrário do que …