Passagem do supertufão Mangkhut deixa pelo menos 29 mortos nas Filipinas

Um dia depois da feroz passagem do tufão Mangkhut pelas Filipinas, as autoridades confirmaram a morte de pelo menos 29 pessoas, enquanto se busca dez desaparecidos e à medida que as equipes de resgate conseguem chegar a áreas remotas castigadas pelo maior fenômeno da temporada.

O assessor Francis Tolentino, designado pelo presidente Rodrigo Duterte para supervisionar a resposta ao desastre nas regiões afetadas, confirmou hoje esses últimos números em entrevista à imprensa em Cagayan, província onde chegou o temporal, chamado de Ompong nas Filipinas.

A maioria destas mortes aconteceram por causa de deslizamentos de terra nas regiões montanhosas que receberam as fortes chuvas e fortes ventos trazidos pelo Mangkhut em sua passagem ontem pelo norte da ilha de Luzon, no extremo norte do país.

O presidente Rodrigo Duterte visitou hoje a província de Cagayan, onde realizou uma “inspeção aérea” para avaliar os danos, e se reuniu em sua capital, Tuguegarao, com seu gabinete para discutir os trabalhos de resposta imediata e de reconstrução.

Compartilho minhas condolências com quem perdeu seus entes queridos“, afirmou o presidente em pronunciamento ao vivo na televisão, no qual afirmou que o governo está fazendo de tudo o que tem em mãos para “o país voltar à normalidade o mais rápido possível”.

Está previsto que Duterte visite amanhã a região de Cordillera, onde, por enquanto, foram registradas mais vítimas, 24 mortos e 13 desaparecidos; enquanto na província de Nueva Ecija foram confirmados quatro mortos e em Ilocos um.

Em Cordillera uma família de seis membros morreu quando sua casa na cidade de Baguio foi soterrada por um deslizamento de terra; e em Nova Vizcaya um homem de 36 anos e três de seus filhos – um de dois anos e outro de oito meses – morreram nas mesmas circunstâncias enquanto o resto de sua família estava em um abrigo.

Segundo Tolentino, por enquanto não há notícias de vítimas nas províncias de Cagayan e Isabela, no litoral nordeste da ilha de Luzon, e que foram as primeiras a receber as chuvas do tufão.

O assessor do presidente ressaltou que deve se terminar hoje as tarefas de busca e resgate para poder começar amanhã os trabalhos de reconstrução nas áreas afetadas, com o objetivo principal de restaurar a energia eletricidade e as comunicações.

Mais de 130 mil pessoas permaneciam neste domingo ainda nos abrigos montados pelo Governo e cerca de 15 mil estavam refugiados em casas mais seguras de familiares, segundo os últimos dados divulgados pelo Centro Nacional de Redução de Desastres.

Apesar das dificuldades de acesso, a ajuda internacional já começou a fluir, precisamente 20 mil sacos de arroz do Programa Mundial de Alimentos; além de US$ 570 mil doados por Austrália em artigos de primeira necessidade para 25 mil pessoas, que serão distribuídos pela Cruz Vermelha.

A agência espacial norte-americana, NASA, publicou entretanto imagens do “interior” do supertufão, criadas a partir de dados obtidos esta sexta-feira por um satélite do observatório GPM – Global Precipitation Measurement, um projeto conjunto da NASA e da agência espacial japonesa JAXA.

NASA

NASA publica imagens do “interior” do supertufão Mangkhut

As imagens, montadas na animação acima, mostram a variação da quantidade de chuva por hora no interior do supertufão. A vermelho estão assinaladas as zonas de maior nível de precipitação.

A passagem do temporal, o pior que chega às Filipinas desde o supertufão Haiyan em 2013, afetou, por enquanto, mais de 250 mil pessoas de maneira direta, segundo a Cruz Vermelha, embora mais de 5 milhões de filipinos vivam nas áreas atingidas pelo Mangkhut. Antes do passagem do tufão, o Governo filipino designou mais de US$ 30 milhões para os trabalhos de emergência.

Após tocar terra na cidade de Baggao, no litoral nordeste do país na sexta-feira, o Mangkhut tinha ventos de até 305 km/h, fortes chuvas e provocou ondas de até seis metros.

Hong Kong emite alerta máximo

Em sua trajetória para o oeste, o tufão foi enfraquecendo aos poucos e saiu da área de responsabilidade das Filipinas no sábado por volta das 21h, rumo a Hong Kong (China) com ventos entre 120 km/h e 170 km/h.

O Observatório de Hong Kong emitiu neste domingo alerta máximo por causa da chegada do tufão Mangkhut, que apresenta uma grande “ameaça” para a cidade, assim como para várias províncias do sudeste de China.

O alerta permanecerá em vigor durante as próximas horas, quando se esperam ventos com velocidades de mais de 118 km/h.

Às 10h (horário local, 23h de sábado em Brasília), o Mangkhut estava a cerca de 150 quilômetros a sudeste de Hong Kong, com um deslocamento de oeste-noroeste a 30 km/h para o litoral da província de Guangdong.

Mangkhut continua se movimentando constantemente para a costa ocidental de Guangdong, aproximando-se cada vez mais de Hong Kong com uma grande ameaça”, alertou hoje a agência oficial de notícias “Xinhua”, que explicou que ao meio-dia é quando o fenômeno meteorológico impactará mais forte sobre a ex-colônia britânica.

As autoridades aconselharam os moradores a não sair de casa, manter-se afastados de janelas e portas exteriores e não se aproximar do litoral, enquanto a maioria dos voos no aeroporto internacional de Hong Kong foram cancelados.

Espera-se que o Mangkhut toque terra esta tarde nas regiões litorâneas entre Zhuhai e Zhanjiang, na província de Guangdong. O governo central pediu aos locais do sudeste do país que se preparem para possíveis desastres por causa dos fortes ventos e chuvas esperadas.

// EFE

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Planalto suspende indicação de Eduardo Bolsonaro para embaixada nos EUA

O Palácio do Planalto decidiu deixar em suspenso a indicação do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, para assumir a embaixada brasileira nos Estados Unidos, em meio a uma crise política …

Preso pai de família que vivia isolada na Holanda

Ex-membro de culto de 67 anos viveu quase uma década recluso, com os seis filhos, numa zona rural. Polícia suspeita privação de liberdade. Antes fora detido um austríaco, presumível locatário do sítio. Está detido o pai …

"É muito provável que haja verdadeiros análogos da Terra", afirma novo estudo

Um novo método de análise geoquímica de planetas distantes sugere que os muitos exoplanetas semelhantes à Terra podem existir fora do Sistema Solar, de acordo com pesquisa. Há um traço comum entre rochas de asteroides, ou …

Equipe 100% feminina vai para o espaço pela primeira vez na história da NASA

As astronautas norte-americanas Christina Koch e Jessica Meir deixaram juntas nesta sexta-feira (18) a Estação Espacial Internacional (ISS) para fazer um reparo de controladores de energia, marcando a primeira vez em seis décadas da história …

Tratamento para tuberculose é recorde, mas 3 milhões não têm acesso

Em 2018, o número de pessoas que receberam tratamento para a tuberculose bateu um recorde histórico em grande parte devido a uma melhor detecção e diagnóstico da doença. Em todo o mundo, sete milhões de pessoas …

"Blob": o que é a misteriosa criatura com 720 sexos e sem cérebro

Ele não tem boca, estômago, olhos, tampouco pode detectar ou digerir alimentos. Também não tem braços ou pernas, mas consegue se locomover — e, em um único dia, dobrar de tamanho. É capaz de aprender e …

Planalto suspende indicação de Eduardo Bolsonaro para embaixada nos EUA

Desgaste político e crise entre clã Bolsonaro e PSL minam nomeação do filho do presidente, que dificilmente seria aprovada pelo Senado. Caso ocorre após batalha pela liderança da legenda na Câmara. O Palácio do Planalto decidiu …

EUA aplicam tarifas punitivas sobre produtos da UE

Após aval da OMC, entram em vigor aumentos tarifários de 10% e 25%, afetando 7,5 bilhões de dólares em produtos do bloco europeu. Bruxelas poderá retaliar com sanções. As autoridades de comércio dos Estados Unidos confirmaram …

Polícia libera filho do chefe do narcotráfico El Chapo depois de emboscada

Alvos de uma violenta represália dos narcotraficantes, os policiais mexicanos foram obrigados a soltar Ovidio Guzmán López, um dos filhos do célebre El Chapo, do cartel de Sinaloa, pouco depois de prendê-lo, nesta quinta-feira (17) …

Pesquisa identifica quais as preferências musicais em cada região do Brasil

Ainda que a cultura brasileira tenha o hábito de importar, no bom e no mal sentido, tudo que pode de países estrangeiros – em especial dos EUA e alguns países da Europa – na hora …