Para China, lei americana que apoia manifestantes em Hong Kong é “abominação”

O governo chinês reagiu nesta quinta-feira (28) à promulgação da lei americana nesta quarta-feira (27), pelo presidente americano Donald Trump, que apoia o movimento pró-democracia em Hong Kong.

O texto foi qualificado de “abominação absoluta que oculta outras intenções” pela China, que promete “represálias” em plena guerra comercial entre os dois países. A lei, diz o governo chinês, é uma “ingerência grave” nas questões internas do país e “transmite uma mensagem equivocada aos manifestantes”.

Segundo o Ministério das Relações Exteriores, a iniciativa americana está fadada ao fracasso. O texto disse que o governo chinês, apoia descaradamente os atos cometidos contra cidadãos inocentes “que foram golpeados, feridos e queimados por delinquentes violentos”, denunciou o regime chinês.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, promulgou nesta quarta-feira (27) a lei que apoia os manifestantes pró-democracia em Hong Kong. A resolução foi adotada há alguns dias por maioria no Congresso. Após a medida, Pequim convocou o embaixador dos Estados Unidos, em sinal de reprovação.

O território semiautônomo de Hong Kong vive há quase seis meses o maior movimento de protestos desde que o Reino Unido o devolveu para a China, em 1997. “Aceitei a resolução por respeito ao presidente Xi (Jinping), à China e ao povo de Hong Kong“, explicou Trump em um comunicado.

“Promulguei a lei na esperança de que os líderes e representantes da China e de Hong Kong saibam solucionar, de forma amistosa, suas divergências”, acrescentou. Desde seu início, as manifestações no território semiautônomo têm provocado confrontos entre policiais e manifestantes.

A decisão do presidente foi celebrada tanto por senadores do Partido Republicano como por membros da oposição democrata. Os senadores Marco Rubio e Jim Risch, ambos republicanos, e os democratas Ben Cardin e Bob Menéndez emitiram uma declaração conjunta.

Segundo Rubio, os “Estados Unidos agora têm ferramentas novas e significativas para dissuadir uma maior influência e interferência de Pequim nos assuntos internos de Hong Kong”.

“Após as eleições históricas do final de semana em Hong Kong, que incluíram uma participação recorde, esta nova lei não poderia ser mais oportuna para mostrar um forte apoio dos Estados Unidos à liberdade” dos habitantes da ilha, continuou.

“Os Estados Unidos não apenas observam, como também apoiam os manifestantes enquanto caminham para a autossuficiência, a democracia e os direitos humanos”, declarou Cardin.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

NVIDIA e Stefanini anunciam que desenvolverão Inteligência Artificial no Brasil

A Nvidia Enterprise e a Woopi, empresa do Grupo Stefanini focada em Inteligência Artificial (IA) anunciaram nesta quarta-feira (24) uma parceria para desenvolver soluções de IA e processamento de linguagem natural. E o primeiro projeto …

250 mil mortos por covid no Brasil: o que significa esse número

O Brasil acumula um quarto de milhão de mortes por covid-19, às vésperas de se completar um ano desde o primeiro caso de coronavírus ter sido identificado no país. Segundo as contas do consórcio de imprensa …

Na diplomacia das vacinas, Israel troca imunizante por reconhecimento de Jerusalém como capital

No combate à Covid-19, Israel é exemplo mundial. A metade da população do Estado hebreu já recebeu pelo menos uma dose da vacina contra o coronavírus e um terço está completamente imunizada, com as …

"Subestimar Rússia de Putin é sempre um erro", diz indicado de Biden para chefiar CIA

Nesta quarta-feira (24), William Burns, o indicado do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, para o cargo de diretor da CIA, disse que subestimar a Rússia é sempre um erro e acusou a China de …

Chinês é condenado a pagar indemnização à ex-mulher por trabalho doméstico

Um tribunal na China ordenou um homem a pagar compensações a sua ex-esposa pelo trabalho doméstico realizados por ela durante os cinco anos em que estiveram casados, segundo divulgou a imprensa chinesa nesta quarta-feira (24/02). O …

Oceano Atlântico cresce e Pacífico encolhe. Ciência tem nova resposta para fenômeno

Durante a era paleozoica, entre 200 a 540 milhões de anos atrás, o planeta Terra possuía somente um único e imenso continente – a Pangeia, rodeada por um único oceano, intitulado Pantalassa. Depois de uma série …

Um acelerador de partículas cósmico, muito mais poderoso do que o LHC foi descoberto no espaço

Cientistas rastrearam uma partícula fantasma para uma estrela despedaçada e descobriram um gigantesco acelerador de partículas cósmico. A partícula subatômica, chamada de neutrino, foi lançada em direção à Terra depois que a estrela condenada chegou muito …

Mulher de 'El Chapo' Guzmán é presa nos EUA acusada por narcotráfico

Foi presa nesta segunda-feira (22/02) nos Estados Unidos Emma Coronel Aispuro, 31, mulher de Joaquín "El Chapo" Guzmán, ex-líder do cartel de drogas mexicano Sinaloa. Aispuro, que tem cidadania mexicana e americana, foi presa no aeroporto …

Gana é o primeiro país do mundo a receber vacinas do programa Covax, da OMS

Gana recebeu nesta quarta-feira o primeiro lote mundial de vacinas financiadas pelo programa Covax, que proporciona aos países de renda baixa e média as primeiras doses de fármacos antiCovid. Os imunizantes foram enviados de …

Variante da Califórnia parece ser mais contagiosa e resistente a vacinas, aponta estudo

Um novo estudo confirma que a mutação do SARS-CoV-2 na Califórnia, EUA, é mais contagiosa e mais resistente a vacinas, embora a escala de sua ameaça ainda não esteja clara. Uma variante descoberta pela primeira vez …