O polêmico restauro do Ecce Homo já tem um rival à altura

(dr) ArtUs Restauración Patrimonio

Escultura de São Jorge, na Igreja de San Miguel de Estella, em Navarra, antes e depois do restauro

Uma escultura espanhola do século XVI que retrata São Jorge, na Igreja de San Miguel de Estella, em Navarra, está envolvida em polêmica depois do restauro feito por um artesão local.

A escultura de São Jorge, que se encontra na Igreja de San Miguel de Estella, em Navarra, foi restaurada a pedido de um pároco que não pretendia melhorar toda a obra, mas apenas “limpar um espaço que estava sujo”, afirmaram representantes do Arcebispado de Pamplona à EFE.

Porém, de acordo com o presidente da Associação Profissional de Conservadores e Restauradores da Espanha (ACRE), Fernando Carrera, o resultado mais provável é a perda de quase toda a pigmentação original da escultura com 500 anos.

“Ainda não sabemos ao certo a gravidade dos danos, mas a impressão é de que se eliminou a policromia antiga e de que o dano é irreversível”, explica o responsável, acrescentando que a associação pretende abrir um processo judicial contra as pessoas responsáveis pelo ‘restauro’.

Tendo em conta a relevância histórica da escultura, que retrata São Jorge com uma armadura lutando contra um dragão em cima de um cavalo, Carrera considera que os danos possam ser ainda mais graves do que os causados, em 2012, ao Ecce Homo.

A pintura do século 19 que retrata Jesus e que foi ‘melhorada’ por Cecilia Giménez, uma octogenária de Borja cheia de boas intenções mas que não tinha qualquer experiência.

“Porém, dessa vez não queremos que a história vire um motivo de piada, como aconteceu com o Ecce Homo”, afirma. “Queremos sim que a sociedade perceba que se trata de um dano ao patrimônio cultural, que pertence a todos, que esse tipo de ação está regulamentada por lei e queremos que seja cumprida”.

Carrera afirma que os restauros amadores ainda são muito comuns na Espanha e que muitos casos acabam passando despercebidos por não terem grande repercussão.

“O patrimônio é tão amplo que não há controle sobre esse tipo de atitude. É preciso sobretudo que a Igreja Católica melhore o controle sobre seu patrimônio, porque essas intervenções ocorrem principalmente com obras eclesiásticas”, explica.

(dr)

Ecce Homo, de Elías García Martínez, “restaurado” por Cecilia Giménez

O episódio na Igreja de San Miguel de Estella, que veio a público na semana passada através dos vídeos compartilhados nas redes sociais, provocou reações na imprensa e entre figuras da política espanhola.

O prefeito de Estella, Koldo Leoz, escreveu no Twitter que, “infelizmente, para a antiquíssima escultura e para o patrimônio da cidade, um pároco decidiu por conta própria solicitar a renovação (porque não seria justo chamar de restauro) a um artesão local”.

Não duvido da boa vontade tanto do padre como da pessoa encarregada de profanar a obra de arte mediante técnicas nada apropriadas, mas a negligência de ambos é muito grave e não pode ser justificada com a desculpa da boa vontade”, prosseguiu.

“Deveriam ter alertado tanto a prefeitura como o governo, e teríamos evitado a perda, com quase toda a certeza, da policromia original da escultura, assim como a estrutura original da armadura usada na época (no século 16). Esperamos agora a avaliação da equipe técnica para ver se a escultura de São Jorge tem salvação”.

Em declarações à EFE, o diretor do Serviço de Patrimônio da região, Carlos Martínez Álava, adiantou que o governo de Navarra já abriu uma investigação. “Essa ação foi realizada sobre bens que estão registrados como patrimônio cultural de Navarra, por isso, para haver um projeto (de restauro) é preciso ter a nossa aprovação”.

Martínez Álava acrescentou que o aspecto desgastado da escultura de madeira “poderia indicar que precisava de fato de uma limpeza, mas o trabalho do restaurador foi um tanto excessivo”. O diretor acredita, porém, que a escultura talvez ainda seja “recuperável”.

Ciberia // BBC / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Covid: saúde mental piorou para 53% dos brasileiros sob pandemia, aponta pesquisa

Mais da metade dos brasileiros entrevistados por uma pesquisa declararam que sua saúde emocional e mental piorou desde o início da pandemia, em índice superior à média dos 30 países e territórios pesquisados. Segundo pesquisa do …

Senado oficializa criação da CPI da Pandemia

Presidente do Senado diz que foco deve estar nas ações e omissões do governo federal e no repasse de recursos da União para estados e municípios. STF julgará determinação do ministro Barroso que ordenou abertura …

Bernie Madoff, maior golpista da história, morre em prisão norte-americana, diz relato

Bernard Madoff, o ex-financista que realizou a maior fraude de investimento na história dos Estados Unidos, morreu aos 82 anos de idade, de acordo com relatos da mídia. Em 2009, o notório financista recebeu uma sentença …

Salvator Mundi, obra mais cara de Da Vinci avaliada em R$2,6 bi, é vista em iate de príncipe

A obra de arte mais cara do mundo é ‘Salvator Mundi’, atribuída a Leonardo da Vinci. Com valor estimado em mais de 400 milhões de dólares ou superior aos 2,6 bilhões de reais, seu paradeiro …

Variante indiana da Covid-19 se propaga mais rápido e é menos detectada por testes PCR

A Índia enfrenta a pior onda de contaminações da Covid-19 desde o início da pandemia, com mais de 165 mil casos registrados nas últimas 24 horas: duas vezes mais do que no último pico, em …

Tipo sanguíneo não afeta risco de contrair COVID-19, diz novo estudo

Um estudo buscou entender se determinados tipos sanguíneos trazem mais riscos de contrair a COVID-19, e concluiu que não é o caso. Com a pandemia, muito se questiona em relação ao comportamento da COVID-19 em nosso …

Buracos negros são famintos, mas possuem boas maneiras à 'mesa', aponta estudo

Todos os buracos negros supermassivos nos centros das galáxias possuem períodos nos quais devoram a matéria situada de seus arredores. De acordo com um estudo publicado na revista científica Astronomy & Astrophysics, as galáxias ativas têm …

Pnad e Caged: No auge do desemprego, Brasil enfrenta falhas nas estatísticas do mercado de trabalho que confundem e desorientam

Num momento em que o país tem registrado números diários de mortes por covid-19 que ultrapassam 4 mil e diversos Estados e municípios reforçam medidas de distanciamento social, na tentativa de conter a propagação do …

Jovem negro de Minnesota morreu por “disparo acidental”, afirma polícia

Policial teria confundido arma de descarga elétrica com arma de fogo. Incidente em meio a julgamento da morte de George Floyd acirra tensões e agrava protestos. Mineápolis e outras cidades ampliam toque de recolher. A policial …

Bia, assistente de voz do Bradesco, vai responder mensagens de assédio

O Bradesco precisou tomar providências para proteger uma mulher de assédio. No caso, uma mulher que nem existe fisicamente. A mulher que dá voz ao sistema de inteligência artificial do aplicativo, a Bia (sigla para Bradesco …