Sarcófago preto encontrado no Egito pode pertencer a Alexandre, o Grande

(dr) Ministério de Antiguidades do Egito

O maior sarcófago já descoberto na cidade de Alexandria, no Egito, será aberto nos próximos dias, depois de permanecer totalmente intacto mais de dois milênios. Os especialistas têm esperanças que o artefato preto encontrado possa pertencer ao lendário Alexandre, o Grande.

O túmulo de granito – de 2,65 metros de comprimento, 1,65 metro de largura e 1,85 metro de altura – foi encontrado durante escavações de rotina realizadas na cidade egípcia antes de ser autorizado a construção de um edifício no lugar.

Ao lado da tumba, os arqueólogos encontraram também uma cabeça de alabastro,  rocha semelhante ao mármore, que provavelmente retrava a personalidade no interior do sarcófago.

O arqueólogo egípcio Ayman Ashmawy disse, em entrevista ao Telegraph, que o fato de o sarcófago ter sido construído em granito mostra a importância social do seu proprietário, principalmente porque Asuan, a cidade de onde a rocha foi possivelmente extraída, se situa a mais de mil quilômetros de Alexandria.

No entanto, sem abrir a tumba, restam poucas informações sobre a identidade do homem que foi enterrado, já que a cabeça em pedra está irreconhecível devido à ação da erosão ao longo dos séculos.

Além disso, o túmulo não contém qualquer palavra ou frase gravada que possam ajudar a identificar o dono. Os arqueólogos estimam que o sarcófago pertença a um cidadão nobre que viveu no Egito ptolomaico, que começou após a morte de Alexandre, o Grande, entre 323 e 30 a.C.

“Quando abrirmos o sarcófago, esperamos encontrar objetos intactos, que nos ajudem a identificar essa pessoa e sua posição”, Ayman Ashmawy, funcionário do Ministério de Antiguidades do Egito.

Mundo procura tumba de Alexandre

Durante centenas de anos, arqueólogos e exploradores por todo o mundo têm procurado encontrar o sarcófago do rei da Macedônia. No entanto, até agora, todas as tentativas para encontrar o túmulo de Alexandre, o Grande, foram mal sucedidas.

Os arqueólogos estimam que foram realizadas, pelo menos, 140 tentativas sem sucesso para encontrar o túmulo de Alexandre. No entanto, esse misterioso sarcófago preto encontrado no Egito sugere que algo de importante pode estar para ser desvendado – ou até mesmo seus restos mortais.

“O mundo inteiro está à procura da tumba de Alexandre. Temos a certeza de que foi enterrado em Alexandria. E a descoberta do sarcófago demonstra que um dia, quando se estiver demolindo uma vila ou uma casa, pode se encontrar sua tumba”, disse Hawass.

No entanto, abrir pela primeira vez o sarcófago vai exigir muito trabalho preliminar. “É arriscado abri-lo de imediato, temos que nos preparar”, indicou Ashmawy.

Ashmawy explicou ainda o motivo de o túmulo ser aberto no próprio lugar onde foi encontrado. “É difícil movê-lo e abri-lo depois em um museu. O artefato está a 5 metros de profundidade e pesa mais de 30 toneladas. Só a tampa pesa mais de 15 toneladas”, sustentou.

Nas próximas semanas, uma equipe de engenheiros vai visitar o local para fornecer equipamentos pesados e suportes estruturais de forma a remover a tampa do sarcófago. Depois de retirar a tampa, serão chamados especialistas em mumificação e restauração para garantir que o conteúdo se mantém preservado, uma vez que é exposto pela primeira vez em milênios.

Alexandre, o Grande – também conhecido como Alexandre Magno ou Alexandre III –, viveu no século 4 a.C e foi um importante rei da Macedônia. Em apenas 33 anos de vida, o rei construiu um enorme império, que ia desde o sudeste da Europa até a Índia. E, por isso,  é considerado o maior líder militar da Antiguidade.

Ciberia // Sputnik / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Greve global pelo clima está marcada para o dia 19 de março

As mudanças climáticas costumam ser tratadas como uma pauta menos urgente e com maior prazo para ser resolvida, mas a verdade é que, pela gravidade do quadro e pela totalidade de sua abrangência, ela é …

Farmacêutico dos EUA que danificou centenas de doses da Moderna declarou-se culpado

O farmacêutico que tentou sabotar quase 600 doses da vacina da Moderna do Aurora Medical Center, no estado norte-americano de Wisconsin, se declarou culpado. O farmacêutico norte-americano Steven Brandenburg, de 46 anos, se declarou culpado por …

Cepa brasileira eleva preocupação mundial com mutações do coronavírus

A variante do coronavírus do Amazonas, assim conhecida por ter sido detectada pela primeira vez em pessoas que estiveram no estado brasileiro, ao lado de cepas identificadas no Reino Unido e na África do Sul, …

AstraZeneca nega que venderá vacinas ao setor privado

A farmacêutica soltou um comunicado após o governo federal brasileiro ter dado aval para empresas privadas adquirirem um lote de 33 milhões de doses do imunizante. Mais cedo, o presidente Jair Bolsonaro comemorou a possibilidade. A …

Islândia começa a emitir 'passaportes de vacinação' em meio à polêmica na UE

A Islândia emitiu seus primeiros "certificados" de vacinação destinados a facilitar as viagens de pessoas vacinadas contra a Covid-19, os chamados "passaportes de vacinação", segundo informações das autoridades nesta terça-feira. Ela se tornou um …

Governo alemão rejeita especulações sobre baixa eficácia da vacina de Oxford

Ministério da Saúde sugere que jornais confundiram proporção de idosos no estudo da AstraZeneca com percentual de eficácia em pessoas acima de 65 anos. Imbróglio deve ser esclarecido com análise de reguladores europeus. O ministro da …

Cidade é a 1 ª da América do Norte a ter doação automática de órgãos

A Nova Escócia acaba de se tornar a primeira jurisdição na América do Norte a implementar a doação automática de órgãos para quem vive na região. A nova Lei de Doação de Órgãos e Tecidos Humanos …

O maior mar da lua Titã pode ter mais de 300 metros de profundidade

Os oceanos da Terra não são os únicos que guardam vários mistérios ainda não explorados: os lagos e mares de Titã, a maior lua de Saturno, também são enigmáticos. Assim, em um novo estudo, astrônomos …

Xi deixa alerta para Biden: protecionismo norte-americano pode gerar 'nova Guerra Fria'

O líder chinês deixou um aviso para o presidente norte-americano, Joe Biden: os EUA arriscam entrar em uma nova Guerra Fria se continuarem com as políticas protecionistas do ex-presidente Donald Trump. Em um discurso virtual na …

Polícia prende ladrões que abriam túmulos e roubavam crânios para rituais nos EUA

A polícia do condado de Lake, no estado da Flórida, nos EUA, prendeu dois homens acusado de violarem sepulturas e roubarem crânios e ossos no cemitério Edgewood, na região. A investigação utilizou DNA encontrado em charuto, …