Sem salários, peritos oficiais do Rio de Janeiro podem paralisar atividades

Os peritos criminais e legistas do Rio de Janeiro decidem em assembleia, esta segunda-feira (16) à noite, se paralisa as atividades a partir de terça-feira (17).

“Ninguém está querendo, com uma greve, prejudicar a população, mas, infelizmente, o governo do estado só entende dessa forma”, disse à Agência Brasil a presidente da Associação dos Peritos Oficiais do Estado do Rio de Janeiro (Aperj), perita criminal Denise Rivera.

Serão levados para a assembleia assuntos comuns às categorias de peritos e temas específicos. Daí a dificuldade de se chegar a um consenso, explicou a presidente. Segundo ela, os peritos oficiais não receberam o salário de dezembro, nem têm previsão para recebimento do décimo terceiro salário.

“Muitos já estão endividados. O índice de suicídios aumentou muito dentro da polícia. A gente tem que tomar alguma providência. Não tem como continuar atendendo à população sem salário”, comentou.

Em nota, a Aperj diz que os peritos oficiais se encontram ainda “sob a ameaça” de ter os direitos suprimidos, “com redução de 20% do salário, perda dos triênios e da incorporação da GDL (Gratificação Delegacia Legal), prevista para este mês.

Do mesmo modo, destaca que as pensionistas “que dependem do Estado e estão sem receber desde outubro, sobrevivem graças à solidariedade de parentes ou outros funcionários que não foram atingidos pela crise do Estado”.

Prioridades

Mesmo que seja definida greve por tempo indeterminado, Denise assegurou que as perícias de rua – que envolvem morte de pessoas nas vias públicas, acidentes de trânsito com vítimas, entre outros – não serão suspensas.

A gente não pode deixar de fazer”. Ela deixou claro, porém, que a paralisação ainda não foi decidida. É uma proposta. Já as mortes que ocorrerem dentro de residências terão que aguardar, bem como lesões corporais que não sejam muito graves.

“A gente vai demorar um pouco mais. A prioridade será para estupro, homicídios, que a gente não pode deixar de fazer”.

Os peritos legislas são os médicos legistas, odonto legistas e psicólogos legistas que compõem a perícia médica legal e atuam no Instituto Médico Legal Afrânio Peixoto (IMLAP) do Rio de Janeiro, por exemplo.

Já os peritos criminais trabalham em laboratórios como o Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE) e o Instituto de Pesquisas e Perícias em Genética Forense (IPPGF), que faz exames de DNA.

Em todo o estado do Rio de Janeiro são 465 peritos criminais e 400 peritos legistas. Desse total, 350 são filiados à Aperj.

Denise explicou que como o sindicato da categoria acabou de ser fundado (Sindperj), mas ainda está sendo registrado no Ministério do Trabalho e Previdência Social, os peritos que não estão associados à Aperj decidiram que querem ficar no Sindperj.

Vítimas

A Aperj pede à população que entenda que os peritos oficiais também são “vítimas deste governo incompetente” e pede desculpas aos cidadãos do estado “pela forma precária como o atendimento tem sido realizado”. De acordo com a Aperj, há falta de condições mínimas para a realização do trabalho pericial.

“Os prédios dos institutos que compõem a estrutura de perícia no estado não são adequados para comportar a complexidade das atividades realizadas neles. Muitas irregularidades colocam em risco não apenas a objetividade na elaboração dos laudos, mas também a saúde dos profissionais”, acrescenta.

Segundo a nota, a precariedade dos IMLs do estado tem sido noticiada em vários telejornais, com imagens de corpos expostos sem refrigeração, com total falta de higiene, onde os peritos e demais funcionários trabalham de forma insalubre.

Além disso, as pessoas que aguardam os resultados de exames de DNA sofrem longa e angustiante espera, pois não há insumos que permitam o atendimento de todos os casos”.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"

As medidas de isolamento social adotadas para conter o novo coronavírus (SARS-CoV-2) estão deixando a Terra mais silenciosa - ao menos para os “ouvidos” sensíveis dos sismógrafos. É que as atividades humanas, tais como a circulação …

IA sincronizada com música cria rostos falsos, o resultado pode se aterrorizante

As pessoas ainda aprendem a melhor forma de empregar as redes neurais artificiais, aprendizado de máquina e avanços em inteligência artificial. Entre as pesquisas práticas há a busca por empregar essas técnicas de forma a …

Coronavírus: 92% das mães nas favelas dizem que faltará comida após um mês de isolamento

"Muitas pessoas entraram na linha de pobreza da noite para o dia. O casal que trabalhava no shopping na semana retrasada, que recebia por semana, fez a compra da semana passada e nesta semana já …

Dois anos após mortes de Marielle e Anderson, Anistia Internacional cobra identificação de mandantes

Dois anos após os assassinatos da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) e do motorista Anderson Gomes, em 14 de março de 2018, o crime permanece sem solução e ilustra a impunidade no combate à violência …

Coronavírus poderia ser a 1ª de muitas outras pandemias futuras, adverte cientista

Apesar do registro de mais de um milhão de infectados à escala mundial, a doença poderia ser suplantada por patologias bem mais perigosas. Comparando com as doenças que poderiam reaparecer como resultado do aquecimento global, o …

Pesquisadores portugueses revelam que os neandertais foram pioneiros na exploração de recursos marinhos

Um novo estudo liderado por pesquisadores da Universidade de Lisboa (Portugal) descobriu que a familiaridade dos hominídeos com o mar e os seus recursos é muito mais antiga do que se pensava – ao que …

Filipinas: presidente Duterte diz que polícia deve matar quem perturbar confinamento

O presidente filipino, Rodrigo Duterte, disse que as forças de ordem podem abater qualquer pessoa que provoque “transtornos” nas regiões onde o confinamento da população foi decretado. As autoridades do país tentaram minimizar as declarações …

Evangélicos fazem coro com Bolsonaro e negam riscos do coronavírus

O presidente Jair Bolsonaro gosta de copiar o seu ídolo americano, Donald Trump – da suposta inofensividade do coronavírus até os poderes de cura de medicamentos como cloroquina e hidroxicloroquina, passando pela teoria da conspiração …

'Estamos em guerra': França confiscou 1 milhão de máscaras destinadas à Espanha e Itália

Os dois países se envolveram em uma disputa diplomática depois que parte das máscaras com destino a outros países vindas da China foram retidas em cidades francesas. As autoridades francesas apreenderam milhões de máscaras que uma …

Sobrevivente da 2ª Guerra e Gripe Espanhola se cura do coronavírus ao 104 anos

Depois da Segunda Guerra Mundial e da pandemia de gripe espanhola, a nova inimiga do soldado aposentado William ‘Bill’ Lapschies, nascido em Salem em 1916, foi a Covid-19 – e ele venceu a batalha! Aos 104 …