Sim, a turbulência continua um dos maiores mistérios da Física

Quem costuma viajar de avião, certamente já teve de lidar com a sensação desagradável de passar por uma zona de turbulência. Apesar de ser algo comum, a verdade é que este fenômeno continua, para muitos cientistas, um dos mais importantes mistérios da Física que precisam ser desvendados.

“Quando me encontrar com Deus, vou fazer-lhe duas perguntas: por que a relatividade é tão complexa e como se explica a turbulência. Tenho a certeza que Deus terá resposta para a primeira”.

Atribuída a cientistas de renome, entre eles o físico quântico alemão Werner Heisenberg e o matemático britânico Horace Lamb, esta frase é, porém, de autoria desconhecida. Mas uma coisa é certa: reflete com precisão a complexidade que este fenômeno esconde.

Qual seria a melhor palavra para descrever uma turbulência? Caos.

Complexa e importante…

No fundo, o fenómeno é o movimento desordenado de um fluido. Suas moléculas não seguem trajetórias paralelas, mas formam turbilhões. Também pode ser definida como um estado de agitação.

“É o tipo de fluido em movimento mais comum, mais importante e mais complicado”, afirmou o engenheiro aeronáutico britânico, Peter Bradshaw, num livro que escreveu sobre o assunto em 1971.

Décadas depois, ainda não há muitas mais informações do que havia nesta época e, ainda hoje, muitos cientistas concordam com Bradshaw.

“A turbulência existe em uma série de eventos naturais e produzidos pelo Homem, desde correntes oceânicas e atmosféricas até aquelas que circulam num radiador”, afirmam Alexander Smith, professor de engenharia aeroespacial na Universidade de Princeton, nos Estados Unidos, e Ivan Marusic, professor de engenharia mecânica da Universidade de Melbourne, na Austrália, em artigo publicado na revista científica Physics Today.

“Tem efeitos no clima, nos níveis de poluição, nas alterações climáticas e no design de dispositivos de propulsão, turbinas de energia eólica, corações artificiais e sistemas de irrigação”, dizem os especialistas.

…e também imprevisível

O movimento feito pela água em volta do pilar de uma ponte que atravessa um rio com uma forte corrente é um exemplo perfeito de turbulência.

As moléculas na água começam a bater no pilar e, por sua vez, contra si mesmas. Uma série de movimentos é então produzida com uma variedade de direções e velocidades.

A energia gerada neste caso provoca mudanças imprevisíveis, e essa característica dificulta a compreensão deste fenômeno.

“A análise de movimentos que não podem ser previstos e a interação de um número infinito de partículas é muito difícil de modelar. Até mesmo os recursos tecnológicos mais modernos não conseguiram resolver os mistérios da turbulência”, afirma Alasdair Wilkins em artigo para a revista Ciência Inversa.

Os anos passam e os segredos deste fenômeno continuam a fascinar os cientistas. Será que algum dia vão conseguir decifrá-los? Ou vão ter mesmo que perguntar a Deus?

Ciberia // BBC / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Empresa japonesa testa nova molécula contra a Covid-19

O grupo japonês Fujifilm anunciou nesta quarta-feira (1) o início de testes clínicos de seu medicamento antigripal Avigan para avaliar sua eficácia contra o novo coronavírus. Até o final de junho, o produto vai ser …

Razão pela qual tubarões caçam em torno da Europa e EUA é revelada

Tubarões e grandes prestadores marinhos evitam caçar em águas quentes equatoriais e preferem viver mais ao norte e ao sul, em zonas que compreendem a Europa, os Estados Unidos e a África do Sul. Os tubarões …

Os distanciamentos do coronavírus mudaram a maneira como a Terra se move

As pessoas têm ficado em casa para diminuir a velocidade com a qual o novo coronavírus se espalha. Mas essa atitude pode significar que o planeta também está se movendo um pouco menos. Pesquisadores que estudam …

Facebook não quis investigar desinformação vinda de site norte-americano

“Facebook” e “transparência” são duas palavras que geralmente estão juntas em pautas mais espinhosas, e desta vez não é diferente: segundo uma reportagem veiculada pelo jornal norte-americano The New York Times, a rede social mais …

Maduro denuncia navio turístico 'pirata' português que afundou embarcação da Marinha venezuelana

O presidente venezuelano Nicolás Maduro denunciou o ataque e afundamento de um barco da Marinha da Venezuela por um navio turístico "pirata", a noroeste da ilha de La Tortuga. Na noite de segunda-feira (30), o navio …

Mundo do futebol tenta atenuar perdas financeiras com reduções de salários

O mundo do futebol, como qualquer actividade que gera dinheiro e emprega pessoas, começa a sentir os efeitos do confinamento visto que em quase todas as partes do mundo não se pratica futebol e os …

Políticos da oposição pedem renúncia de Bolsonaro em manifesto

Haddad, Ciro, Boulos e outras lideranças endossam documento crítico à atuação do presidente diante da pandemia de coronavírus. Texto diz que Bolsonaro é um líder irresponsável e agrava a crise com mentiras e crimes. Políticos da …

Economia alemã pode encolher até 5,4% em 2020

Conselho de Consultores Econômicos aponta que pandemia de coronavírus vai, inevitavelmente, levar a Alemanha a uma recessão ainda no primeiro semestre deste ano. A pandemia do novo coronavírus vai, inevitavelmente, levar a Alemanha a uma recessão …

Tênis da Apple nunca comercializado é vendido em leilão por R$ 50 mil

  Você já ouviu falar dos tênis da Apple? Se disse não, está entre a maioria, porque a grande parte das pessoas, mesmo os fãs mais ardorosos da companhia, talvez sequer saibam que esses calçados tenham …

Coronavírus: custo alto pode deixar países mais pobres sem acesso a vacina contra covid-19

A geneticista molecular Kate Broderick faz parte de uma equipe de cientistas por trás de um dos 44 projetos que tentam desenvolver uma vacina para a covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus, em todo …