Tribunal autoriza Tesla a derrubar floresta nos arredores de Berlim

Luciana Macêdo / Fotos Públicas

O Tribunal Administrativo Superior de Berlim-Brandemburgo, na Alemanha, autorizou nesta quinta-feira (20/02) a fabricante americana de carros elétricos Tesla a continuar derrubando uma floresta nos arredores de Berlim para a construção de sua primeira fábrica na Europa.

No fim de semana, a mesma corte havia emitido uma liminar determinando que a empresa suspendesse o corte de árvores enquanto analisava recursos apresentados por grupos ambientalistas, entre eles a associação de proteção ambiental Grüne Liga Brandenburg.

Em comunicado nesta quinta-feira, o tribunal afirmou que rejeitou todos os pedidos de urgência contra a derrubada da floresta e que essa decisão é final.

Em seus protestos, ativistas ambientais alemães argumentaram que a “gigafábrica” da Tesla em Grünheide, no estado de Brandemburgo, planejada para produzir baterias e carros elétricos, afetará a vida selvagem local, bem como o fornecimento de água.

Elon Musk, fundador e CEO da Tesla, rebateu afirmando que a fábrica na Alemanha usará muito menos água num dia típico do que os ambientalistas alegam. Ele acrescentou que a floresta que está sendo desmatada “não é uma floresta natural, mas foi plantada para fabricação de papelão, e apenas uma pequena parte será usada” para a construção da Tesla.

Na semana passada, o Ministério do Meio Ambiente da Alemanha autorizou a empresa a iniciar a derrubada da floresta para preparar o terreno para sua “gigafábrica”, mas “por sua conta e risco”, já que a empresa ainda não recebeu a licença final para a construção do prédio.

Segundo o ministério alemão, reclamações contra a nova fábrica ainda podem ser feitas até 5 de março e, depois disso, a permissão para a construção será analisada.

A companhia americana planeja derrubar 92 hectares de floresta para sua “gigafábrica”, que deve ser inaugurada em 2021. O plano inicial de Musk é produzir ali 150 mil veículos elétricos por ano, podendo chegar a 500 mil veículos. Estima-se que até 12 mil funcionários sejam contratados.

A Tesla anunciou em novembro passado que construiria sua quarta “gigafábrica” nos arredores de Berlim – atualmente, já existem duas nos Estados Unidos e uma na China –, o que dividiu a opinião de moradores.

Uma área de 300 hectares em Grünheide, numa região conhecida por suas vastas florestas e numerosos lagos e rios, foi vendida à empresa pelo estado de Brandemburgo por 41 milhões de euros (190 milhões de reais).

A liminar que suspendeu a derrubada de floresta no fim de semana dividiu opiniões. Até mesmo membros de legendas ambientalistas chegaram a criticar a tentativa de associações de interromper a construção da fábrica da Tesla.

Em entrevista ao jornal Berliner Zeitung, a política do Partido Verde Ramona Pop disse que “nem sempre você tem que se opor a tudo”. “É um absurdo declarar uma plantação de pinheiros como uma floresta. Precisamos manter alguma perspectiva. O futuro investimento da Tesla precisa ser permitido rapidamente a favor de uma mobilidade limpa e da proteção do clima.”

O ministro da Economia alemão, Peter Altmaier, disse recentemente que a “gigafábrica” em Berlim era um dos mais importantes empreendimentos industriais do estado em muito tempo, além de ser muito importante para o sucesso da transição energética.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Potência agrícola da Europa, Itália enfrenta falta de mão de obra para manter cadeia produtiva de alimentos

“Existe o risco de escassez de alimentos no mercado mundial, devido a perturbações derivadas da COVID-19 no comércio internacional e nas cadeias de suprimentos” . Este foi o alarme lançado na quarta-feira (1) em …

"Gangue" de cabras selvagens toma conta das ruas de uma cidade britânica em quarentena

Um rebanho de cabras selvagens simplesmente tomou as ruas desertas de Llandudno, no País de Gales, enquanto seus residentes ficam dentro de casa para limitar a propagação do coronavírus. O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, …

Floresta tropical de mais de 90 milhões de anos é descoberta na Antártica

Os restos do que outrora teria sido uma floresta tropical na Antártica foram descobertos em uma amostra de gelo obtida no continente congelado. A floresta, que existiu há 90 milhões anos, quando os dinossauros ainda habitavam …

Há uma mensagem codificada no rover Perseverance, que será enviado a Marte

Em breve, a missão Mars 2020 levará, no rover Perseverance, três chips com os nomes de 10.932.295 pessoas ao Planeta Vermelho. Uma foto da placa onde os chips estão anexados foi divulgada, mas o que …

Brasil ruma para "tempestade perfeita" em meio a pandemia

Abril teria sido um mês ocupado para os hospitais brasileiros, de qualquer modo: enquanto a população ainda enfrentas o vírus da dengue, a estação da gripe vai começar a se manifestar. Em 2020, porém, o …

Empresa japonesa testa nova molécula contra a Covid-19

O grupo japonês Fujifilm anunciou nesta quarta-feira (1) o início de testes clínicos de seu medicamento antigripal Avigan para avaliar sua eficácia contra o novo coronavírus. Até o final de junho, o produto vai ser …

Razão pela qual tubarões caçam em torno da Europa e EUA é revelada

Tubarões e grandes prestadores marinhos evitam caçar em águas quentes equatoriais e preferem viver mais ao norte e ao sul, em zonas que compreendem a Europa, os Estados Unidos e a África do Sul. Os tubarões …

Os distanciamentos do coronavírus mudaram a maneira como a Terra se move

As pessoas têm ficado em casa para diminuir a velocidade com a qual o novo coronavírus se espalha. Mas essa atitude pode significar que o planeta também está se movendo um pouco menos. Pesquisadores que estudam …

Facebook não quis investigar desinformação vinda de site norte-americano

“Facebook” e “transparência” são duas palavras que geralmente estão juntas em pautas mais espinhosas, e desta vez não é diferente: segundo uma reportagem veiculada pelo jornal norte-americano The New York Times, a rede social mais …

Maduro denuncia navio turístico 'pirata' português que afundou embarcação da Marinha venezuelana

O presidente venezuelano Nicolás Maduro denunciou o ataque e afundamento de um barco da Marinha da Venezuela por um navio turístico "pirata", a noroeste da ilha de La Tortuga. Na noite de segunda-feira (30), o navio …