Variante da Califórnia parece ser mais contagiosa e resistente a vacinas, aponta estudo

Um novo estudo confirma que a mutação do SARS-CoV-2 na Califórnia, EUA, é mais contagiosa e mais resistente a vacinas, embora a escala de sua ameaça ainda não esteja clara.

Uma variante descoberta pela primeira vez no estado norte-americano da Califórnia em dezembro, é mais contagiosa do que as formas anteriores do novo coronavírus, mostra um novo estudo, alimentando a preocupação de que novas mutações como esta possam impedir o declínio acentuado de casos em todo o estado e talvez em outros lugares.

“Eu gostaria de ter melhores notícias para dar a vocês, que essa variante não é significativa […]. Mas, infelizmente, nós apenas seguimos a ciência”, afirmou Charles Chiu, virologista da Universidade da Califórnia, EUA, ao jornal The New York Times.

A variante, conhecida como B.1.427/B.1.429, surgiu pela primeira vez na Califórnia em abril, mas não apareceu no radar dos cientistas até dezembro, quando casos da variante dispararam rapidamente no estado. A mutação já apareceu até o momento em 45 dos 50 estados norte-americanos e em vários outros países, incluindo Austrália, Dinamarca, México e Taiwan. Mas até agora só decolou na Califórnia.

No entanto, os cientistas não tinham certeza se a variante era de fato mais contagiosa do que as cepas anteriores ou se se tornou mais comum simplesmente por acaso, por exemplo, por meio de alguns eventos de superdisseminação.

Novo estudo

Na nova pesquisa, que ainda não foi publicado em uma revista científica, os pesquisadores analisaram 2.172 amostras de vírus coletados na Califórnia entre setembro de 2020 e janeiro de 2021. Eles descobriram que, embora a variante ainda não tivesse aparecido em setembro, em janeiro se tornou a variante predominante na Califórnia, com casos dobrando a cada 18 dias, relata o The o New York Times.

Os pesquisadores realizaram experimentos em laboratório para procurar evidências de que a nova variante tinha uma vantagem biológica. Eles descobriram que a mutação tinha pelo menos 40% mais eficiência na infecção de células humanas do que as variantes anteriores.

E quando mediram o material genético encontrado em equipamentos usados ​​para testes de COVID-19, os pesquisadores descobriram que as pessoas infectadas com a variante produzem uma carga viral duas vezes maior do que a de outras variantes.

Isso pode significar que as pessoas infectadas com a variante Califórnia podem espalhar o novo coronavírus mais facilmente do que as pessoas infectadas com outras cepas. Os pesquisadores disseram que suas descobertas significam que B.1.427/B.1.429 deve ser considerado uma “variante de preocupação” semelhante às variantes que surgiram no Reino Unido, África do Sul e Brasil.

O estudo também descobriu que a nova variante pode escapar do sistema imunológico melhor do que outras. Os anticorpos de pessoas que se recuperaram de infecções de outras variantes foram menos eficazes no bloqueio da nova variante em laboratório. O mesmo aconteceu quando os pesquisadores usaram soro sanguíneo de pessoas que haviam sido vacinadas.

Ainda assim, a variante da Califórnia pode não ser tão bem-sucedida quanto a mutação da África do Sul em escapar das vacinas atuais. Em estudos anteriores, a variante sul-africana produziu níveis seis vezes mais baixos de anticorpos do que os níveis produzidos em resposta a outras cepas. Os níveis de anticorpos produzidos em resposta à variante da Califórnia foram apenas duas vezes mais baixos.

Dessa forma, Chiu ressalta que “se conseguirmos vacinar pessoas suficientes, seremos capazes de lidar com essas variantes simplesmente porque não teremos transmissão contínua”.

Em breve, haverá mais dados para avaliar o tamanho do problema que a nova variante apresenta. B.1.1.7, a variante britânica, chegou à Califórnia apenas por volta do início de dezembro e, embora esteja dobrando a cada 12 dias ou mais, ainda é cerca de apenas 2% dos casos de COVID-19 no estado norte-americano.

Agora, a Califórnia se tornará uma espécie de gaiola viral compatível entre as duas variantes, escreve o The o New York Times. Chiu pensa ser possível que B.1.427/B.1.429 suprima a variante estrangeira e continue a dominar o estado. “Vamos descobrir nas próximas semanas”, afirmou.

A Califórnia já registrou 49.869 óbitos em decorrência da COVID-19 e contabiliza 3.542.706 casos da doença. OS EUA têm 28.279.131 casos e 502.432 mortes pelo novo coronavírus.

Ciberia // Sputnik

 

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Ferido em tiroteio, Presidente do Chade morre depois de 30 anos no poder

O Presidente do Chade, Idriss Déby Itno, no poder há 30 anos, morreu nesta terça-feira (20) em decorrência de ferimentos que sofreu no fim de semana, quando comandava uma operação do Exército no combate …

O que acontece com as doses das vacinas AstraZeneca e Janssen que países europeus decidiram não usar?

Enquanto alguns países lutam para obter mais vacinas, outros se perguntam o que fazer com as doses que encomendaram, mas não usarão mais por causa de preocupações com sua segurança. Vários países restringiram o uso das …

Flávio Bolsonaro trabalha com nome favorito para indicação ao STF, diz jornal

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Humberto Martins, é o nome preferido de Flávio Bolsonaro para ser o próximo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). De acordo com a jornalista Bela Megale, do jornal …

Greta Thunberg doa 100 mil euros a consórcio de vacinas

A ativista do clima sueca Greta Thunberg anunciou nesta segunda-feira (19/04) que a fundação que leva seu nome doará 100 mil euros ao consórcio Covax Facility, um programa apoiado pelas Nações Unidas que visa um …

Nasa faz história com primeiro voo de helicóptero direto de Marte

A Agência Espacial dos EUA (NASA) conseguiu executar o primeiro vôo do helicóptero Ingenuity, um pequeno robôzinho voador que vai pairar pela atmosfera de Marte. A máquina conseguiu levantar aos ares do planeta vermelho nessa segunda-feira …

NASA lança telescópio para captar partículas da borda do Sistema Solar

Todo o Sistema Solar está à deriva em um aglomerado de nuvens, uma área limpa por antigas explosões de supernovas. Os astrônomos chamam essa região de Bolha Local. Uma nova missão da agência espacial norte-americana NASA …

Depressão pode ser diagnosticada com um simples exame de sangue

Um exame recém-desenvolvido que monitora biomarcadores sanguíneos ligados a distúrbios de humor poderia levar a novos métodos de diagnosticar e tratar a depressão e o transtorno bipolar, com um simples exame de sangue. Embora a depressão …

EUA aplicaram vacina contra covid-19 em mais da metade dos adultos

Governo americano afirma que quase 130 milhões de pessoas com mais de 18 anos receberam pelo menos uma dose do imunizante contra o coronavírus no país. Mais da metade de toda a população adulta dos Estados …

Covid: Variante acelera intubação de jovens e SP orienta procurar ajuda no 1º dia de sintomas

O avanço da variante P.1, descoberta em Manaus em janeiro, levou a cidade de São Paulo a mudar sua orientação para todos aqueles que forem infectados por coronavírus. Agora, eles devem procurar uma unidade de …

Nepal vê população de rinocerontes aumentar com queda de turismo por pandemia

O Nepal está vendo um crescimento em sua população de rinocerontes. O país abriga boa parte dos dos rinos com um chifre só e eles estão ameaçados de extinção. O país observou que, durante a pandemia …