A executiva do ano na China não tirou nenhum dia de férias em 26 anos

World Economic Forum / Flickr

Dong Mingzhu, presidente da Gree Electric Appliances,

Dong Mingzhu, presidente da Gree Electric Appliances,

A última vez que Dong Mingzhu tirou férias foi em 1991. Presidente de uma das maiores empresas da China, ela foi escolhida pela revista Forbes a executiva do ano do país e há 26 anos não sabe o que é ter um dia livre.

Viúva, a executiva de 62 anos comanda a Gree Electric Appliances, maior fabricante de aparelhos de ar condicionado chinesa, com valor de mercado de US$ 22 bilhões (R$ 68,8 bilhões) e 70 mil funcionários.

Em suas entrevistas, Dong costuma dizer que “não tem outra alternativa” a não ser continuar na Gree por toda a vida. As declarações demonstram sua devoção pela empresa, em que começou como vendedora e que se tornou um gigante. A cada cinco aparelhos de ar condicionados vendidos na China, dois são da Gree Electric.

Mas a executiva reconhece que esta dedicação teve impacto na sua vida pessoal. Dong contou à TV chinesa que nunca assistiu às formaturas do filho, desde os primeiros anos na escola até a universidade. “Para que o mundo seja um lugar melhor, um pequeno grupo de pessoas tem que fazer sacrifícios”, declarou na ocasião.

Descanso garantido

Os trabalhadores chineses têm direito a férias. Segundo o Chinalawblog.com, site especializado na legislação do país, todos os empregados que trabalham de maneira contínua durante um ano devem ter férias remuneradas.

Nos primeiros 10 anos de serviço, o funcionário chinês tem direito a cinco dias de férias por ano. O período aumentará gradualmente e chega a até 15 dias anuais para quem estiver há 20 anos ou mais na empresa.

A China vem emergindo como potência global no setor turístico na medida em que seus cidadãos têm uma renda maior e mais tempo disponível para as atividades recreativas dentro e fora do país.

World Economic Forum / Flickr

Dong Mingzhu costuma dizer que terá muito tempo para descansar quando se aposentar

Dong Mingzhu costuma dizer que terá muito tempo para descansar quando se aposentar

Em maio do ano passado, o grupo Tiens – de biotecnologia e produtos para a saúde – foi notícia na China ao oferecer férias na Espanha para 2.500 dos seus 10 mil funcionários.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, o bilionário chinês Li Jinyuan, dono do grupo Tiens, gastou o equivalente a US$ 8 milhões (R$ 25 milhões) do próprio bolso para levar os funcionários para passear na Espanha.

A empresa fretou 20 aviões e reservou 1.650 quartos de hotel. Em 2015, Li Jinyuan havia levado outros 6.400 funcionários para França.

Mas a executiva Dong Mingzhu está convencida de que o sacrifício da sua vida pessoal se justifica para garantir o bem-estar dos seus milhares de funcionários. Ela costuma dizer que terá muito tempo para descansar quando se aposentar.

// BBC

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

"Não comemorei ou me orgulhei de ter banido Trump do Twitter", diz Jack Dorsey

Em uma série de tuítes, Jack Dorsey, cofundador e CEO do Twitter, defendeu o banimento de Donald Trump da rede social na última sexta-feira (8). Segundo o executivo, essa foi a medida certa para a …

EUA adicionam Xiaomi e mais 8 empresas chinesas à lista de companhias ligadas a militares

Departamento de Defesa dos EUA lista Xiaomi e mais oito empresas por ligações com militares chineses. Para analistas, a listagem é um "frenesi final" do governo Trump em sua campanha anti-China. Na quinta-feira (14), o Departamento …

Petrobras é a segunda maior do mundo em operações no oceano

Entre as 100 maiores corporações transnacionais que operam nos oceanos mundo afora, a Petrobras aparece em segundo lugar. A lista, divulgada nesta quarta-feira (13/01), é parte de uma pesquisa publicada na renomada revista Science Advances, …

Estudo detecta pela 1ª vez em que resulta colisão de 3 buracos negros

Um novo estudo da agência espacial norte-americana NASA revela novas informações sobre o que acontece após colisões entre três buracos negros supermassivos. Com a ajuda do Observatório de Raios X Chandra, da NASA, e vários outros …

5 razões por que 2021 pode ser um ano crucial na luta contra o aquecimento global

O mundo tem um tempo limitado para agir de modo a evitar os piores efeitos das mudanças climáticas. A pandemia de covid-19 foi o grande problema de 2020, sem dúvida, mas espera-se que, até o final …

Supremo da Coreia do Sul confirma 20 anos de prisão para ex-presidente

O Supremo Tribunal confirmou hoje a condenação a 20 anos de prisão pronunciada em 2017 contra a ex-presidente Park Geun-hye, destituída nesse mesmo ano depois de ser reconhecida culpada de corrupção e abuso de poder. …

Esse homem só pode tentar adivinhar a própria senha mais duas vezes para recuperar $236 milhões de dólares em Bitcoin

Com altas recentes no preço do Bitcoin, um fenômeno infeliz está surgindo: pessoas que acumularam incríveis fortunas na criptomoeda estão percebendo que perderam as senhas das suas carteiras digitais criptografadas. Stefan Thomas, um programador em São …

Vacina contra covid-19: a estratégia do país que decidiu vacinar os jovens antes dos idosos

A Indonésia lançou um programa de vacinação em massa gratuito contra a covid-19 em uma tentativa de impedir a propagação do vírus e fazer sua economia voltar a se aquecer. Mas o país está adotando uma …

Com popularidade a mil, Signal vai contratar mais pessoas e otimizar recursos

Recentemente, o Canaltech noticiou que um simples tweet publicado pelo empresário Elon Musk fez com que o Signal, um mensageiro instantâneo conhecido por respeitar a privacidade de seus usuários e ser 100% em código aberto, …

Palácio mais antigo da China de 5.300 anos é descoberto perto de antiga capital

Palácio descoberto no sítio arqueológico de Shuanghuaishu, nos arredores da cidade de Zhengzhou, uma das oito capitais antigas, foi construído por volta de 3300 a.C., ou seja, tem cerca de 5.300 anos, sendo possivelmente a …