Descobertas provas de que a Torre de Babel realmente existiu

(dr) Pieter Bruegel the Elder / Wikimedia

Ilustração da construção da Torre de Babel

Ilustração da construção da Torre de Babel

Há anos que os estudiosos bíblicos têm debatido se a Torre de Babel realmente existiu. Agora, uma inscrição antiga feita em uma pedra fornece uma prova notável a seu favor.

A história da Torre de Babel mencionada no Livro do Gênesis da Bíblia diz respeito à comunicação entre os povos e fala sobre uma torre gigante que teria sido construída por descendentes de Noé após o Dilúvio, com a intenção de eternizar seus nomes.

Segundo a Bíblia, naquela época, os humanos falavam uma só língua e usavam as mesmas palavras. Um grupo de pessoas, que migrava do Oriente, descobriu uma planície em Sinar, na Mesopotâmia, e ali decidiram construir uma torre que fosse tão alta que alcançasse o céu.

Mas, segundo a história bíblica, o Deus hebraico decidiu confundir as línguas para impedir que continuassem com a construção. A cidade recebeu o nome de “Babel”, que significa confusão em hebraico, porque foi lá que Deus dispersou os seres humanos por toda a terra.

Descoberta

No meio dos restos frágeis da famosa cidade na Babilônia, onde é atualmente o Iraque, há uma vasta estrutura que os registros históricos sugerem ter sido a Torre de Babel.

No entanto, não havia nada que comprovasse tal “lenda” – até que o especialista Andrew George, da Universidade de Londres, no Reino Unido, examinou uma pedra antiga e descobriu uma imagem que revela exatamente qual teria sido aparência da torre.

A pedra data do século 6 a.C. e foi encontrada na Babilônia há um século – e sua importância passou despercebida até hoje.

Andrew George analisou o artefato e descobriu um relevo com o desenho de uma torre de degraus e uma figura humana com um bastão e um chapéu em forma de cone. De acordo com o especialista, esta é uma forte prova de que a história bíblica da Torre de Babel foi inspirada por este edifício real.

Essa é a primeira vez que uma inscrição histórica confirma a visão que temos desta estrutura gigante, além de identificar o famoso rei Nabucodonosor II, que teria restaurado ou reconstruido uma torre com andares e uma grande escadaria, como se observa no desenho.

No topo do edifício, teria sido construído um local usado para observação das estrelas e realização de cerimônias religiosas.

Além do notável desenho, a pedra também descreve a construção da estrutura, revelando o envolvimento de toda a região – habitantes do “Mar Alto” (que seria o Mediterrâneo) ao “Mar Baixo” (que seria o Golfo Pérsico).

Segundo o pesquisador, as inscrições na pedra estão de acordo com a história que a Bíblia conta sobre a criação da torre, por isso é bastante provável que Babel tenha sido um edifício real e não apenas ficção.

Ciberia // ZAP / HypeScience

COMPARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. a pesquisa mostra que a biblia é historicamente correta, a humanidade é que por falta de conhecimento vive em confusão, assim como os construtores da torre de babel [que realmente existiu, porque o relato está na biblia, que a palavra de Jeová Deus…

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Carro voador da NASA levanta voo pela primeira vez; veja como foi

A NASA anunciou que os testes com o eVTOL (veículo elétrico voador com decolagem vertical) mais promissor do mercado foram bem-sucedidos. Desenvolvido pela Joby Aviation, o carro voador experimental realizou uma série de procedimentos para coleta …

Mudanças climáticas: cientistas treinam vacas para usar banheiro contra aquecimento global

Vacas podem ser treinadas para usar um banheiro para reduzir as emissões de gases de efeito estufa, segundo uma experiência realizada na Alemanha por pesquisadores alemães e da Nova Zelândia. No estudo, os cientistas treinaram os …

Reprovação a Bolsonaro volta a subir, afirma Datafolha

O Instituto Datafolha apurou que a reprovação ao governo do presidente Jair Bolsonaro aumentou ainda mais, passando para 53% entre as pessoas consultadas, segundo uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira (17/02) pelo jornal Folha de S. …

Empresa norueguesa assegura que pode 'eliminar' furacões antes que se tornem destrutivos

Especialistas ambientais advertem que o sistema de cortina de bolhas proposto pela empresa poderia ela própria provocar efeitos indesejados. A OceanTherm, startup norueguesa, assegura que sua tecnologia pode evitar que as tempestades tropicais se tornem poderosos …

Limitar aquecimento global a 1,5ºC exige redução drástica de gases poluentes, mostra relatório

Manter a temperatura da Terra a 1,5°C será impossível sem uma redução massiva das emissões de gases poluentes. É o que mostra um novo relatório divulgado pela ONU nesta quinta-feira (16). O documento "United …

Alemanha libera entrada para brasileiros que apresentem teste negativo

A Alemanha vai deixar de considerar o Brasil como área de alto risco na pandemia do novo coronavírus a partir deste domingo, anunciou nesta sexta-feira (17/09) o Instituto Robert Koch (RKI), a agência governamental alemã …

Assembleia-Geral da ONU: exigência de vacina ainda não está decidida, mas é improvável que Bolsonaro seja barrado

Perdeu força a possibilidade de que líderes de países tenham que comprovar que se vacinaram contra a covid-19 para participar da 76ª Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), que acontece na semana que vem …

Submarinos: França perde o "contrato do século" para a Austrália, que opta por EUA e Reino Unido

O jornal econômico Les Echos estampa em sua primeira página desta quinta-feira (16) uma notícia, ainda no condicional, que se concretizaria durante a madrugada: "A Austrália desiste de uma encomenda de 12 submarinos franceses …

VSR: o pouco conhecido vírus que se espalha entre crianças no mundo e também no Brasil

No início de 2021, a equipe do Hospital Infantil de Maimonides, no Brooklyn, em Nova York (EUA), começou a experimentar uma cautelosa sensação de alívio. Os casos de covid-19 na cidade estavam em queda. Como …

Com popularidade em queda, premiê britânico Boris Johnson reforma equipe de governo

Após semanas de boatos, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, decidiu modificar o governo nesta quarta-feira para formar uma "equipe unida" e enfrentar os desafios depois de um ano e meio de pandemia e em …