Ato mobiliza comunidade contra extermínio de jovens negros em Belém

(dr) Juliana Aleixo

-

O dia primeiro de abril é considerado por muitas pessoas como o dia da mentira, mas para a comunidade do Barreiro, localizada na Região Metropolitana de Belém, a violência está longe de ser um simples boato. Na comunidade do Barreiro a violência, assim como suas vítimas, é real.

Por isso, a Agência de Notícia Jovens Comunicadores da Amazônia promoveu o seu segundo “Ato contra o Extermínio da Juventude Negra na comunidade”, no último sábado, dia 1 de abril. O evento reuniu dezenas de pessoas no bairro e percorreu várias ruas com a parceira da Pastoral do Menor, pertencente à Paróquia São Benedito.

Andréa do Rosário, coordenadora da Pastoral do Menor na comunidade do Barreiro, relatou a importância do ato para a mobilização da população. “Vai nos ajudar a sensibilizar os moradores da comunidade, que eles possam também saber sobre o extermínio da juventude na periferia”, declarou.

Durante a caminhada, os organizadores do ato abordaram moradores e moradoras com objetivo de sensibilizá-los sobre o tema do extermínio de jovens negros nas periferias, sobretudo chamando a atenção para o direito à vida das juventudes.

Um morador, cuja identidade foi preservada por segurança, relatou a dor em ver seus dois filhos assassinados em menos de um mês. ”Meus filhos nunca se envolveram no mundo do crime. O meu mais velho tinha 33 anos e o menor 12 anos e também não devia nada, mas a polícia que antes protegia, hoje ela mata”.

(dr) Juliana Aleixo

Mulher da comunidade Barreiro

Mulher da comunidade Barreiro

O ato terminou na Paróquia São Benedito, onde foi realizado um cine debate sobre racismo com crianças e adolescentes, a partir da exibição do curta Pode me chamar de Nadí, que retrata atos de racismo vivenciados por uma criança negra.

Extermínio de jovens negros e racismo institucional

De acordo com o Mapa de Violência de 2016, em 1980 foram registrados 8.710 homicídios por armas de fogo, saltando para 44.861 em 2014. A principal vítima da violência homicida no país são jovens negros de 15 a 29 anos.

Em 2003, a pesquisa contabilizou 20.291 vítimas negras; 11 anos depois, em 2014, o número aumentou em 46,9%, passando para 29.813 vítimas.

E essa violência se sustenta no racismo institucional e sistêmico. Estamos falando de vidas invisibilizadas, dentro de uma estrutura racista e negadora de direitos, que ainda respiram o ar do sistema escravista.

Logo, o extermínio segue “padrões” estabelecidos simbolicamente pela sociedade, percepções de quem seria o “elemento suspeito”, ou o “alvo a ser combatido”, padrões que são reproduzidos pelo braço do Estado, por exemplo, através da polícia militar.

O relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito sobre o assassinato de jovens no Brasil, publicado pelo Senado Federal em 2016, chama a atenção para a necessidade do país em combater um de seus maiores problemas sociais: o racismo.

“A morte de jovens negros no Brasil se relaciona fundamentalmente às sequelas provenientes dos mais de três séculos de vigência do regime escravista. A escravidão baseada na clivagem racial acarretou tanto a chaga do racismo, quanto do preconceito e da discriminação racial”, afirma o relatório.

“Até os dias de hoje as desigualdades sociais – notadamente às de renda e, principalmente, às de oportunidades, têm na diferenciação racial sua principal raiz explicativa”, conclui.

DEIXE UMA RESPOSTA:

Ben Affleck afasta dúvidas: “Eu sou o Batman!”

Os últimos dias têm sido de rumores sobre a saída de Ben Affleck do papel de Batman nos vários filmes da DC. O ator esteve neste sábado (22) na Comic Con e negou querer abandonar …

Museu chinês oferece recompensa a quem conseguir decifrar caracteres antigos

Um museu da China pediu a peritos de todo o mundo que ajudem a decifrar caracteres com 3 mil anos de antiguidade e ofereceu milhões de dólares a quem o conseguir, informou neste domingo (23) …

Mistério da carta de Abraham Lincoln teria sido finalmente resolvido

Linguistas forenses acreditam ter resolvido o mistério da famosa “Carta Bixby”, datada da época da Guerra Civil norte-americana, que historiadores atribuem ao presidente Abraham Lincoln. Mas, afinal, a carta não teria sido escrita por ele. Conhecida …

Cientistas descobrem partícula "angelical" que é sua própria antipartícula

Toda partícula fundamental no universo possui uma antipartícula, que tem a mesma massa, mas carga oposta. Se uma partícula encontra sua antipartícula, as duas se aniquilam em um flash de energia. Desde 1937, no entanto, os …

Ações das Forças Armadas serão feitas de surpresa no Rio

As ações das Forças Armadas no Rio de Janeiro, anunciadas nesta semana pelo governo federal, serão feitas de surpresa, sem aviso prévio. A informação é do ministro da Defesa, Raul Jungmann. “Vamos atuar com efeito …

Carta de 1995 com previsões para 2060 é encontrada na Austrália

O texto foi escrito há 22 anos e foi agora encontrado em uma parede como uma espécie de “cápsula do tempo”. A ideia era que só fosse descoberta em 2060. Greg Wilkison é o autor da …

Novo método de reprodução assistida pode aumentar taxa de sucesso de gestação

Uma equipe de pesquisadores da Espanha desenvolveu uma estratégia para melhorar a seleção de espermatozoides para as técnicas de reprodução assistida que “poderia aumentar em 20% a taxa de gestação obtida atualmente através da injeção …

Um em cada três casos de demência pode ser evitado - sem recorrer a medicamentos

Um em cada três casos de demência pode ser evitado se as pessoas cuidarem da saúde do cérebro ao longo da vida. Estima-se que 47 milhões de pessoas sofram da doença no mundo e a …

Efeito gravitacional do Big Bang é observado em cristal

Um efeito exótico na física de partículas, que, conforme a teoria, ocorre em imensos campos gravitacionais – próximo a um buraco negro, ou em condições como a que decorreram logo após o Big Bang – …

Maços de cigarro de maconha serão vendidos em supermercado na Suíça

Aquilo que era um cômico sonho costumeiro entre os usuários de maconha acaba de se tornar realidade: a rede de supermercados Coop acaba de anunciar o primeiro maço de cigarros de maconha industrializado do mundo. O …