Boeing conclui atualização de software do 737 MAX

traft-carissan / Flickr

Avião Boeing 737-800 da frota da Transavia

Empresa afirma ter encerrado testes e aguarda aprovação final da autoridade regulatória americana. Toda a frota do 737 MAX está em terra desde meados de março, após queda de avião da Ethiopian Airlines.

A empresa aeroespacial Boeing anunciou nesta quinta-feira que concluiu a atualização de software do modelo 737 MAX, envolvido em duas quedas nos últimos oito meses e que está banido em quase todo o mundo.

A Boeing assegurou também que finalizou os testes correspondentes, incluindo 207 voos e mais de 360 horas no ar, durante os preparativos para que as aeronaves possam voltar a voar.

“Com a segurança como a nossa prioridade essencial, nós completamos todos os voos de teste de engenharia para a atualização do software e estamos nos preparando para o voo final de certificação”, afirmou o presidente-executivo da Boeing, Dennis Muilenburg.

A empresa americana comunicou ter fornecido à Agência Federal de Aviação dos Estados Unidos (FAA) informações adicionais requeridas sobre como os pilotos interagem com os controles da aeronave em diferentes situações.

Uma vez completado o procedimento, a Boeing espera acertar com a FAA uma data para realizar um voo de teste final e finalizar todo o processo de certificação. Reguladores internacionais vão se encontrar em 23 de maio para avaliar o software da Boeing e os seus planos de treinamento de pilotos.

“Estamos empenhados em dar aos reguladores da FAA e mundo afora toda a informação de que necessitam e fazê-lo bem”, disse Muilenburg. Ele afirmou que a empresa está confiante que os aviões da série 737 MAX com a atualização de software serão “umas das aeronaves mais seguras que já alçaram voo“.

Os acidentes intensificaram nosso compromisso com nossos valores, incluindo segurança, qualidade e integridade, porque sabemos que existem vidas que dependem do que fazemos”, acrescentou Muilenburg.

No início de maio, a Boeing admitiu que engenheiros da empresa haviam identificado uma falha no software de alertas aos pilotos nos modelos 737 MAX já em 2017, vários meses antes da queda da aeronave da empresa Lion Air. A Boeing disse que a diretoria da empresa só ficou sabendo dessa falha depois da tragédia na Indonésia, que deixou 189 mortos.

Toda a frota do 737 MAX está em terra desde meados de março, depois do segundo acidente, com uma avião da Ethiopian Airlines, que causou a morte de 157 pessoas.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Papa Francisco defende união civil homossexual

Pela primeira vez desde que assumiu a liderança da Igreja Católica, pontífice se manifesta a favor da união civil entre pessoas do mesmo sexo. "Gays têm direito a ter família, são filhos de Deus", diz …

Obama faz campanha para Biden e tenta ganhar votos republicanos com evento drive-in na Pensilvânia

Em seu primeiro evento presencial do ano, o ex-presidente Barack Obama vai participar de uma campanha drive-in na noite desta quarta-feira (21) na Pensilvânia. A expectativa é que Obama conquiste eleitores negros no sul …

Cientistas acabam de descobrir um órgão misterioso escondido no centro da cabeça humana

Cientistas fizeram uma descoberta anatômica surpreendente, encontrando o que parece ser um misterioso conjunto de glândulas salivares escondidas dentro da cabeça humana que de alguma forma passaram despercebidas até agora. Essa “entidade misteriosa” foi identificada acidentalmente …

Estudo revela por que formigas são excepcionalmente fortes

Neste trabalho, os pesquisadores conseguiram obter imagens detalhadas do que ocorre no tórax de uma formiga, tirando raios-X e criando modelos 3D para analisar os músculos e o esqueleto interno. Pesquisadores de universidades do Japão e …

Hackers russos são acusados de planejarem ataques contra as Olímpiadas do Japão

Hackers russos estariam planejando uma nova onda de ataques contra a organização das Olímpiadas de 2020, que aconteceriam neste ano, no Japão, e foram transferidas para 2021 devido à pandemia do novo coronavírus. Mais uma …

Pais de 545 crianças separadas na fronteira dos EUA não foram localizados

Famílias foram separadas como parte da política anti-imigração de Trump a partir de 2017. Muitos dos pais podem ter sido deportados sem os filhos. Os pais de 545 crianças migrantes que foram separadas deles nos Estados …

ONG Repórteres Sem Fronteiras denuncia deterioração da liberdade de imprensa no Brasil

Um novo relatório publicado nesta terça-feira (20) pela ONG Repórteres sem Fronteiras (RSF) denuncia o aumento de ameaças a jornalistas e veículos de comunicação no Brasil em 2020. Para a organização civil, sediada em …

Empreendedor mineiro cria vassoura mágica que também é meio de transporte

A sensação de voar em uma vassoura mágica se tornou possível em Belo Horizonte, Minas Gerais, pelas mãos do empreendedor Alexandre Russo, de 28 anos. Fundador da empresa Nuvem Vassouras, o mineiro criou a “Real Flying …

Bebês ingerem 1,5 milhão de partículas de microplástico por dia, diz estudo

Um bebê de 12 meses ingere, em média, mais de 1,5 milhão de partículas de microplástico por dia que são liberadas da mamadeira, revelou um estudo divulgado nesta segunda-feira (19/10). O impacto destas micropartículas para …

Aumento na densidade do espaço fora do sistema solar é descoberto pela sonda espacial Voyager

Em novembro de 2018, após uma viagem épica de 41 anos, a Voyager 2 finalmente cruzou a fronteira que marcava o limite da influência do Sol e entrou no espaço interestelar. Mas a missão da …