No futebol não deu, mas o Brasil ficou em terceiro lugar na Copa do Mundo de Física (na Rússia)

IPT-Brasil / UFABC

Não deu no futebol, mas o Brasil trouxe o bronze na Copa do Mundo de Física, também na Rússia. Pela primeira vez na história, estudantes brasileiros venceram o International Physicists’ Tournament 2018.

“Infelizmente a Seleção Brasileira de Futebol foi eliminada pela Bélgica. Mas na Física, eliminamos Rússia, Polônia, Ucrânia, Croácia e muitas outras até chegar à grande final da Copa do Mundo de Física”, comemoram os alunos na página do IPT Brasil no Facebook.

Os alunos são da UFABC, em São Paulo. Com a premiação feita em abril, eles agora estão classificados para a disputa do ano que vem na Suíça.

O IPT é uma competição que reúne estudantes de graduação e mestrado em física do mundo todo. Os alunos competem entre si por meio de provas e desafios que envolvem a resolução de problemas da área.

Neste ano, o campeonato chegou à sua 10ª edição e marcou a segunda participação do Brasil – a estreia do país aconteceu em 2017, juntamente com a ida da equipe da UFABC à Suécia. Naquele ano, o time ficou em 11º lugar na classificação geral e em 1º lugar nas Américas.

Nesse segundo ano, a equipe que participou e trouxe o bronze foi composta pelos estudantes de engenharia Gustavo Saraiva e Ricardo Gitti, os graduandos em física André Juan e Matheus Pessôa e os mestrandos em física Andrius Dominiqui, Lucas Maia e Lucas Tonetto, liderada pelo mestre Henrique Ferreira.

“A [equipe da] Suíça apresentou um alto-falante sem partes móveis, a da França analisou o som que uma porca (ferramenta) faz ao ser girada dentro de um balão e nós apresentamos um buraco negro supersônico”, disse Matheus Pessôa, de 20 anos, um dos estudantes vencedores, em entrevista ao SNB.

“Além disso, recebemos a confirmação da publicação de um dos nossos trabalhos numa revista internacional, a Emergent Scientist, sobre um método de estudar a composição e homogeneidade de um sistema composto por chá e mel utilizando a difração da luz”, revelou.

Campanha

Para viajar e participar da competição, a equipe da UFABC fez uma vaquinha online para arrecadar dinheiro. Os alunos precisavam de R$ 30 mil e conseguiram menos da metade. Mesmo assim, foram para a disputa. “No ano que vem, não queremos depender mais de vaquinha. Seria legal sermos patrocinados”, disse Matheus.

“Mesmo com o baixo investimento que tivemos, conseguimos chegar longe. Infelizmente, a Ciência no Brasil não é tratada como investimento, e sim, como um gasto, mas mesmo assim a busca por conhecimento nos leva a sonhar mais alto e a conseguir grandes feitos. Uma nação é feita disso”, afirma.

Ao pensarem no Brasil, também pensem na Física e em tudo o que somos capazes de fazer”, disse a equipe na cerimônia de encerramento do evento.

Ciberia // Só Notícia Boa

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Após 25 anos em queda, mortalidade infantil volta a subir no país

O índice de mortalidade infantil voltou a aumentar no Brasil, pela primeira vez, desde 1990. Segundo dados do Ministério da Saúde, a taxa de mortalidade de 2016 ficou em 14 óbitos infantis a cada mil …

Cinco meses de intervenção no Rio: chacinas aumentam e apreensão de arma diminui

O Observatório da Intervenção, do Centro de Estudos de Segurança e Cidadania da Universidade Cândido Mendes, divulgou nesta segunda-feira (16) um balanço dos cinco meses de intervenção federal no Rio de Janeiro. A conclusão? “Muito …

Feminicídio: funcionária do Ministério dos Direitos Humanos é assassinada

Uma funcionária terceirizada do Ministério dos Direitos Humanos foi assassinada neste sábado (14), em Santa Maria, região administrativa do Distrito Federal a cerca de 26 quilômetros do centro de Brasília. A 33ª Delegacia de Polícia …

Mergulhador manda Elon Musk enfiar submarino onde dói mais; empresário reage: "Pedófilo"

Elon Musk, o multimilionário da Tesla, se envolveu em uma troca de insultos no Twitter com um dos mergulhadores que participaram do resgate dos 12 adolescentes da Tailândia, chegando mesmo a chamá-lo de “pedófilo”. O CEO …

Brasil é ouro na Olimpíada Internacional de Matemática

Um estudante brasileiro conquistou medalha de ouro na Olimpíada Internacional de Matemática (IMO) em Cluj-Napoca, na Romênia. Pedro Lucas Lanaro Sponchiado, de 17 anos, é de São Paulo. Desde 2012 o Brasil não conseguia um …

Violência toma conta da festas na França: 2 pessoas morreram

Pelo menos duas pessoas morreram e cerca de 300 foram detidas na sequência dos episódios de violência registrados na França, neste domingo (15), nas festas pela vitória da seleção francesa na Copa do Mundo de …

Nova Constituição de Cuba reconhecerá propriedade privada

Esboço de reforma apresentado em diário do Partido Comunista acena com mudanças profundas na política, judiciário, economia e sociedade cubanas. Comissão encarregada é liderada por ex-presidente Raúl Castro. O governo de Cuba revelou novos detalhes sobre …

Naufrágio do século XVI é encontrado na Flórida, mas seu tesouro pertence à França

Um naufrágio do século XVI, sobrevivente de uma das primeiras viagens europeias à América, foi descoberto na costa da Florida. O achado guarda tesouros que valem milhões de dólares, mas uma juíza americana determinou que a …

NASA pode ter destruído as primeiras provas de vida em Marte

A NASA pode ter destruído provas da existência de vida em Marte nos anos 1970. O carbono esteve no solo marciano o tempo todo, mas, infelizmente, os Vikings podem ter incendiado tudo. Em 1976, a NASA …

Evo Morales inaugura linha mais veloz do teleférico de La Paz

O presidente da Bolívia, Evo Morales, inaugurou neste sábado a linha mais veloz do sistema de teleféricos da capital do país, o mais longo e extenso do mundo, uma das obras entregues por ocasião dos …