Cidade perdida de 4 mil anos que “sobreviveu” ao Estado Islâmico é descoberta no Iraque

UGZAR / Darek Piasecki

Rio Grande Zab, em cujas margens foi encontrada a cidade antiga de Xarab-I Kilashin, no Curdistão iraquiano

Rio Grande Zab, em cujas margens foi encontrada a cidade antiga de Xarab-I Kilashin, no Curdistão iraquiano

Uma equipe de arqueólogos desenterrou os vestígios de uma antiga cidade perdida da Mesopotâmia, com 4 mil anos, no Curdistão iraquiano, e que conseguiu resistir intacta às profanações do Estado Islâmico (EI).

A cidade milenar de Xarab-I Kilashin situa-se nas imediações do Grande Zab, um rio afluente do Tigre, e tem cerca de 300 metros de diâmetro, dimensão que surpreendeu os arqueólogos.

Até agora, nenhuma outra cidade deste tamanho, datando de antes da Idade Média, tinha sido descoberta nesta zona do mundo.

“O que é surpreendente é o tamanho deste assentamento. Todos os assentamentos precedentes evidenciados na área são muito pequenos em tamanho, raramente excedendo um hectare. O mesmo se pode dizer de assentamentos contemporâneos a Xarab-i Kilashin, o nosso local urbano, que eram meras vilas”, nota Rafal Koliński, pesquisador da Universidade Adam Mickiewicz, na Polônia, em declarações à IBTimes UK.

Estruturada em um semicírculo em torno da margem norte do rio, em uma zona que pertencia à Mesopotâmia no fim do terceiro milênio antes da era cristã, os arqueólogos acreditam que Xarab-I Kilashin era uma cidade administrativa, governada por algum senhor.

Nas escavações foram ainda, encontradas mais de 12 mil peças de cerâmica e selos decorativos que ficaram a salvo dos roubos e da destruição cometida pelo EI.

UGZAR / Darek Piasecki

Selo decorativo de terracota encontrado na cidade antiga de Xarab-I Kilashin, no Curdistão iraquiano

Selo decorativo de terracota encontrado na cidade antiga de Xarab-I Kilashin, no Curdistão iraquiano

Os jihadistas do EI profanaram vários espaços históricos no Iraque e na Síria, como a lendária Palmira. Xarab-I Kilashin teria ficado fora de seu alcance por estar enterrada, o que poderia acontecer com várias outras cidades antigas ainda não descobertas.

Os arqueólogos estudam a zona, em uma área de 3 mil metros quadrados no chamado Crescente Fértil, desde 2012, no âmbito do projeto UGZAR – Upper Greater Zab Archaeological Reconnaissance (Reconhecimento Arqueológico do Grande Zab Superior).

A análise dos artefatos encontrados permite afirmar que na cidade se realizava a produção intensiva de cerâmica. “Os selos de terracota usados para decorar tecidos sugerem oficinas de tecelagem, indústria típica das cidades do sul da Mesopotâmia”, destaca Koliński.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Otan tenta exibir união, enquanto líderes são flagrados falando de Trump

Chefes de Estado e de Governo de 29 países participaram nesta quarta-feira (4) do segundo dia da cúpula de aniversário de 70 anos da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), em Watford, nos arredores …

Radar aéreo descobre um navio viking em uma fazenda

Um estudo do Instituto Norueguês de Pesquisa do Patrimônio Cultural (NIKU) descobriu um navio viking em uma fazenda usando radar aéreo. O achado foi uma surpresa e um golpe de sorte, uma vez que este local …

Casamentos entre pessoas do mesmo sexo saltam 61,7% no Brasil

O número de casamentos realizados entre pessoas do mesmo sexo em 2018 aumentou 61,7% em relação ao ano anterior, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (04/12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com …

Uber do entulho te ajuda a descartar resíduos corretamente

O lixo é definitivamente um problema contemporâneo de dimensões globais – e não só a qualidade, o material ou o destino desse lixo, mas também a forma de descarta-lo. Dos 387 quilos de resíduos que o …

Asteroide passará perto da Terra a 27.000 km/h na sexta-feira, alerta NASA

Um grande corpo celeste está se movendo na direção da Terra e chegará ao ponto mais próximo do nosso planeta nesta sexta-feira (6). De acordo com as estimativas da NASA, o asteroide 2019 WR3 mede entre …

Mensagem misteriosa pintada em urso polar na Rússia alarma pesquisadores

Imagens compartilhadas por perfis russos nas redes sociais com um urso polar pintado em spray com o símbolo "T-34" ter alarmado especialistas. Eles advertem que a pintura — cujas circunstâncias ainda não foram identificadas — pode …

Experimento deve provar que microgravidade inibe crescimento de tumores

De onde estiver, Stephen Hawking segue presente na ciência, e seus últimos conselhos devem render uma descoberta para lá de impressionante (e revolucionária). Em conversa com um pesquisador da Austrália, o gênio da física falou sobre …

Justiça absolve Lula e Dilma no caso "quadrilhão do PT"

Juiz que analisou caso afirma que denúncia apresentada por Rodrigo Janot contra cúpula do PT em 2017 foi tentativa de "criminalizar a atividade política". Ministério Público pediu absolvição dos réus em outubro. A Justiça Federal do …

Chineses ativam o primeiro radiotelescópio posicionado no lado afastado da Lua

Um experimento que levou mais de um ano para ser concluído no lado afastado da Lua finalmente está em funcionamento. Não está ainda 100%, mas o Netherlands-China Low-Frequency Explorer (NCLE) já consegue captar sinais de …

"Vão ter que mudar", diz Greta sobre Bolsonaro e Trump em retorno à Europa

A ativista chegou em Lisboa na tarde desta terça-feira (3), 21 dias depois de sair dos EUA a bordo de um veleiro. A jovem sueca retorna à Europa para participar da COP 25, a conferência …