Cientistas querem descobrir se existe um universo paralelo que espelha o nosso

Cientistas do Laboratório Nacional de Oak Ridge, nos Estados Unidos, estão trabalhando para criar um portal que nos permitiria vislumbrar um universo paralelo idêntico ao nosso — só que “do avesso”.

Este “Mundo Invertido” da vida real, de acordo com a teoria, seria um espelho do nosso universo, contendo planetas e, possivelmente, vida. A cientista e física por trás do projeto se chama Leah Broussard, com a equipe esperando completar o equipamento para testar a ideia “maluca” ainda em 2019.

Apesar de o assunto soar como roteiro de Stranger Things ou lembrar alguns episódios de Star Trek, um universo paralelo espelhado ao nosso é uma ideia que tem sido repetidamente sugerida por físicos como um meio de tentar explicar resultados anômalos em suas pesquisas. Contudo, até agora não há nenhuma prova concreta de que tal universo digno de ficção científica seja real.

Esses resultados anômalos datam da década de 1990, quando físicos mediram o tempo que partículas de nêutron demoravam para se decompor em prótons ao serem removidas do núcleo de um átomo. Foram feitos dois experimentos separados em que viram os nêutrons se quebrarem em taxas diferentes, em vez de se decomporem e se tornarem prótons exatamente na mesma velocidade — o que era o esperado.

Em um dos estudos, os nêutrons livres foram capturados por campos magnéticos e então agrupados em armadilhas de laboratório; no outro, foram detectados pelo aparecimento de partículas de prótons de um reator nuclear. Essas partículas, no reator, viveram nove segundos a mais do que as partículas armazenadas nas armadilhas.

Então, a existência de um universo espelhado ofereceria uma explicação plausível: haveria duas vidas separadas de nêutrons, e seria possível que 1% deles fossem capazes de cruzar a divisão entre a nossa realidade e o mundo espelhado antes de cruzar de volta e emitir um próton detectável.

Sendo assim, o novo experimento de 2019 vai disparar um feixe de nêutrons em uma parede impenetrável. Do outro lado dessa parede, haverá um detector de nêutrons, e espera-se que ele não detecte absolutamente nada.

Mas caso ele registre a presença de nêutrons, a teoria é de que eles podem ter atravessado a parede enquanto oscilavam entre o nosso universo e o espelhado. Broussard garante que “somente aqueles que podem oscilar e voltar ao nosso universo poderão ser detectados”.

Além disso, ela e sua equipe também montarão campos magnéticos em ambos os lados da parede em questão, podendo alterar sua força. É esperado que forças, como a magnética, sejam capazes de ajudar na oscilação das partículas.

Ciberia // CanalTech / NBC News

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

George W. Bush: o suposto plano para matar ex-presidente dos EUA desbaratado pelo FBI

Um simpatizante do Estado Islâmico planejava assassinar o ex-presidente dos EUA George W. Bush, mas o plano foi descoberto pelo FBI (polícia federal americana), segundo autoridades dos Estados Unidos. O suspeito, um residente de Ohio, supostamente …

O que se sabe sobre misterioso surto de varíola dos macacos

Casos recentes da doença na América do Norte e Europa acenderam o alerta entre especialistas. Endêmico na África, vírus é transmitido por animais contaminados e por contato próximo prolongado entre pessoas. Autoridades de saúde na América …

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …