Cinco pessoas são mortas por atirador em aeroporto nos Estados Unidos

Cinco pessoas foram mortas por um atirador no aeroporto de Fort Lauderdale, na Flórida. O tiroteio ocorreu na área de retirada de bagagens do terminal 2.

Além dos cinco mortos, oito pessoas foram feridas e o suspeito de cometer os crimes foi preso.

Centenas de pessoas acompanharam a movimentação de policiais e médicos envolvidos no socorro. Autoridades de segurança locais afirmaram que o atirador chegou ao aeroporto em um voo vindo do Canadá. A arma estava na bagagem despachada.

“Ele retirou sua bagagem, pegou a arma e foi para o banheiro a fim de carregá-la. Saiu então atirando nas pessoas na área de devolução de bagagens”, escreveu no Facebook um dos policiais responsáveis pelo caso, Chip LaMarca.

Uma das primeiras informações sobre o caso vieram do ex-secretário de imprensa da Casa Branca, Ari Fleisher, que afirmou no Twitter: “Estou no aeroporto de Fort Lauderdale. Tiros foram disparados. Todos estão correndo”.

Uma TV de Miami divulgou fotos tiradas no local. Elas mostram pessoas feridas e médicos prestando os primeiros socorros.

Uma testemunha, John Schlicher, disse a uma TV americana que o atirador era “um homem magro” e estaria usando uma camiseta do filme Guerra nas Estrelas.

O senador da Flórida, Bill Nelson, disse à mídia americana que o atirador foi identificado como Esteban Santiago, mas a informação não foi confirmada pela polícia.

Um homem algemado foi visto sendo levado para fora do aeroporto pela polícia cerca de duas horas após o tiroteio começar. Policiais foram vistos revistando passageiros e funcionários do aeroporto. A polícia disse que capturou o atirador sem ter que atirar.

O presidente eleito Donald Trump afirmou no Twitter que está “monitorando a terrível situação na Flórida”. Ele disse também que falou com o governador da Flórida. “Meus sentimentos e orações a todos. Fiquem bem!”, escreveu ele.

Atirador é acusado de assassinato

Neste sábado (7), a polícia americana acusou de assassinato o autor dos disparos que mataram cinco pessoas e feriram oito, no Aeroporto Internacional de Fort Lauderdale. O homem, de 27 anos, chama-se Esteban Santiago, é veterano do Exército e está preso.

Esteban chegou ao aeroporto de Fort Lauderdale em um voo que partiu do Alaska, com uma arma na bagagem.

Além das oito pessoas feridas a bala, 40 indivíduos passageiros e empregados de companhias aéreas foram enviados para hospitais da área em razão de ferimentos decorrentes da correria e da confusão no aeroporto.

Voos destinados ao aeroporto de Fort Lauderdale foram desviados e as decolagens foram suspensas. Fort Lauderdale é um movimentado centro de turismo próximo de Miami.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"

As medidas de isolamento social adotadas para conter o novo coronavírus (SARS-CoV-2) estão deixando a Terra mais silenciosa - ao menos para os “ouvidos” sensíveis dos sismógrafos. É que as atividades humanas, tais como a circulação …

IA sincronizada com música cria rostos falsos, o resultado pode se aterrorizante

As pessoas ainda aprendem a melhor forma de empregar as redes neurais artificiais, aprendizado de máquina e avanços em inteligência artificial. Entre as pesquisas práticas há a busca por empregar essas técnicas de forma a …

Coronavírus: 92% das mães nas favelas dizem que faltará comida após um mês de isolamento

"Muitas pessoas entraram na linha de pobreza da noite para o dia. O casal que trabalhava no shopping na semana retrasada, que recebia por semana, fez a compra da semana passada e nesta semana já …

Dois anos após mortes de Marielle e Anderson, Anistia Internacional cobra identificação de mandantes

Dois anos após os assassinatos da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) e do motorista Anderson Gomes, em 14 de março de 2018, o crime permanece sem solução e ilustra a impunidade no combate à violência …

Coronavírus poderia ser a 1ª de muitas outras pandemias futuras, adverte cientista

Apesar do registro de mais de um milhão de infectados à escala mundial, a doença poderia ser suplantada por patologias bem mais perigosas. Comparando com as doenças que poderiam reaparecer como resultado do aquecimento global, o …

Pesquisadores portugueses revelam que os neandertais foram pioneiros na exploração de recursos marinhos

Um novo estudo liderado por pesquisadores da Universidade de Lisboa (Portugal) descobriu que a familiaridade dos hominídeos com o mar e os seus recursos é muito mais antiga do que se pensava – ao que …

Filipinas: presidente Duterte diz que polícia deve matar quem perturbar confinamento

O presidente filipino, Rodrigo Duterte, disse que as forças de ordem podem abater qualquer pessoa que provoque “transtornos” nas regiões onde o confinamento da população foi decretado. As autoridades do país tentaram minimizar as declarações …

Evangélicos fazem coro com Bolsonaro e negam riscos do coronavírus

O presidente Jair Bolsonaro gosta de copiar o seu ídolo americano, Donald Trump – da suposta inofensividade do coronavírus até os poderes de cura de medicamentos como cloroquina e hidroxicloroquina, passando pela teoria da conspiração …

'Estamos em guerra': França confiscou 1 milhão de máscaras destinadas à Espanha e Itália

Os dois países se envolveram em uma disputa diplomática depois que parte das máscaras com destino a outros países vindas da China foram retidas em cidades francesas. As autoridades francesas apreenderam milhões de máscaras que uma …

Sobrevivente da 2ª Guerra e Gripe Espanhola se cura do coronavírus ao 104 anos

Depois da Segunda Guerra Mundial e da pandemia de gripe espanhola, a nova inimiga do soldado aposentado William ‘Bill’ Lapschies, nascido em Salem em 1916, foi a Covid-19 – e ele venceu a batalha! Aos 104 …