Com aumento de crimes, motoristas do Uber criam táticas de segurança em SP

(dr) uber.com

-

Motoristas do Uber estão com medo. Antes fosse somente pela ameaça vinda de taxistas preocupados com a concorrência em São Paulo. Agora eles se sentem cada vez mais na mira de criminosos armados.

Segundo eles, o número de assaltos aumentou em São Paulo após o aplicativo passar a aceitar pagamento em dinheiro, no fim de julho. Por proteção, muitos deles têm rejeitado corridas com esta forma de pagamento e também vêm formando grupos de WhatsApp para comunicar emergências e pedir ajuda a colegas.

Para se ter ideia do tamanho do problema, pouco depois da mudança, dois condutores do Uber foram mortos em tentativas de assalto na zona sul da capital, em um intervalo de menos de um mês. Osvaldo Modolo Filho, de 52 anos, foi assassinado por passageiros e Orlando da Costa Brito, de 60 anos, por criminosos em um semáforo.

Também na zona sul, o motorista Fábio Oliveira, de 40 anos, afirma que conseguiu fugir de um assalto na Vila Sônia. Ele ficou esperando cerca de dez minutos em uma praça deserta por uma passageira que nunca apareceu. “Dois caras saíram de uma viela e, quando viram que eu estava saindo, correram atrás do carro.”

Agora, ele evita aceitar chamados em dinheiro. ‘Quando estou a 1 km, eu aciono a corrida e aparece a forma de pagamento. Se não tiver contato, eu cancelo.”

Ajuda por WhatsApp

Oliveira também administra um grupo de WhatsApp para motoristas do Uber, uma forma encontrada para tentar dar mais segurança aos condutores. Antes, o aplicativo era usado para “emboscadas” de taxistas, mas a finalidade mudou.

Os motoristas divulgam informações sobre passageiros suspeitos e comunicam aos colegas quando estão em situação de risco. O parceiro manda a localização e um áudio rápido sobre o que está acontecendo e quem tiver perto vai para lá”, diz o condutor Nelson Bazolli, que participa de seis grupos. “Já fui socorrer um amigo que sofreu um assalto e entrou em pânico”, conta.

Motoboy há 30 anos, Sérgio Firmino, de 50, virou uma espécie de “consultor” de outros colegas do Uber. Por WhatsApp, ele orienta os amigos sobre locais perigosos e corridas suspeitas. “Como eu conheço a cidade, procuro ajudar os motoristas menos experientes. Não é qualquer lugar que dá para entrar”, afirma.

Em nota, o Uber afirma que oferece pagamento em dinheiro para tornar a plataforma “cada vez mais democrática e inclusiva”, uma vez que nem todos os passageiros têm cartão de crédito ou débito. A empresa também diz que “trabalha com as autoridades para esclarecer qualquer incidente”.

Segurança

Também em nota, a Polícia Civil esclareceu que os roubos contra motoristas da empresa são investigados pelos DPs das áreas em que acontecem, como ocorre com todos os casos dessa natureza. A empresa tem colaborado com investigações sempre que acionada.

Ainda de acordo com a polícia, foi instaurado inquérito policial no 48.º Distrito Policial (Cidade Dutra) para investigar a morte de Orlando da Costa Brito. Sobre a morte de Osvaldo Luís Modolo Filho, o crime foi esclarecido e os dois acusados, presos.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Presidente russo Vladimir Putin anuncia registro de 1ª vacina contra COVID-19

Nesta terça-feira (11), o presidente Vladimir Putin anunciou o registro da primeira vacina russa contra a COVID-19. "Tanto quanto sei, nesta manhã foi registrada, pela primeira vez no mundo, uma vacina contra a COVID-19", disse o …

O planeta anão Ceres é um Oceano, afirmam cientistas

O planeta anão Ceres — há muito considerado uma estéril rocha espacial — é um mundo oceânico com reservatórios de água marinha sob sua superfície, descobriu uma grande missão de exploração que divulgou seus resultados …

Líder da oposição de Belarus deixa o país

Ministro da Lituânia afirma que Svetlana Tikhanovskaya "está em segurança” no país vizinho. Regime de Alexander Lukansheko, no poder desde 1994, vem reprimindo protestos que acusam governo de fraudar eleições. O ministro das Relações Exteriores da …

Jovem negro é morto no dia do aniversário por PM que achou que ele fosse atirar

Nesse domingo (9), Rogério Ferreira da Silva Júnior comemorava o seu aniversário de 19 anos dando um rolê de moto. Enquanto passava pela Avenida dos Pedrosos, na Zona Sul de São Paulo, foi perseguido por …

Bill Gates opina sobre compra do TikTok pela Microsoft: “cálice envenenado”

Embora esteja afastado desde março do conselho de diretores da Microsoft, Bill Gates, cofundador e atual consultor de tecnologia da companhia, não deixa de estar atento às recentes notícias de que a gigante de Redmond …

Plataforma de gelo no Canadá quebra e cria iceberg pouco menor que Vitória, do Espírito Santo

Após um aquecimento de cerca de 9 ºC nas últimas décadas, a Milne, considerada "a última plataforma de gelo completa" no mundo, perdeu uma grande parte, formando um iceberg. Uma das maiores plataformas de gelo no …

Cientistas propõe adicionar drogas psicoativas na água potável

Pesquisadores do Reino Unido propuseram uma idéia radical para reduzir a taxa de suicídios: incluir o medicamento psicoativo lítio — um estabilizador de humor — na água potável da população. Parece uma idéia completamente radical, mas …

Magnata da mídia é preso em Hong Kong

Jimmy Lai, crítico do regime de Pequim e proprietário de jornal pró-democracia, foi detido com base em nova lei de segurança nacional imposta pela China. O empresário Jimmy Lai, uma das figuras mais influentes do movimento …

Twitter entra na briga pela compra do TikTok e pode fundir redes sociais

O banimento do TikTok nos Estados Unidos virou uma verdadeira novela mexicana. O aplicativo chinês, que tem até 45 dias para encontrar uma companhia americana para assumir suas operações no país e não ser bloqueado …

Motoboy é vítima de racismo de homem branco: "Você tem inveja disso aqui [minha cor]"

A manhã de sexta-feira (7) começou com mais um caso de racismo no Brasil. Um vídeo que viralizou no Twitter registra um homem branco fazendo injúrias raciais contra um entregador de delivery. As fortes imagens são …