Motoristas do Uber na África do Sul passam a ser considerados empregados

Os motoristas do Uber na África do Sul receberam uma boa notícia nesta sexta-feira (14). De acordo com decisão da Comissão de Conciliação, Mediação e Arbitragem da África do Sul (CCMA), os motoristas do aplicativo agora podem formar sindicatos para ter todos os direitos de outras classes trabalhadoras, incluindo a negociação de direitos trabalhistas.

Isso significa que os motoristas sul-africanos da empresa passam a ser tratados como empregados e não mais como contratados independentes, como a própria Uber admitiu.

Com a decisão, os motoristas poderão negociar como classe diretamente com a Uber, sem precisarem de mediação ou de outro órgão como acontecia anteriormente.

A decisão da CCMA chega quase um ano depois que centenas de motoristas do serviço no país decidiram se juntar ao Sindicato dos Trabalhadores de Transportes (SATAWU), visto que eles entendiam que estavam sendo explorados pela companhia norte-americana. Na época, os motoristas estavam considerando levar a Uber aos tribunais.

Ao longo dos últimos anos, os motoristas na África do Sul têm enfrentado muitos desafios e batalhas constantes para conseguir ter o seu direito de trabalhar para o aplicativo de transportes.

Muitos foram assediados e outros afirmaram que estavam trabalhando em condições precárias de segurança. Além disso, alguns deles afirmaram que sofriam demissões injustas ao serem desativados da plataforma sem nenhum motivo aparente. Este, aliás, foi um dos argumentos utilizados junto à CCMA que contribuiu para a decisão.

“O CCMA, no entanto, foi confrontado com o problema de que esses casos não poderiam ser ouvidos porque a Uber insistiu que não são funcionários e que são trabalhadores independentes e que não poderiam estar envolvidos em nenhuma disputa no CCMA”, explicou Bradley Conradie, representante legal da Uber na África do Sul.

O que foi feito, segundo ele, foi analisar as “opiniões das partes sobre o relacionamento” e concluir que os motoristas são de fato funcionários da empresa.

A decisão na África do Sul pode ajudar a desencadear uma série de outras decisões favoráveis aos motoristas no continente, permitindo que eles sejam tratados legalmente como empregados e não mais como trabalhadores independentes.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Patenteado material que permite ocultar objetos e é chamado capa de invisibilidade

A empresa canadense fabricante de uniformes de camuflagem para militares, HyperStealth Biotechnology, anunciou quatro pedidos de patente, todos relacionado ao Quantum Stealth. O material também é chamado de “capa de invisibilidade”. O inventor dos quatro pedidos …

Netanyahu desiste de formar governo em Israel

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, renunciou, nesta segunda-feira (21), à tarefa de formar um novo governo. O presidente Reuven Rivlin informou que entregará a missão ao opositor Benny Gantz. O primeiro-ministro anunciou a decisão nas redes …

'Nunca houve tanta interferência de uma família dentro de um poder', diz Joice sobre governo

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) declarou nesta segunda-feira (22) que "nunca houve tanta interferência de uma família dentro de um poder" como existe no governo do presidente Jair Bolsonaro. Após ser retirada da função de …

"Táxis de cocaína" são problema crescente em Berlim

Aumento do número de veículos que entregam drogas diretamente na casa dos usuários preocupa a polícia berlinense. A cocaína perde apenas para a heroína como causa de mortes relacionadas a drogas na capital alemã. A polícia …

A casa da Barbie existe na vida real – e você pode se hospedar lá

Possivelmente a mais célebre e vendida boneca do mundo, a Barbie costumava sugerir uma vida de luxo e deleite ao imaginário da criançada que cresceu – e ainda cresce – inventando uma vida enquanto brinca …

Eleição na Bolívia: Resultados parciais indicam 2º turno inédito entre Evo Morales e Carlos Mesa

Com quase 90% dos votos contabilizados, resultados parciais da eleição realizada neste domingo na Bolívia indicam que o atual presidente Evo Morales não teve votos suficientes para garantir já sua vitória, caminhando para disputar com …

Voo mais longo e sem escalas da história pousou em Sydney

O voo mais longo e sem escalas da história pousou nesse domingo (20) em Sydney, 19 horas e 16 minutos após a decolagem, em Nova York. Foi um teste da companhia australiana Qantas, que pretende …

Governo brasileiro publica lei que agiliza venda de bens do tráfico de drogas

O presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei 13886/19, que pretende acelerar a destinação de bens apreendidos ou sequestrados que tenham vinculação com o tráfico ilícito de drogas. Essa lei, que converte a Medida Provisória nº 885, …

Criaram uma bebida com probióticos geneticamente modificados para prevenir ressacas

Beber moderadamente pode ser garantia de uma noite especialmente divertida, mas quem se aventura pelos bares da vida sabe que basta um pequeno erro de cálculo ou deslize nos preparativos – como, por exemplo, esquecer …

Manifestantes desafiam proibição em Hong Kong

Milhares voltam às ruas, apesar de governo ter proibido protestos na região semiautônoma, e são recebidos com jatos d'água e gás lacrimogêneo. Há quatro meses, colônia britânica atravessa a sua maior crise política. Milhares de manifestantes …