Afinal, o DNA mitocondrial pode ser herdado do pai

Nem todo o DNA é o mesmo. Há muito tempo que a ciência sustenta que nem todos os tipos de DNA são transmitidos da mãe e do pai.

Enquanto a maior a parte do DNA reside dentro do núcleo da célula, algum do código genético é guardado na mitocôndria. A visão convencional é que esse tipo de DNA é apenas herdado da mãe, mas novas evidências mostram o contrário.

Um novo estudo, publicado no dia 21 de novembro nos Proceedings of the National Academy of Sciences, mostra que o DNA mitocondrial humano pode ser herdado da parte do pai, em um caso histórico que começou com o tratamento de um menino doente de quatro anos.

A criança, que apresentava sinais de fadiga, dores musculares e outros sintomas, foi avaliada por médicos e testada para verificar se tinha um distúrbio mitocondrial. Quando Taosheng Huang executou os testes – e depois testou de novo para ter certeza – não conseguiu entender os resultados que obteve.

A razão pela qual Huang ficou tão chocado foi porque os resultados do menino mostraram uma mistura – chamada heteroplasmia – no seu DNA mitocondrial, que era composto de contribuições mais do que apenas maternas.

Embora haja evidência de transmissão de DNA mitocondrial paterno em outras espécies, o fenômeno em humanos tem sido debatido, mas nunca antes demonstrado.

Quando as irmãs do menino mostraram evidências da mesma heteroplasmia, Huang e os colegas analisaram do DNA mitocondrial da mãe das crianças, que também mostrou a mesma mistura.

Isso levou a equipe a ir mais longe na árvore genealógica, analisando também o DNA dos pais da mãe – avós do menino doente –, concluindo que o DNA mitocondrial da mãe vinha de aproximadamente 60% da mãe e 40% do pai.

“Nossos resultados sugerem que, embora o dogma central da herança materna do DNA mitocondrial permaneça válido, existem alguns casos excepcionais em que o DNA paterno pode ser passado para os filhos”, explicaram os autores. Embora esses casos possam ser excepcionais, não são necessariamente tão raros como os cientistas poderiam imaginar.

No total, os pesquisadores identificaram três famílias de várias gerações não relacionadas que mostraram um alto nível de heteroplasmia de DNA mitocondrial – variando de 24 a 76% – em 17 indivíduos separados.

“Essa é uma descoberta realmente inovadora”, disse o biólogo Xinnan Wang, da Universidade de Stanford, que não esteve envolvido no estudo. “Isso poderia abrir um campo totalmente novo e mudar a forma como se procura a causa de determinadas doenças mitocondriais”.

Os pesquisadores dizem que a força da visão anterior – de que apenas a transmissão materna era possível – poderia significar que muitos casos de transmissão biparental, no passado, teriam sido negligenciados como erros técnicos.

Seja como for, a evidência é “clara e provocativa” e deve agora iniciar uma avaliação mais ampla das possibilidades do DNA mitocondrial, segundo os pesquisadores.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

China consegue pousar veículo não tripulado em Marte

A China conseguiu neste sábado pousar um veículo autônomo não tripulado em Marte. A fase final da operação Tianwen-1 aconteceu sem falhas, informou a TV estatal chinesa, que transmitiu um programa especial chamado Alo …

Lewandowski permite que Pazuello fique em silêncio na CPI

Ex-ministro da Saúde será obrigado a comparecer ao depoimento, mas não precisará responder perguntas que possam incriminá-lo. No entanto, será obrigado a falar a verdade em fatos e questões relacionados a terceiros. O ministro do Supremo …

Como o coronavírus afeta o fígado

O SARS-CoV-2, vírus causador da covid-19, mudou completamente a cara do mundo que conhecíamos até então. Ele afetou praticamente todos os aspectos da vida cotidiana e causou mudanças substanciais nas ciências da saúde e, portanto, na …

'Síndrome de Havana': lesão cerebral atinge ao menos 130 diplomatas e oficiais americanos, dizem EUA

Diplomatas, agentes da CIA e oficiais de defesa dos EUA relataram sintomas graves da perturbação conhecida como "síndrome de Havana" nas últimas semanas. O elevado número de casos causa espanto. Nas últimas semanas, foram relatados mais …

RJ comunica 1º caso de raiva em cachorro em quase três décadas

Pela primeira vez desde 1995, o Laboratório Municipal de Saúde Pública (Lasp) do Rio de Janeiro diagnosticou um caso de raiva animal. A descoberta parte do resultado de perícia no corpo de um cão morto …

O que dizem cientistas sobre isenção de máscaras para vacinados nos EUA

Os Estados Unidos anunciaram nesta quinta-feira (13/05) o fim da obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção na maioria das situações para pessoas que já foram completamente vacinadas contra a covid-19. Segundo a nova orientação do …

Putin: Rússia reagirá de maneira devida às ameaças perto de suas fronteiras

Durante reunião com membros do Conselho de Segurança da Rússia nesta sexta-feira (14), o presidente da Rússia pediu que lhe fosse reportado sobre o agravamento do conflito israelo-palestino, que toca diretamente os interesses de segurança …

Covid: 16 mil pessoas foram imunizadas com doses de vacina trocadas no Brasil

Um levantamento de dados da Folha de São Paulo com informações do DataSUS, base de dados do Ministério da Saúde, mostrou que pelo menos 16 mil pessoas receberam doses de vacinas diferentes em seu processo …

Covid-19: diretor do Butantan prevê vacinação lenta até setembro no Brasil

Como diretor do Instituto Butantan desde 2017, Dimas Covas sempre precisou aliar o conhecimento técnico e científico com as particularidades do mundo político que, na visão dele, não parecem seguir uma lógica. E essa necessidade se …

Escalada de violência entre israelitas e palestinianos já fez mais de 100 mortos

O conflito entre israelitas e palestinianos subiu de tom na madrugada de hoje, com o Exército israelita a bombardear a faixa de Gaza. Desde segunda-feira já morreram 119 palestinianos nestes ataques, entre eles 31 …