Duterte acusa a China de ter ameaçado com uma guerra por causa do petróleo

King Rodriguez, PPD / Wikimedia

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, garantiu que o seu país foi ameaçado com uma guerra pela China, caso tivesse iniciado a extração de petróleo na região marinha que separa os dois países.

O Mar do Sul da China e as ilhas que estão espalhadas pela região são alvo de disputa entre várias nações asiáticas, dentre as quais a China e as Filipinas.

Este sábado, o presidente filipino Rodrigo Duterte relembrou uma conversa que manteve na última semana com o presidente chinês Xi Jinping a respeito das área disputadas pelos dois países na região.

“Eu lhe disse, o mar é nosso. Eu gostaria que você ouvisse por um momento. Sr. Xi Jinping, eu insisto que é nossa área e eu irei extrair petróleo de lá”, comentou Duterte, durante o seu discurso na convenção nacional da Guarda Costeira local, em Davao City.

O presidente filipino declarou que, logo em seguida, o líder da China o ameaçou com um conflito bélico de grandes proporções, caso as Filipinas levassem a ideia adiante.

“Xi Jinping me respondeu: nós somos amigos. Não queremos discutir com você, queremos manter a relação amistosa atual. Mas se você insistir nisso, nós iremos para a guerra. O que mais eu podia dizer?”, relatou Duterte.

O presidente das Filipinas ainda tentou continuar a conversa sobre o assunto, citando uma decisão da corte arbitral de Haia que não deu razão às demandas da China em declarar a área parte do seu território no mar. Ao invés disso, os filipinos teriam vencido a disputa no tribunal.

Pequim não desistiu mesmo depois da decisão internacional e isso surgiu durante a conversa entre os dois presidentes.

“A China disse que, se continuarmos nações amigas, vamos falar sobre a decisão arbitral. Mas não pode ser agora. E sabem por quê? Não somos os únicos que requerem a área. O Vietnã é um requerente virulento”, continuou Duterte.

Por fim, o líder filipino garantiu que ele até iria para o caminho militar, porém uma guerra com a China se tornaria um “massacre” que destruiria tudo.

(dr) Lindsey Burrows / Civilsdaily

Localização dos territórios em disputa no Mar da China Meridional

Localização dos territórios em disputa no Mar da China Meridional

O Mar do Sul da China, ou Mar da China Meridional, é alvo de disputas há anos entre diversos países da região: China, Taiwan, Malásia, Indonésia, Brunei, Vietnã e Filipinas. Estima-se que a enorme área, que inclui mar e ilhas, é rica em petróleo e gás.

É um mar marginal, parte do oceano Pacífico, que compreende a área que vai desde Singapura até ao estreito de Taiwan, em um total de cerca de 3 500 000 km². As ilhas do Mar da China Meridional formam um arquipélago de centenas de minúsculas ilhotas.

Várias nações, em especial as Filipinas, têm objecções ao nome Mar da China Meridional, com o argumento de que ele implica a soberania chinesa sobre o mar, que é por disputada esses países.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Mark Zuckberg abre guerra contra seus funcionários ao não banir posts de Trump

E eis que Mark Zuckerberg terá semanas agitadas pela frente no que se refere à administração de seus funcionários. Isso porque o CEO e co-fundador do Facebook afirmou na última terça-feira que não fará nada …

Em 24 horas ocorrem 11 terremotos na área do Parque de Yellowstone

O parque nos EUA, conhecido por suas características geotérmicas e vida selvagem, está situado em cima de um supervulcão que, se entrar em erupção, pode causar enorme devastação na Terra. Em 24 horas, em uma área …

Mais uma vez os Simpsons previram tudo que está acontecendo nos EUA agora

Os roteiristas de “Os Simpsons ” ficaram conhecidos por prever diversos acontecimentos mundiais, da eleição de Donald Trump ao final de Game of Thrones. Parece que a bola de cristal da animação voltou a funcionar …

Brasil ultrapassa 30 mil mortes por covid-19

Em novo recorde, país registra 1.262 óbitos em um dia, elevando total para 31.199. Casos confirmados em 24 horas passam de 28 mil, chegando a 555.383. Apenas Reino Unido, Itália e EUA contabilizam mais de …

Suécia vai abrir “CPI da Covid-19” para saber se governo fez bem ao não isolar a população

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, a Suécia tem ido na contramão de seus vizinhos. O país escandinavo preferiu manter um ritmo quase normal em suas atividades e não impôs o confinamento …

Uber testa modalidade que permite ao usuário reservar carro por hora

Na tentativa de achar novas fontes de receita para seu negócio de corridas compartilhadas, seriamente afetado pela COVID-19, a Uber está testando uma nova modalidade, focada nos passageiros que precisam fazer viagens mais longas e …

Revelada razão de comportamento instável de estrelas perto dos centros galácticos

Estrelas de ramo horizontal extremo são mais brilhantes e têm um ciclo de vida inferior ao das estrelas comuns, de acordo com um novo estudo. Os astrônomos estudaram o comportamento de um tipo especial de estrelas, …

Trump ameaça acionar Forças Armadas para conter protestos

No 7.º dia de manifestações antirracismo, Presidente dos EUA critica inação de governadores e promete enviar milhares de soldados para pôr fim a distúrbios. Visita de Trump a igreja é criticada como tentativa de autopromoção. O …

Não é apenas o coronavírus: surto de ebola retorna ao Congo

Foi confirmada, pelo ministro da Saúde do Congo, a descoberta de novos casos de Ebola na província de Équateur. O último surto do vírus altamente mortal ocorreu em 2018 e matou 33 pessoas no país. O …

Coronavírus: São Paulo se prepara para reabertura com 70% de leitos ocupados

O governo estadual de São Paulo ordenou a reabertura gradual dos estabelecimentos comerciais a partir dessa terça-feira (2). A gestão diz se basear no índice de infecções do novo coronavírus por cidade. Mesmo com 70% …