Já aposentado, ex-espião russo viajou o mundo e passou informações sobre a Rússia a agentes estrangeiros

Tribunal Militar de Moscou / TASS

Sergei Skripal, antigo espião russo recrutado pelos serviços secretos britânicos

Nos anos que antecederam o envenenamento, Sergei Skripal teria viajado muito, passando informações sobre a Rússia a agentes estrangeiros.

As informações são do jornal New York Times, que cita fontes europeias que falam sob a condição de anonimato. Essas mesmas fontes adiantam que as reuniões foram aprovadas e possivelmente facilitadas pelas autoridades britânicas.

De acordo com o artigo Sergei Skripal Was Retired, but Still in the Spy Game. Is That Why He Was Poisoned? (“Sergei Skripal estava aposentado, mas ainda no jogo da espionagem. Por isso teria sido envenenado?”), Skripal já estava aposentado quando apareceu em Praga, capital da República Tcheca, para uma reunião secreta com seus antigos rivais.

O ex-espião russo parecia doente, mas continuou bebendo álcool, afirmando que seu médico tinha prescrito uísque para a sua pressão alta. Momentos depois, divulgou informações sobre espionagem russa e atividades de espiões, que poderiam ter dado vantagem aos tchecos. Contudo, destaca o New York Times, este não teria sido o único encontro entre o ex-espião e agentes dos serviços secretos da República Tcheca.

Além disso, o jornal conta ainda outro episódio em que Skripal visitou a Estônia, em 2016, para se encontrar com espiões locais. Embora as visitas não sejam ilegais, significa que Sergei Skripal se encontrava com agentes que trabalhavam para frustrar as operações russas na Europa – o que abre a possibilidade de o envenenamento ter sido um ato de retaliação.

No entanto, como seus movimentos eram mantidos em segredo, não há como saber se as viagens do antigo espião o tornaram um alvo ou se as autoridades russas tinham conhecimento delas.

Sergei Skripal e a filha Yulia foram envenenados com um agente nervoso raro no início de março. O envenenamento conduziu a movimentos diplomáticos e, em resultado, mais de 150 diplomatas russos de mais de 20 países foram expulsos.

As autoridades britânicas acusaram a Rússia de tentar assassinar o ex-espião, acusação que os russos negam.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. O queriam os governos que acusam a Russia? Que o governo Russo passasse talquinho no bumbum do traidor, no lesa pátria? No mundo da espionagem é assim mesmo, cochilou o cachimbo cai!

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Volkswagen vai indenizar ex-trabalhadores que denunciaram ditadura militar no Brasil

A subsidiária da montadora alemã Volkswagen anunciou que vai indenizar ex-trabalhadores por violações de direitos humanos no Brasil. Como reconhecido pela própria empresa, seus serviços de segurança interna colaboraram com a ditadura militar brasileira …

Coreia do Sul acusa Norte de ter matado brutalmente um de seus funcionários desaparecido

A Coreia do Sul afirmou que um dos funcionários de seu Ministério dos Oceanos e Pesca foi morto e queimado após ter desaparecido durante o serviço no mar. O funcionário de 47 anos teria desaparecido nesta …

Pedaço de gelo quase do tamanho do Recife se descola da última plataforma do Ártico

Um pedaço de quase 110 quilômetros quadrados de gelo se desprendeu da última plataforma de gelo da Groenlândia, chamada de Nioghalvfjerdsfjorden ou 79N. A título de comparação, o tamanho da parte que se soltou equivale …

Blue Origin quer criar habitats espaciais comerciais já na década de 2020

Parece que a Blue Origin, empresa de Jeff Bezos focada em voos espaciais comerciais, está mesmo querendo entrar no novíssimo e vindouro mercado de habitats na órbita da Terra — e pode ter a NASA …

Brasil é líder em conflitos socioambientais na Amazônia

Dono da maior extensão de Floresta Amazônica, o Brasil também é campeão em conflitos socioambientais na região. Um levantamento inédito comparando a situação de quatro países mostrou que, dos 1.308 confrontos registrados em 2017 e …

Lukashenko toma posse em cerimônia secreta em Belarus

O presidente de Belarus prestou juramento, nesta quarta-feira (26), em uma cerimônia mantida em sigilo. Este é o sexto mandato do chefe de Estado, no poder há 26 anos. "Alexander Lukashenko prestou juramento no idioma bielorrusso, …

Pássaros sacrificados como oferenda aos deuses são encontrados no Egito

Milhões de aves, que teriam sido utilizadas como oferenda aos deuses Hórus, Rá ou Thoth foram encontradas por uma equipe de arqueólogos no Egito. Os arqueólogos da Universidade Claude Bernard Lyon estavam trabalhando nas escavações de …

Navalny deixa hospital em Berlim

Oposicionista russo recebe alta após um mês de tratamento para curar envenenamento por agente neurotóxico do tipo Novitchok. Médicos dizem que recuperação total é possível, mas não sabem estimar efeitos de longo prazo. O oposicionista russo …

Governo pede suspensão de filme da Netflix após acusações de pedofilia

Após diversas acusações de pedofilia nas redes sociais ao filme Lindinhas, que estreou com exclusividade na Netflix, o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos pediu a suspensão e investigação sobre sua distribuição …

Mais de 13 milhões de britânicos enfrentam novo lockdown diante do aumento de casos de Covid-19

Um quinto da população do Reino Unido acordou sob um novo lockdown nesta terça-feira (22). Essas pessoas estão sobretudo no norte da Inglaterra e no País de Gales, as regiões mais afetadas pela Covid-19 …