Explicada a estranha ausência de extraterrestres no Universo

Astrofísicos norte-americanos propuseram uma nova abordagem ao Paradoxo de Fermi, que acentua a contradição entre as elevadas hipóteses de encontrar outras civilizações inteligentes no Universo e a falta de evidências que as comprove.

De acordo com um estudo disponibilizado recentemente no portal arXiv.org, três cientistas da Universidade norte-americana da Pensilvânia criaram um modelo para avaliar quanto trabalho foi realizado até agora para encontrar vida alienígena no Universo.

A pesquisa se debruçou em particular sobre os esforços produzidos no projeto Search for Extraterrestrial Intelligence (SETI). Segundo os cientistas, a parte do espaço estudada pelo SETI é pequena demais para se tirar qualquer conclusão.

“Pode haver sinais de rádio bem claros e óbvios no céu, mas nós não os conheceríamos porque a nossa capacidade de procura é muito baixa no momento”, sustentaram.

Para esclarecer a situação, os cientistas desenvolveram uma metáfora sobre um “palheiro cósmico multidimensional”, no qual, consideram, o SETI procura “agulhas alienígenas”.

Nesse sentido, os astrofísicos comparam o volume de espaço estudado ao volume de uma banheira comparativamente a todos os oceanos do mundo. Exemplificam ainda que é como estudar a ausência de animais marinhos com base num copo de água. Além disso, asseguram, existem diferentes tipos de “agulhas” para se procurar.

Continuando com a linguagem metafórica, os cientistas consideram necessário reavaliar por completo o “palheiro”, de forma a confirmar que não há “agulhas”. Para os cientistas, é necessário encontrar pelo menos uma prova sólida o suficiente que prove a existência de vida extraterrestre.

O paradoxo de Fermi

O paradoxo de Fermi é utilizado descrever as enormes discrepâncias entre as estimativas otimistas da probabilidade de existirem civilizações extraterrestres e a falta de evidências da existência dessas mesmas civilizações.

Se o Universo é um espaço vasto e cheio de planetas potencialmente habitáveis, então onde estão todos os alienígenas? – essa é a grande questão do paradoxo.

Diversas teorias já tentaram explicar a ausência de sinais de vida extraterrestre – desde a ideia de que podem estar hibernando até às explosões de raios gama, passando pela ideia de que os extraterrestres já morreram ou estão submersos nos seus planetas aquáticos.

Até então, não foi encontrada nenhuma outra forma de vida no Universo. Foi esse fato que levou o astrofísico italiano Enrico Fermi a questionar em 1950 onde estariam todos os seres alienígenas. A teoria, conhecida como Paradoxo de Fermi, ainda não tem solução, afirmando-se cada vez mais como um mistério da ciência.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Que piada. Simplesmente eles não podem aparecer. O sr humano não está preparado para isto. Não consegue gerenciar nem mesmo seu universo emocional, que dirá lidar com isso. Além do mais existe a Primeira Diretriz que diz que os seres não podem interferir no plano terrestre sem motivo palpável ou a pedido dos humanos.

  2. Numa existência de bilhões de anos a tantos anos-luz de distantes galáxias e neste pequenino planeta Terra com espécies que ainda estamos descobrindo… seria pura ignorância e imbecilidade aceitar idéias e probabilidades em supor que somos solitários neste Universo sem limites onde Quem o criou também em Sua Majestosa e Utópica vontade de ter em Sua Natureza, apenas os seres vivos que estão presentes neste nosso planeta. A ciência ou a razão humana tenta por vezes descrever o que já está descoberto, compreendido… mas, por alguns, esquecido que o próprio Criador não nasceu neste planeta… ou seja, Ele está no Universo, no espaço… extraterrestre… O Criador é extraterrestre… é energia… é a Natureza… é a imensidão infinita e desconhecida.

  3. Numa existência de bilhões de anos a tantos anos-luz de distantes galáxias e neste pequenino planeta Terra com espécies que ainda estamos descobrindo… seria pura ignorância e imbecilidade aceitar idéias e probabilidades em supor que somos solitários neste Universo sem limites onde Quem o criou também em Sua Majestosa e Utópica vontade de ter em Sua Natureza, apenas os seres vivos que estão presentes neste nosso planeta. A ciência ou a razão humana tenta por vezes descrever o que já está descoberto, compreendido… mas, por alguns, esquecido que o próprio Criador não nasceu neste planeta… ou seja, Ele está no Universo, no espaço… extraterrestre… O Criador é extraterrestre… é energia… é a Natureza… é a imensidão infinita e desconhecida.

  4. Não reconheceríamos uma forma de vida alienígena nem mesmo se ela estivesse ao alcance de nossos olhos…pq? Simples! A nossa limitação do nosso conhecimento sobre “FORMA DE VIDA” não nos faria percebê-las pelo simples fato de apenas reconhecer como VIDA o que JÁ CONHECEMOS!
    Falam em “planetas com condições habitáveis de vida” mas, e se o próprio conceito de vida for muito diferente do que temos ciência e hajam “ZILHARES” de possiveis formas de vida a ponto de habitar o que pra nós é inabitável ou transitar por dimensões das quais nossos sentidos no limitam vislumbrar?
    Seriam os nossos 5 sentidos, suficientes para ver tudo que há vivo no universo!?

    NUNCA SABEREMOS!

  5. Pra mim,vida extraterrestre existe, mas o problema é que os cientistas só pensam em procurar formas de vida semelhantes as que conhecemos,e mesmo se realmente existirem, o ser humano não está preparado o suficiente para encontrar com eles, ainda mais porquê o ser humano mal consegue lidar com os problemas aqui do nosso planetinha sem causar confusão ou algum rastro de destruição,quanto mais conversar com uma raça mais avançada de outro mundo.Provavelmente aniquilariam grande parte e mesmo se algum deles restasse,eles morreriam logo depois caso fossem encontrados,os humanos não se preocupam nem com o bem estar de seus próprios conhecidos,quanto mais com um ser extraterrestre.

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Astrônomos continuam encontrando inexplicáveis anéis circulares misteriosos no céu

Nos últimos anos, astrônomos avistaram vários objetos de rádio gigantescos e quase perfeitamente circulares no universo distante. Embora ninguém tenha uma explicação para essas entidades misteriosas ainda, uma equipe adicionou recentemente outra ao seu catálogo, …

Conflito tem seu dia mais sangrento em Gaza

Bombardeios israelenses deixam pelo menos 42 palestinos mortos e elevam total de vítimas a 188. Netanyahu diz que ataques continuarão. Sem um cessar-fogo à vista, o atual conflito entre Israel e Hamas teve neste domingo (16/05) …

Apple é acusada de enganar usuários através de aplicativos fraudulentos na App Store

A Apple segue batendo recordes financeiros. No entanto, escândalos um atrás do outro aumentam a preocupação em torno da App Store. Após chamar a atenção internacional com as recentes revelações sobre a existência de cassinos ocultos …

Chile escolhe representantes para elaborar nova Constituição

O domingo foi o último dia de votação no Chile para a escolha dos redatores da nova Constituição do país. Os 155 representantes eleitos terão a tarefa de mudar o texto herdado da ditadura. …

China consegue pousar veículo não tripulado em Marte

A China conseguiu neste sábado pousar um veículo autônomo não tripulado em Marte. A fase final da operação Tianwen-1 aconteceu sem falhas, informou a TV estatal chinesa, que transmitiu um programa especial chamado Alo …

Lewandowski permite que Pazuello fique em silêncio na CPI

Ex-ministro da Saúde será obrigado a comparecer ao depoimento, mas não precisará responder perguntas que possam incriminá-lo. No entanto, será obrigado a falar a verdade em fatos e questões relacionados a terceiros. O ministro do Supremo …

Como o coronavírus afeta o fígado

O SARS-CoV-2, vírus causador da covid-19, mudou completamente a cara do mundo que conhecíamos até então. Ele afetou praticamente todos os aspectos da vida cotidiana e causou mudanças substanciais nas ciências da saúde e, portanto, na …

'Síndrome de Havana': lesão cerebral atinge ao menos 130 diplomatas e oficiais americanos, dizem EUA

Diplomatas, agentes da CIA e oficiais de defesa dos EUA relataram sintomas graves da perturbação conhecida como "síndrome de Havana" nas últimas semanas. O elevado número de casos causa espanto. Nas últimas semanas, foram relatados mais …

RJ comunica 1º caso de raiva em cachorro em quase três décadas

Pela primeira vez desde 1995, o Laboratório Municipal de Saúde Pública (Lasp) do Rio de Janeiro diagnosticou um caso de raiva animal. A descoberta parte do resultado de perícia no corpo de um cão morto …

O que dizem cientistas sobre isenção de máscaras para vacinados nos EUA

Os Estados Unidos anunciaram nesta quinta-feira (13/05) o fim da obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção na maioria das situações para pessoas que já foram completamente vacinadas contra a covid-19. Segundo a nova orientação do …