Facebook quer que bancos compartilhem dados dos clientes (e dá internautas em troca)

O Facebook abordou os principais bancos norte-americanos para lhes propor o compartilhamento de informação sobre seus clientes que fossem utilizadores da rede social, propondo internautas em troca serviços através do Messenger.

Dê os dados bancários dos clientes, e leve meus internautas em troca. Esta é, tudo indica, a mais recente iniciativa de mérito duvidoso a colocar a conduta do Facebook muito além do limiar da legalidade e da ética.

A empresa de Mark Zuckerberg manteve vários meses de discussão com o Chase, o banco de retalho do JPMorgan, o Citi, o U.S Bancorp e o Wells Fargo, indicou fonte conhecedora do assunto à AFP, sob anonimato, destacando que o Chase tinha acabado com as negociações.

Zuckerberg deseja ter acesso a informações sobre todas as transações financeiras efetuadas por cartões bancários e conhecer os saldos das contas correntes de depósitos à ordem dos clientes, ainda segundo a mesma fonte.

Em troca das informações que pretende obter sobre as empresas com quem os clientes dos bancos transacionam, Zuckerberg propôs aos bancos que colocassem no Messenger, que reivindica ter 1,3 bilhão de utilizadores ativos, alguns dos seus produtos.

Segundo o Wall Street Journal, que nesta segunda-feira (6) revelou o caso, o Facebook não especificou o que tencionava fazer com a informação obtida dos bancos sobre os clientes.

“Como várias empresas na internet com atividades comerciais, nos associamos aos bancos e aos emissores de cartões bancários para oferecer serviços como o chat com os clientes e a gestão de conta”, disse uma porta-voz da Facebook à AFP.

“As contas correntes ligadas às páginas do Facebook permitem aos proprietários receber em tempo real atualizações na Messenger e podem assim guardar o percurso dos dados das transações, como os recibos, as datas de entrega e o saldo das contas”, acrescentou a porta-voz.

A porta-voz da Facebook assegurou ainda que estas informações “não seriam usadas para fins publicitários”.

Sem confirmar nem desmentir, uma porta-voz do Citi disse à AFP que a instituição tinha “discussões regulares com potenciais parceiros”. Já uma fonte interna do banco admitiu à AFP uma parceria com uma rede social, uma vez que constata que os clientes passam cada vez mais tempo nas redes sociais.

Por sua vez, Patricia Wexler, porta-voz do JPMorgan Chase, reenviou para a AFP a resposta que tinha dado ao Wall Street Journal. “Não compartilhamos dados das transações efetuadas pelos nossos clientes, por consequência rejeitamos certas propostas”, afirmou Wexler ao jornal.

O Wells Fargo não quis comentar o assunto.

As revelações colocamem evidência a controvérsia do acesso aos dados pessoais dos utilizadores da Facebook depois, entre outros, do escândalo Cambridge Analytica, empresa britânica acusada de ter coligido e explorado sem autorização, para fins políticos, informação pessoal dos utilizadores da rede social.

Semanas após a revelação do escândalo, a Cambridge Analytica acabou por falir e fechar as portas. O Facebook, por sua vez, continua imparável – porque, sustenta a própria empresa, são os próprios utilizadores que querem assim.

Ciberia, Lusa // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Astrônomos continuam encontrando inexplicáveis anéis circulares misteriosos no céu

Nos últimos anos, astrônomos avistaram vários objetos de rádio gigantescos e quase perfeitamente circulares no universo distante. Embora ninguém tenha uma explicação para essas entidades misteriosas ainda, uma equipe adicionou recentemente outra ao seu catálogo, …

Conflito tem seu dia mais sangrento em Gaza

Bombardeios israelenses deixam pelo menos 42 palestinos mortos e elevam total de vítimas a 188. Netanyahu diz que ataques continuarão. Sem um cessar-fogo à vista, o atual conflito entre Israel e Hamas teve neste domingo (16/05) …

Apple é acusada de enganar usuários através de aplicativos fraudulentos na App Store

A Apple segue batendo recordes financeiros. No entanto, escândalos um atrás do outro aumentam a preocupação em torno da App Store. Após chamar a atenção internacional com as recentes revelações sobre a existência de cassinos ocultos …

Chile escolhe representantes para elaborar nova Constituição

O domingo foi o último dia de votação no Chile para a escolha dos redatores da nova Constituição do país. Os 155 representantes eleitos terão a tarefa de mudar o texto herdado da ditadura. …

China consegue pousar veículo não tripulado em Marte

A China conseguiu neste sábado pousar um veículo autônomo não tripulado em Marte. A fase final da operação Tianwen-1 aconteceu sem falhas, informou a TV estatal chinesa, que transmitiu um programa especial chamado Alo …

Lewandowski permite que Pazuello fique em silêncio na CPI

Ex-ministro da Saúde será obrigado a comparecer ao depoimento, mas não precisará responder perguntas que possam incriminá-lo. No entanto, será obrigado a falar a verdade em fatos e questões relacionados a terceiros. O ministro do Supremo …

Como o coronavírus afeta o fígado

O SARS-CoV-2, vírus causador da covid-19, mudou completamente a cara do mundo que conhecíamos até então. Ele afetou praticamente todos os aspectos da vida cotidiana e causou mudanças substanciais nas ciências da saúde e, portanto, na …

'Síndrome de Havana': lesão cerebral atinge ao menos 130 diplomatas e oficiais americanos, dizem EUA

Diplomatas, agentes da CIA e oficiais de defesa dos EUA relataram sintomas graves da perturbação conhecida como "síndrome de Havana" nas últimas semanas. O elevado número de casos causa espanto. Nas últimas semanas, foram relatados mais …

RJ comunica 1º caso de raiva em cachorro em quase três décadas

Pela primeira vez desde 1995, o Laboratório Municipal de Saúde Pública (Lasp) do Rio de Janeiro diagnosticou um caso de raiva animal. A descoberta parte do resultado de perícia no corpo de um cão morto …

O que dizem cientistas sobre isenção de máscaras para vacinados nos EUA

Os Estados Unidos anunciaram nesta quinta-feira (13/05) o fim da obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção na maioria das situações para pessoas que já foram completamente vacinadas contra a covid-19. Segundo a nova orientação do …