Globonews escala só jornalistas negros em programa após críticas por representatividade

Joca Duarte / Creative Commons

Após receber críticas justas nas redes sociais por debater a pauta do racismo e os protestos gerados após o assassinato de George Floyd pelo policial branco David Chauvin em Minneapolis, Minessota, sem a presença de jornalistas negros, a GloboNews tomou uma atitude.

A edição de quarta-feira (3) do programa ‘Em Pauta‘ pauta pegou todo mundo de surpresa por algo que não deveria surpreender em um país com 55% de pessoas negras. O noticiário teve apenas homens e mulheres de pele preta.

A ação é uma espécie de pedido de desculpas público da emissora pelos fatos ocorridos anteriormente. O apresentador, Marcelo Cosme, admitiu o erro ao vivo e passou o comando para o jornalista Heraldo Pereira, que recebeu como convidadas ao debate Zileide Silva, Flávia Oliveira, Maju Coutinho, Aline Midlej e Lilian Ribeiro.

Antes, Marcelo Cosme leu um editorial sobre o assunto. Disse ele, reconhecendo o erro. “Os jornalistas que dividiram comigo a cobertura ontem, todos experientes e de alto nível profissional, eram todos brancos. Eu estaria mentindo se dissesse que foi um acidente”.

Cosme mostrou no ar o ‘meme‘ com a imagem da bancada que esteve no programa na véspera, com a legenda provocativa: “Rapaziada… a pauta é racismo”. E afirmou, “nós entendemos o recado. E hoje a GloboNews convidou profissionais do mais alto gabarito do nosso time para discutir um tema que eles conhecem muito bem, porque o enfrentam em suas vidas”.

O ‘Em Pauta’ se baseou nos maiores protestos nos Estados Unidos desde o assassinato de Martin Luther King Jr. em 1968 para debater os efeitos do racismo no Brasil. Com dados e depoimentos pessoais, as comunicadoras citaram momentos contrangedores provocados pela violência que insiste em fazer parte da sociedade.

Zileide Silva, que já foi correspondente da Globo em Noya York e integrou o rodízido de apresentadoras do ‘Jornal Nacional’, relatou um episódio de racismo vivido durante a realização de uma matéria e emocionou. Sobretudo jornalistas negros que convivem com o constrangimento gerado pelo preconceito.

Bastante emocionado, Heraldo Pereira exaltou a todo o momento as falas das colegas. O âncora que abriu caminho para a inserção de profissionais negros na televisão, anunciou que, a partir daquela edição, mais duas jornalistas farão parte do time fixo de comentaristas do próprio ‘Em Pauta’ e do ‘Jornal das 10’: Zileide Silva e Flávia Oliveira.

Ainda falta representatividade

Embora o movimento da GloboNews tenha sido elogiado nas redes sociais, sobretudo pelo reconhecimento de uma postura excludente adotada anteirormente , muita gente olha com desconfiança. E com razão. A jornalista Camila Silva usou as redes sociais para pontuar que a emissora carioca usou quase todas as jornalistas negras do quadro para a atração.

Faz sentido, já que o IBGE mostra que 55% da população brasileira é negra. Essa realidade, no entanto, não se reflete na televisão, tampouco em telejornais. De acordo com pesquisa de 2017, da Revista Vaidapé, apenas 3,7% dos apresentadores brasileiros são negros. “Em valores absolutos, de todos os analisados, foram apenas 10 apresentadores negros contra 261 brancos”, diz o estudo que pode ser acessado aqui.

 

No encerramento, Heraldo Pereira voltou a fazer referência ao meme que criticou o programa na véspera por ter apenas comentaristas brancos. “Eu quero fazer um agradecimento especial ao Irlan Simões, que tuitou. Quero agradecer a ele e a todos que retuitaram”, disse. E reconhecendo mais uma vez o erro, acrescentou: “Às vezes, a gente acha que está fazendo tudo certo, mas a gente erra. E as redes sociais estão aí para nos ajudar a corrigir esses erros. Hoje e no futuro”.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Andrzej Duda reeleito Presidente da Polónia

O chefe de Estado da Polónia, Andrzej Duda, venceu as presidenciais deste domingo. Segundo os dados oficiais da comissão eleitoral que se baseiam nos resultados de 99,97% das mesas de voto. Uma segunda volta renhida, …

Com mais de 35 mil mortes pela COVID-19, México passa Itália em óbitos causados pela doença

O México chegou neste domingo (12) a marca de mais de 35.000 mortes causadas pela COVID-19, tornando-se o quarto país do mundo com mais óbitos provocados pela doença. Anteriormente, a Itália era quarta nação do mundo …

Ex-assessor de Carlos Bolsonaro é efetivado na Funarte

Luciano da Silva Barbosa Querido, ex-assessor do vereador Carlos Bolsonaro, foi efetivado como presidente da Fundação Nacional de Artes (Funarte) nesta segunda-feira (13/07), após ocupar o cargo interinamente por mais de dois meses. A decisão, publicada …

Espanha determina confinamento em parte da Catalunha, enquanto focos de Covid-19 aumentam no mundo

Autoridades da Catalunha (nordeste da Espanha) ordenaram neste domingo (12) que 200.000 habitantes que vivem ao redor da cidade de Lérida retornem ao confinamento obrigatório, enquanto aumenta a preocupação em todo o mundo com …

TikTok pode sair da China para se afastar de polêmicas envolvendo privacidade

Febre durante a pandemia do novo coronavírus, nos últimos dias o TikTok tem virado notícia não pelo sucesso dos vídeos compartilhados na rede social, mas sim pelas sérias acusações de violação à privacidade dos usuários …

Nuvem monstruosa de poeira do Saara é observa da espaço vindo em direção a Amazônia

  Todo os anos o deserto do Saara, lá do lado oposto do Oceano Atlântico, sopra uma nuvem tão gigantesca de poeira em direção as Américas que foi apelidada de Godzilla. É a maior destas nuvens em …

Oi? Kanye West compara vacina para COVID-19 com "a marca da besta"

Em nova polêmica, o rapper norte-americano Kanye West fez uma série de revelações sobre como ele enxerga uma possível vacina contra o novo coronavírus (SARS-CoV-2). Durante entrevista concedida para a revista Forbes, o cantor também comentou …

Comentarista da CNN Brasil insinua que gays são promíscuos e ‘têm chance muito maior de ter Aids’

A CNN Brasil convidou o comentarista Leandro Narloch para falar sobre ao vivo sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), de liberar a doação de sangue por parte de homens homossexuais e mulheres transsexuais, …

China detecta rastros de coronavírus em pacotes de alimentos do Equador

A China anunciou nesta sexta-feira (10/07) a suspensão das importações de alimentos do Equador após encontrar rastros do novo coronavírus em embalagens de camarão. Os vestígios foram encontrados em contêineres com pacotes de camarão branco do …

Pesquisadores se deparam com '1º colar' humano de 160.000 anos

Fósseis de conchas de amêijoas de 160 mil anos encontradas em cavernas de Israel são os primeiros exemplares de conchas usadas como adorno no corpo humano, defendem pesquisadores. Há cerca de 160 mil a 120 mil …