Harry Potter impulsionou o comércio ilegal de corujas na Indonésia

(dr) Warner Bros. Pictures

-

Um grupo de cientistas da Oxford Brookes University, na Grã-Bretanha, revela que o número de corujas comercializadas ilegalmente na Indonésia disparou nas últimas décadas devido à popularidade da saga Harry Potter.

Segundo o estudo publicado na Global Ecology and Conservation, a história dos bruxos que têm corujas de estimação, criada por J. K. Rowling, popularizou o hábito de criar este tipo de aves dentro das habitações.

Antes da saga, as corujas eram chamadas de Burung Hantu na língua malaia (“pássaro fantasma”, em português), e agora, são chamadas de Burung Harry Potter (“Ave Harry Potter”).

Como consequência, o número de animais vendidos chegou a 13 mil em 2016, uma quantidade que se restringia a poucas centenas antes dos filmes e livros do Harry Potter chegarem ao país, em 2000 e 2001.

Os cientistas receiam que a popularização das corujas ameace a conservação de espécies mais raras, que não se beneficiam de nenhum tipo de proteção por parte do governo indonésio.

Vincent Nijman, o principal autor do estudo, e sua colega K. Anne-Isola Nekaris, contabilizaram a presença das corujas nos mercados das ilhas de Java e Bali, entre 1979 e 2010, através de relatórios e, entre 2012 a 2016, através de 109 visitas a 20 lojas.

Os pesquisadores verificaram que, entre 1980 e 2000, as aves eram raramente encontradas à venda. Mas, em 2001, começaram a ser mais comercializadas, com dez ou mais espécies por mercado – e, nos últimos anos, este número tem vindo a aumentar.

Nos maiores comércios de Jacarta, a capital da Indonésia, se encontram entre 30 e 60 corujas à venda, com a variedade de até oito espécies, sendo que a grande maioria das aves é capturada no seu habitat natural.

Apesar de a legislação indonésia proibir o comércio de espécies selvagens para as quais ainda não há cota de captura oficial, que é o caso de corujas, o governo ainda não reagiu ao comércio ilegal.

E, como a Indonésia não monitoriza a população selvagem destas aves, as informações estão restritas a estimativas feitas por cientistas. Deste modo, o declínio das corujas pode ser menos notado visto que são animais noturnos.

Para incentivar a conservação, os autores do estudo pedem a inclusão das corujas na lista de espécies protegidas do país como um “primeiro passo para atenuar os efeitos negativos desta crescente tendência”.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Vacina covid-19. As respostas para as 10 perguntas mais procuradas sobre vacinação nas últimas 24 horas

A aprovação da CoronaVac (Sinovac/Instituto Butantan) e da CoviShield (FioCruz/Universidade de Oxford/AstraZeneca) representou um enorme avanço para conter a pandemia de covid-19, que já vitimou quase 210 mil brasileiros. Essas duas vacinas são as primeiras …

Satélites Starlink agora são invisíveis a olho nu, mas não para telescópios

Quando a SpaceX lançou as primeiras 60 unidades da rede Starlink em maio de 2019, a comunidade científica expressou preocupações, prevendo que as observações astronômicas seriam afetadas pelo brilho das unidades que compõe a constelação …

Sites de Apostas Legalizados no Brasil: fique atento

Com o crescimento dos sites de apostas esportivas, é preciso ficar atento a quais deles atuam de maneira legal no mercado e quais estão trabalhando ilegalmente. Infelizmente, os novatos no mundo das apostas podem acabar tendo …

Europa e EUA exigem que Rússia liberte Alexei Navalny

Detenção do ativista russo gera onda de condenações no Ocidente, sendo classificada como tentativa inaceitável de silenciar o crítico de Putin que foi alvo de envenenamento. Juiz determina prisão preventiva por 30 dias. A União Europeia, …

"O que vai curar a economia é a vacinação", diz economista do setor de comércio brasileiro

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) reduziu a previsão de crescimento do setor mesmo com o início da vacinação. Para discutir a questão, a Sputnik Brasil conversou com Fábio Bentes, …

Covid-19: Austrália não deve reabrir fronteiras antes de 2022

A Austrália não deve reabrir suas fronteiras para viajantes estrangeiros em 2021, apesar do avanço das campanhas de vacinação em todo o mundo. A afirmação é do secretário da Saúde, Brendan Murphy, um dos …

Burger King revela seu 1º sanduíche 100% vegano

As lojas britânicas do Burger King agora têm um sanduíche inteiramente vegano. Desde o último dia 11 de janeiro a rede de fast food disponibiliza em seu cardápio no país o Vegan Bean Burger, um …

Novo implante controla fome e pode substituir cirurgia bariátrica

Um implante simples de um dispositivo sem fio, que controla o apetite, pode substituir a cirurgia bariátrica. Ele foi criado por médicos e pesquisadores da Universidade A&M do Texas, EUA e pode ajudar na perda de …

Amazon abre tecnologia da Alexa para montadoras de carros e outras empresas

A Amazon anunciou nesta sexta-feira (15) que dará a empresas terceiras a possibilidade de acessar a inteligência artificial central que sustenta a Alexa, a assistente de voz da marca. E as montadoras de automóveis serão as …

Com abstenção recorde de 51,5%, ministro da Educação considera Enem um 'sucesso'

A abstenção no primeiro dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, realizado neste domingo (17), foi recorde e atingiu 51,5%. O nível de abstenção supera o pior índice registrado até agora, em 2009, quando …