Homens biônicos estarão entre nós ainda neste século (e não estamos preparados)

Imagine uma pessoa com 100 anos, mas com corpo e mente de 40, capaz de jogar futebol como o Neymar e pensar como Stephen Hawking. De acordo com a ciência, isso pode se tornar realidade ainda neste século graças à evolução da bioengenharia.

A aplicação do conhecimento da engenharia aos sistemas biológicos já permitiu aos seres humanos assumir o controle da sua própria evolução e redesenhar a “plataforma” humana de uma maneira profunda.

Exemplos como tecnologias de clonagem e terapias genéticas avançadas nos mostram como estamos nos aproximando rapidamente de um mundo onde os humanos podem – e vão – mudar sua maneira de viver e morrer.

Um dos especialistas no tema é o professor Michael Bess, historiador da ciência da Universidade de Vanderbilt, nos Estados Unidos, e autor de livros que falam sobre os super-humanos e sobre como o futuro geneticamente modificado pode ser, ao mesmo tempo, terrível e promissor.

Durante uma entrevista concedida ao site Vox, o professor falou que a bioengenharia será a próxima grande onda tecnológica e tem potencial para afetar a humanidade mais do que qualquer outra revolução industrial já vista.

Isso porque a tecnologia será usada para realizar mudanças em nossos próprios corpos e mentes, em vez de transformar o mundo ao redor.

Pontos negativos

Vamos começar logo com as más notícias sobre essa revolução toda.

O professor Bess destaca que, dentre os lados negativos do uso de novas tecnologias biológicas, está a possibilidade de cometermos erros irreversíveis, capazes de causar danos irreparáveis para “as coisas que realmente fazem a vida valer a pena”. De acordo com ele, estamos dando a nós mesmo “um poder que não temos sabedoria para controlar“.

Outros temas que devem gerar impacto incluem uma possível busca obsessiva pela perfeição, o aumento do poder que pode levar a conflitos ainda maiores, e também o processo de adaptação que teremos que passar para entender e conviver com tamanhas mudanças.

Pontos positivos

“Estas serão tecnologias difíceis de resistir, porque elas serão incríveis”, descreve o professor Bess. “Elas nos farão viver mais tempo, de forma mais saudável e nos farão sentir mais jovens.”

Veja algumas das previsões do estudioso:

  • Maior tempo de vida
  • Mais qualidade de saúde
  • Mente e corpo jovens por mais tempo (você pode ter 100 anos e se sentir com 45)
  • Melhora da capacidade cognitiva por meio de dispositivos bioeletrônicos
  • Memória tunada
  • Mais conhecimento
  • Humanos mais inteligentes
  • Tecnologias genéticas que geram resistência ao câncer
  • Interface cérebro-máquina

Sobre este último tópico, as previsões são que em 30 ou 40 anos existam interfaces cérebro-máquina – talvez instaladas no exterior do seu crânio como uma espécie de tecnologia não intrusiva – que permitirão que você se conecte diretamente com todos os tipos de máquinas e controle-as à distância, fazendo com que a sua esfera de poder sobre o mundo ao redor seja significativamente aumentada.

Bebês geneticamente modificados

Sobre esse tema, Bess diz que prefere ir além desse conceito de bebês previamente projetados, pois a ideia de moldar alguém antes mesmo de nascer é assustadora.

Ele alega que existe uma perda de autonomia moralmente preocupante, uma vez que não existirá a opção de escolha por parte da pessoa modificada. “Se você tiver 21 anos e decidir optar por mudanças genéticas, ok”, explica.

Além disso, novos campos da epigenética estão trabalhando para que o ser humano seja um eterno trabalho genética em andamento, pois no futuro teremos ferramentas que permitirão mudar nosso caráter, a maneira como nosso corpo funciona e a forma como nossa mente trabalha.

O futuro é agora

Se você não acredita que tanta mudança pode acontecer em tão pouco tempo, pare para pensar em como os produtos farmacêuticos já estão nos ajudando a controlar nossos humores, impulsionar o nosso desempenho físico e mental, aumentar a nossa longevidade e vitalidade.

No campo físico, veja como as próteses, implantes e outros dispositivos bioeletrônicos estão ajudando as pessoas a enxergar e andar.

O que vai acontecer daqui para frente é o aperfeiçoamento das tecnologias a fim de reforçar nossas capacidade mentais e físicas em diferentes graus e diversas combinações, levando a uma desconcertante gama de novos super-humanos.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Chinês é condenado a pagar indemnização à ex-mulher por trabalho doméstico

Um tribunal na China ordenou um homem a pagar compensações a sua ex-esposa pelo trabalho doméstico realizados por ela durante os cinco anos em que estiveram casados, segundo divulgou a imprensa chinesa nesta quarta-feira (24/02). O …

Oceano Atlântico cresce e Pacífico encolhe. Ciência tem nova resposta para fenômeno

Durante a era paleozoica, entre 200 a 540 milhões de anos atrás, o planeta Terra possuía somente um único e imenso continente – a Pangeia, rodeada por um único oceano, intitulado Pantalassa. Depois de uma série …

Um acelerador de partículas cósmico, muito mais poderoso do que o LHC foi descoberto no espaço

Cientistas rastrearam uma partícula fantasma para uma estrela despedaçada e descobriram um gigantesco acelerador de partículas cósmico. A partícula subatômica, chamada de neutrino, foi lançada em direção à Terra depois que a estrela condenada chegou muito …

Mulher de 'El Chapo' Guzmán é presa nos EUA acusada por narcotráfico

Foi presa nesta segunda-feira (22/02) nos Estados Unidos Emma Coronel Aispuro, 31, mulher de Joaquín "El Chapo" Guzmán, ex-líder do cartel de drogas mexicano Sinaloa. Aispuro, que tem cidadania mexicana e americana, foi presa no aeroporto …

Gana é o primeiro país do mundo a receber vacinas do programa Covax, da OMS

Gana recebeu nesta quarta-feira o primeiro lote mundial de vacinas financiadas pelo programa Covax, que proporciona aos países de renda baixa e média as primeiras doses de fármacos antiCovid. Os imunizantes foram enviados de …

Variante da Califórnia parece ser mais contagiosa e resistente a vacinas, aponta estudo

Um novo estudo confirma que a mutação do SARS-CoV-2 na Califórnia, EUA, é mais contagiosa e mais resistente a vacinas, embora a escala de sua ameaça ainda não esteja clara. Uma variante descoberta pela primeira vez …

Cheirinho de carro novo? Estudo alerta para risco de câncer em odor favorito de muitos

Um estudo publicado por pesquisadores da Universidade da California Riverside mostrou que o cheiro de carro novo, tão amado por todo mundo que acaba de comprar o seu veículo, pode ser um risco para saúde. Mas …

STJ anula quebra do sigilo de Flávio Bolsonaro no caso das "rachadinhas"

Ministros apontaram falta de fundamentação do juiz de 1ª instância. Decisões da próxima semana determinarão chance de o processo contra o senador ir adiante ou voltar ao início. A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça …

Troca de comando na Petrobras: Bolsonaro repete interferência de Dilma na estatal?

As ações da Petrobras derreteram depois que o presidente Jair Bolsonaro decidiu mudar o comando da empresa. Na noite de sexta-feira (19/02), Bolsonaro anunciou o general da reserva Joaquim Silva e Luna para substituir o …

Uruguai, último país da América do Sul a receber vacinas, começa imunização em março

O presidente do Uruguai, Luis Lacalle Pou, informou nesta segunda-feira (22) que as primeiras vacinas contra a Covid-19 chegarão nesta quinta-feira ao país, o único na América do Sul que ainda não possui doses …