Calor causa infestação de lagarta tóxica na Europa

R. Altenkamp / Wikimedia

Lagarta da espécie Thaumetopoea processionea.

Alemanha e Holanda estão lutando contra infestações de lagartas da espécie thaumetopoea processionea, cujos minúsculos pelos tóxicos podem desencadear reações alérgicas e irritação na pele.

O inverno ameno e a primavera quente deste ano na Europa levaram à multiplicação destes insetos, também conhecidos como lagartas-do-pinheiro, que habitam florestas de carvalhos. Elas se transformam em pupas antes de virar traças no final de julho, quando a ameaça diminui.

Em Louvain, na Bélgica, bombeiros tiveram que destruir ninhos da espécie antes de um show de rock.

A região a oeste do rio Ruhr, na Alemanha, é densamente povoada por essas lagartas e está entre as mais afetadas. Algumas escolas e parques foram fechados para permitir que especialistas destruíssem os ninhos construídos em carvalhos.

Um parque na cidade alemã de Dortmund foi fechado por três semanas, já que quase 500 árvores estavam infestadas. “A infestação neste ano é muito intensa, bem mais do que no ano passado”, disse o gerente do local, Frank Dartsch.

As equipes de combate às lagartas usam equipamentos de proteção e elevadores para alcançar as copas das árvores, onde atacam os ninhos com maçaricos ou grandes aspiradores de pó.

Em algumas partes da Alemanha, pesticidas que não prejudicam o meio ambiente ​​foram pulverizados em carvalhos.

Infestação mais intensa

Na Holanda, a infestação também é maior do que em 2018. Ricas em carvalhos, as regiões de Noord-Brabant, Drenthe e Overijssel foram especialmente afetadas. Um vídeo de uma mulher idosa atacando as lagartas com uma pistola de ar quente na cidade de Enschede viralizou, segundo o site nltimes.nl.

A rádio RTL disse que as lagartas se espalharam por Luxemburgo, um país densamente florestado. As autoridades na capital emitiram um alerta de saúde, pois as lagartas também estão na cidade. Elas também infestaram a ilha francesa da Córsega, bastante arborizada.

Relatos da Espanha apontam que estas lagartas também se tornaram um problema neste ano na região norte das Astúrias. Enquanto isso, na cidade de Valladolid e seus arredores, entre Astúrias e Madri, as lagartas de pinheiros são um problema mais grave.

Qual é o risco?

As lagartas, de 2 a 3 cm de comprimento, marcham em longas procissões (por isso, também são conhecidas como lagartas-processionárias-do-pinheiro) para as copas das árvores durante a noite e podem causar estragos conforme elas se alimentam de folhas jovens.

Uma lagarta chega a ter 700 pelos, que podem se espalhar com o vento. Eles contêm uma toxina que pode causar erupções cutâneas, irritação nos olhos, tosse ou até mesmo uma reação alérgica. Os ninhos de lagartas são perigosos e não devem ser tocados.

A toxina é difícil de neutralizar, porque os pelos têm ganchos que os prendem à pele. O uso de cortisona anti-inflamatória pode proporcionar alívio.

Estas lagartas têm alguns predadores naturais, incluindo parasitas e besouros. Poucos pássaros ousam tocá-las. Os cães também são vulneráveis, porque gostam de farejar árvores em parques.

As autoridades aconselham que roupas e objetos pessoais contaminados com pelos sejam cuidadosamente lavados.

As pessoas devem fazer o mesmo se suspeitam que se contaminaram e procurar um médico caso haja uma irritação da pele ou problema respiratório. Os pelos visíveis podem ser removidos com tiras de fita adesiva.

// BBC

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Opositor belarusso é achado morto na Ucrânia

Ativista Vitaly Shishov ajudava compatriotas a fugir da perseguição do regime de Alexander Lukashenko, considerado o último ditador da Europa. Polícia investiga possível assassinato encenado como suicídio. Um ativista de Belarus foi encontrado morto nesta terça-feira …

Polônia concede visto humanitário a atleta olímpica e alimenta tensões com Belarus

A Polônia concedeu nesta segunda-feira (2) um visto humanitário para a atleta olímpica bielorrussa Krystsina Tsimanuskaya. A jovem afirma que estava sendo obrigada a deixar o Japão após ter criticado sua equipe e temia …

EUA e Reino Unido teriam dado 'luz verde' a Israel para retaliar Irã após ataque a petroleiro

Irã rejeitou o envolvimento do país no ataque contra o petroleiro Mercer Street no mar Arábico que ocorreu na quinta-feira (29), condenando as acusações lançadas pelo governo israelense. Tel Aviv teria recebido "luz verde" de Washington …

Incêndios causam mortes e devastação no sul da Europa

A União Europeia EU) enviou ajuda para a Turquia nesta segunda-feira (02/08), e voluntários se juntaram a bombeiros na luta contra fortes incêndios que já duram seis dias e mataram oito pessoas no país. Em …

Golpe militar em Mianmar completa seis meses e já resultou em quase mil mortes de civis

Aterrorizados pela repressão da junta militar e pela propagação do coronavírus, poucos birmaneses se atreviam a ir às ruas para protestar neste domingo (1º), quando completam-se seis meses do golpe de Estado que mergulhou …

Governo italiano vende casas a 2 euros na região da Sicília

Mais uma vez o governo italiano está vendendo casas em áreas rurais da Itália, após o sucesso da campanha para repovoamento de áreas abandonadas. Além de promover a ocupação por meio de incentivos para jovens e …

Bolsonaro admite não ter provas de fraudes eleitorais

Em live para a qual convocou veículos de imprensa, Bolsonaro exibiu uma série de teorias falsas, cálculos equivocados e vídeos antigos, já verificados e desmentidos, mas que ainda circulam na internet, como supostas evidências de …

A incrível civilização antiga que mumificava os mortos 2 mil anos antes dos egípcios

"As mais antigas evidências arqueológicas conhecidas de mumificação artificial de corpos", segundo a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), estão presentes na América do Sul, na costa árida …

Delta pode causar covid-19 mais grave, alerta agência americana

Documento interno do órgão de prevenção de doenças dos EUA indica que a variante delta do coronavírus é tão contagiosa quanto a catapora e pode ser transmitida mesmo por indivíduos vacinados. "A guerra mudou", diz …

Vendas de vacinas anticovid impulsionam lucros de laboratórios

A empresa farmacêutica AstraZeneca anunciou nesta quinta-feira (28) que as vendas de sua vacina contra a Covid-19 alcançaram US $ 1,17 bilhão no primeiro semestre do ano. Este número corresponde à entrega de aproximadamente …