Japão limitará horas extras para evitar mais mortes por trabalho excessivo

-

O governo japonês apresentou nesta terça-feira um plano para limitar as horas extra permitidas por lei, visando mudar a cultura do excesso de trabalho enraizada no país e a prevenir novas mortes de funcionários relacionadas com este problema.

A estratégia foi elaborada por um painel liderado pelo primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, e conta com o respaldo das principais organizações de interlocutores sociais japoneses, a patronal Keidanren e o sindicato Rengo.

O Executivo empreendeu esta iniciativa após serem reveladas as mortes derivadas do excesso de trabalho -“karoshi”, em japonês- de dois empregados do gigante japonês da publicidade Dentsu, que reabriram o debate público sobre esta persistente prática empresarial na terceira economia mundial.

Segundo o plano, as horas extras não deverão superar em nenhum caso as 100 horas mensais, ou 80 horas no caso de vários meses com alta carga laboral.

Este limite suporá uma “reforma histórica” ao estabelecer um teto temporal claro, algo até agora inexistente, segundo o projeto apresentado hoje pelo Executivo, que deverá agora ser aplicado em normativas concretas.

Em outubro, a justiça japonesa estabeleceu como caso de “karoshi” o suicídio de uma empregada de 24 anos que chegou a trabalhar até 105 horas extra por mês, embora os registros de sua empresa, Dentsu, mostravam um cômputo dentro do limite legal.

Posteriormente, foi revelada que a morte em 2013 de outro trabalhador de 30 anos da mesma companhia propagandista se deveu ao excesso de trabalho.

Em 2015, mais de 2.159 pessoas se suicidaram no Japão por causas relacionadas com o trabalho -675 delas por cansaço-, segundo dados do Ministério japonês de Trabalho.

O governo japonês já aprovou em 2015 uma lei para conter a epidemia de excesso de trabalho, embora a falta de rigor no registro das horas-extras por parte das empresas e a disponibilidade dos empregados a alongar suas jornadas para receber bonificações dificulte o controle sobre esta prática.

// EFE

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Nosso sistema solar será destruído antes do que pensávamos

Embora o solo sob nossos pés pareça sólido e reconfortante (na maioria das vezes), nada neste Universo dura para sempre. Um dia, nosso sol morrerá, ejetando uma grande proporção de sua massa antes que seu núcleo …

Mãe em Estocolmo não é mais suspeita de aprisionar filho

Promotores suecos estão retirando seu caso contra uma mulher acusada de prender o filho por vários anos. De acordo com as últimas informações, não há provas suficientes de que ele havia sido detido contra sua …

Mistério de galáxia desprovida de matéria escura é revelado

As observações astronômicas apontam para forças de "maré" e comportamento "canibal" de uma galáxia vizinha, que explicariam a escassez deste componente invisível. Se alguma galáxia é pobre em matéria escura, pode ser devido a uma interação …

Maioria das vacinas da Moderna será reservada no início para os Estados Unidos

A Moderna espera disponibilizar entre 100 e 125 milhões de doses de sua vacina contra a Covid-19 no primeiro trimestre de 2021. A empresa anunciou, nesta quinta-feira que, no início, entre 85 e 100 …

Amazonas é 3º estado com mais queimadas, emissões e desmatamento

Pela primeira vez, o Amazonas assume a terceira posição nos três principais rankings que indicam o avanço da degradação florestal na Amazônia brasileira, incluindo indicadores de queimadas, emissões de gases de efeito estufa e desmatamento …

Sudão bane casamento infantil e mutilação genital feminina, mas prática apresenta desafios

Depois de derrubar o ditador Omar al-Bashir no ano passado, o Sudão deu importante passo para reverter alguns dos tantos horrores cometidos contra a população feminina no país – e tornou ilegal tanto o casamento …

Namíbia elege deputado chamado Adolf Hitler

O nome de um recém-eleito político da Namíbia, vem chamando atenção na mídia nacionais e internacionais. "Adolf Hitler teve uma vitória esmagadora nas eleições regionais na Namíbia", relatou o portal de notícias alemão Spiegel Online nesta …

Astrônomos mapeiam 1 milhão de galáxias previamente desconhecidas

Cerca de um milhão de galáxias previamente desconhecidas para além da Via Láctea foram adicionadas a um mapa detalhado de seção de espaço. Pesquisas sobre o espaço normalmente demoram anos para serem completas, mas um novo …

Brasil recebe vacina de Oxford em janeiro, promete Pazuello

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse que o primeiro lote das vacinas de Oxford chega ao Brasil em janeiro. Serão 15 milhões de doses entre janeiro e fevereiro, totalizando 260 milhões ao longo do …

Cingapura é primeiro país a aprovar venda de carne de laboratório

Empresa californiana obteve autorização da cidade-Estado para usar sua carne de frango produzida a partir de cultura celular em chicken nuggets e garante que preço será competitivo. Cingapura é o primeiro país do mundo a aprovar …