A maioria das cobras é canibal, dizem cientistas

Uma equipe de cientistas concluiu que a maioria das cobras no deserto de Kalahari, na África, optavam por comer exemplares da mesma espécie.

Segundo o Live Science, o ato de comer cobras, também chamado de “ofiofagia”, é bastante comum em alguns animais, como é o caso de pássaros, lagartos e até mesmo algumas cobras.

Com isso em mente, Bryan Maritz, pesquisador da Universidade do Cabo Ocidental, na África do Sul, e sua equipe começaram a estudar algumas cobras no deserto de Kalahari. No entanto, os cientistas foram surpreendidos quando viram uma Naja nivea devorando outra, exatamente da mesma espécie.

“Fomos recebidos não por dois machos em combate como inicialmente pensávamos, mas sim por uma grande cobra macho no processo de engolir um macho menor [da mesma espécie]”, escreveram os cientistas no estudo publicado, esta semana, na revista científica Scientific Naturalist.

“Em vez de capturar dois potenciais animais de estudo, encontramos um animal bem alimentado, agora conhecido como NN011, ou mais casualmente, Hannibal”, acrescentam.

De acordo com o mesmo site, as preferências gastronômicas de Hannibal fizeram os pesquisadores pensar se as cobras canibalizam sua espécie de forma frequente. Embora o canibalismo nesse tipo de animal já tenha sido observado em estudos anteriores, é normalmente associado a um comportamento anômalo.

Para testar se a tendência canibal pode realmente existir, Maritz e seus colegas compilaram a história dietética abrangente de seis espécies diferentes de cobras africanas.

Além de observar cobras selvagens como Hannibal, a equipe analisou décadas de literatura científica, boletins de herpetologia, boletins de museus e postagens nas redes sociais, à procura de referências sobre o consumo canibal de cobras.

Pelo visto, a ofiofagia é bastante comum entre as cobras. A cobra-real, ou Ophiophagus Hannah, foi literalmente batizada por esse mesmo comportamento, como se pode verificar pelo nome da espécie.

“Descobrimos que as cobras correspondem entre 13% a 43% de todas as espécies de presas detectadas nas dietas das cobras selvagens”, escreveram os autores no estudo. Além disso, das seis cobras estudadas, cinco foram observadas comendo a própria espécie.

As Naja nivea, cobra de cor amarela encontrada apenas no sul do continente africano, provaram ser as mais canibais do grupo. Em uma amostra de 148 espécimens, as cobras optaram por canibalizar as da própria espécie em cerca de 4% das refeições.

Por que isso acontece? Por enquanto, os cientistas só podem especular, mas Maritz e colegas suspeitam que esteja relacionado com uma competição de cariz sexual, isto porque, em todas as situações canibais observadas, os dois espécimens eram machos.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Inclinação de Saturno pode ser explicada pela migração de suas luas; entenda

Em um novo estudo, cientistas do French National Centre for Scientific Research (CNRS) e da Sorbonne University perceberam que a inclinação de Saturno pode ser causada pela influência da migração de suas luas — principalmente …

A verdade sobre as pessoas que "ouvem" os mortos: estudo

Cientistas identificaram os traços que podem tornar uma pessoa mais propensa a afirmar que ouve as vozes dos mortos. De acordo com novas pesquisas, uma predisposição a altos níveis de absorção em tarefas, experiências auditivas incomuns …

OMS diz não ter conhecimento de mortes relacionadas ao uso da vacina da Pfizer

A OMS não tem conhecimento de qualquer morte relacionada ao uso da vacina contra a COVID-19 produzida pelos laboratórios Pfizer e BioNTech, disse hoje (20) a diretora-geral adjunta da organização, a brasileira Mariângela Simão. "Temos uma …

QAnon ganha cada vez mais força na Alemanha

O ataque ao Capitólio nos EUA ilustrou o perigo que teorias da conspiração podem representar. Na Alemanha, o movimento tem cada vez mais adeptos – que se mantêm fiéis ao agora ex-presidente americano Donald Trump. A …

Coronavírus em Manaus: "Meu irmão morreu de covid em hospital particular, e a conta é de R$ 180 mil"

A tragédia familiar vivida pelo advogado Amaury Andreoletti ilustra o impacto emocional e também financeiro do colapso no sistema de saúde de Manaus (AM). Andreoletti, que chegou a ficar quatro dias internado e se recuperou, viu …

Biden reverte medidas de Trump e volta ao Acordo do Clima de Paris; entidades comemoram

Horas depois de assumir a Casa Branca, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, cumpriu a promessa de reverter uma série de medidas tomadas pelo antecessor, Donald Trump. No total, foram 17 decretos assinados …

Avião com vacinas contra covid-19 entra em rota de colisão com jato após curva errada

  Essa foi por pouco! Na manhã desta terça-feira (19), um avião monomotor com vacinas contra a covid-19 a bordo fez uma curva errada após a decolagem, e acabou entrando em rota de colisão com um …

Emaranhamento quântico é transmitido a drones separados por 1 km de distância

Fótons emaranhados foram transmitidos entre dois drones pairando a um quilômetro de distância um do outro, demonstrando tecnologia que poderia ser a base de uma internet quântica. Quando dois fótons são emaranhados quanticamente, você pode deduzir …

Joe Biden empossado 46.º Presidente dos EUA

Joe Biden tomou posse, esta quarta-feira, como Presidente dos Estados Unidos, e Kamala Harris foi empossada a primeira vice-presidente norte-americana. No seu discurso, Biden disse que "este é o dia da América, da democracia …

Covid-19: Brasil deve enfrentar pior fase da pandemia nas próximas semanas

Nos últimos dias, a pandemia no Brasil foi marcada por imagens de dor e de esperança. De um lado, a falta de oxigênio em Manaus mostrou a tragédia causada pela falta de coordenação contra a …