“Não é atitude de presidente”, diz Macron sobre Bolsonaro

Bundesregierung / Kugler

Um programa da televisão francesa sobre os bastidores da cúpula do G7 em Biarritz, na França, flagrou um momento em que o presidente francês, Emmanuel Macron, critica duramente o presidente Jair Bolsonaro em conversa com o presidente do Chile, Sebastián Piñera, e a chanceler federal alemã, Angela Merkel, durante um encontro em agosto.

“Claro, eu tinha que reagir”, diz Macron, após Piñera interpelar o francês a respeito de Bolsonaro. O chileno dizia ser “inacreditável” algo aparentemente relacionado a comentários feitos pelo presidente brasileiro. “Você entende [que eu tinha que reagir]?”, pergunta o francês. O chefe de Estado chileno responde: “Sim, eu concordo.”

Macron continua: “Eu queria ser muito pacífico, ser construtivo com o cara e respeitar a sua soberania; tudo bem. Mas eu não posso aceitar isso.” Merkel, que estava ouvindo a conversa, balança a cabeça e concorda com o presidente francês.

“Você sabe o que ele fez quando o meu ministro do Exterior foi ao país dele?”, prossegue Macron, ainda falando com Piñera. “Ele deveria recebê-lo e cancelou no último minuto para cortar o cabelo. E filmou a si mesmo. Desculpa, mas isso não é atitude de um presidente”, completa o francês.

Macron se referia a uma situação ocorrida em julho, quando Bolsonaro cancelou um encontro com o ministro francês Jean-Yves Le Drian, em Brasília, e transmitiu uma live no barbeiro no mesmo horário em que a reunião deveria ocorrer.

A conversa entre Macron e Piñera é parte de um programa do canal francês CNews transmitido na semana passada. O vídeo foi compartilhado nesta segunda-feira (09/09) pelo blog do jornalista Jamil Chade no portal Uol.

O diálogo ocorreu num almoço durante a cúpula do G7 em 26 de agosto, logo após a entrevista coletiva conjunta de Macron e Piñera, na qual o líder francês lamentou comentários sobre sua mulher endossados em uma rede social por Bolsonaro. Na ocasião, ele disse esperar que os brasileiros “tenham logo um presidente à altura do cargo”.

“Ele fez alguns comentários extraordinariamente desrespeitosos sobre a minha esposa”, frisou Macron na coletiva em agosto. “O que posso dizer? É triste, é triste para ele, primeiramente, e para os brasileiros.”

Dias antes, Bolsonaro endossara uma postagem de um seguidor no Twitter com comentários ofensivos sobre a aparência de Brigitte Macron, sugerindo que o francês teria “inveja” de Bolsonaro. A postagem trazia uma foto de Macron com a primeira-dama e, logo abaixo, uma de Bolsonaro e sua mulher, Michelle, com a seguinte legenda: “Entende agora por que Macron persegue Bolsonaro?“.

O perfil oficial do presidente brasileiro respondeu ao seguidor afirmando: “Não humilha cara. Kkkkkkk.” O comentário em linguagem informal ganhou enorme repercussão, inclusive na imprensa francesa, que acusou Bolsonaro de sexismo.

“Penso que as mulheres brasileiras têm, sem dúvida, vergonha de ver isso de seu presidente. Penso que os brasileiros, que são um grande povo, têm um pouco de vergonha de ver esse comportamento. Eles esperam, quando se é presidente, que se comporte bem em relação aos outros”, disse Macron na ocasião.

Devido ao desmatamento e às queimadas na Amazônia, Bolsonaro se tornou nas últimas semanas alvo de pesadas críticas de políticos europeus e se envolveu numa prolongada troca de farpas com Macron, que acusou o brasileiro de mentir sobre suas políticas ambientais durante o G20 em junho, no Japão, quando foi concluído o pacto comercial entre o Mercosul e a UE.

Já Sebastián Piñera é um dos principais aliados de Bolsonaro na América do Sul. Na semana passada, entretanto, o presidente do Chile condenou os ataques de Bolsonaro a Michelle Bachelet, alta comissária da ONU para os Direitos Humanos e ex-presidente do Chile, e ao pai dela, um militar que foi preso, torturado e morto sob o regime de Augusto Pinochet.

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. E vice versa.
    Quem começou? Primeiro, o Macron chamou o Bolsonaro de mentiroso. Isso é atitude de presidente?
    Além disso, o Bolsonaro não disse que a sra. Macrona é feia. Nem o disse o sujeito que postou a mensagem que ele respondeu.
    É muito mimimi. É muita frescura. É muito francês fazendo biquinho.
    Tudo isso não passa de cortina de fumaça para as verdadeiras intenções.

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Este projeto social está buscando 7 pessoas para viajar o mundo com tudo pago

A empresa portuguesa YourBestLife está recrutando sete pessoas para viajar o mundo realizando trabalhos de impacto social com tudo pago. As inscrições vão até o dia 31 de outubro e podem se candidatar pessoas que …

Pela primeira vez na história cientistas conseguem reverter envelhecimento

Nenhuma pessoa está livre do tempo: seja um jovem, uma criança, um recém-nascido ou um adulto em idade madura, todo mundo irá envelhecer e sentir os efeitos desse processo. Essa é uma verdade incontestável em qualquer …

Greta Thunberg protesta em frente à Casa Branca ao lado de estudantes pelo clima

A militante do meio ambiente, Greta Thunberg, participou nesta sexta-feira (13) de uma pequena manifestação sobre o clima em frente à Casa Branca. “Nunca desistam”, disse a ativista aos jovens que foram até o local …

Snowden alerta para propagação de mentiras na internet

Há seis anos, ex-analista da NSA causou terremoto político ao revelar atividades ilícitas do serviço secreto dos EUA. Em entrevistas a jornais alemães, Snowden conta que ainda almeja asilo político na Alemanha. Seis anos após divulgar …

Visita de objeto interestelar intriga comunidade científica

  O objeto interestelar foi detectado por um astrônomo amador, e desde então o visitante passou a intrigar a comunidade científica. Gennady Borisov, astrônomo amador, utilizou um telescópio que ele mesmo construiu para avistar o objeto. Sua …

Homem morto há 22 anos é encontrado com ajuda do Google Earth

Os restos mortais de um homem desaparecido há duas décadas, nos EUA, foram encontrados dentro de um carro submerso em um lago graças ao Google Earth. William Moldt foi dado como desaparecido em Lantana, na Flórida, …

O plano japonês de jogar ao mar água radioativa de Fukushima

Nesta semana, o ministro do Meio Ambiente do Japão, Yoshiaki Harada, declarou que despejar no Oceano Pacífico mais de 1 milhão de toneladas de água contaminada pelo desastre nuclear de Fukushima seria a "única opção" …

Incêndio no Hospital Badim deixou 11 mortos no Rio de Janeiro

Um incêndio atingiu o Hospital Badim, no Maracanã, zona norte do Rio de Janeiro, na noite de quinta-feira, deixando pelo menos onze mortos, conforme noticiado pela imprensa brasileira. Os pacientes foram retirados às pressas da unidade …

Origem dos cometas é revelada em novo estudo

Pesquisadores da Universidade de Leiden (Holanda) aplicaram modelos químicos em 14 cometas e encontraram um padrão em sua composição. Os cometas são bolas de gelo, poeira e pequenas partículas parecidas com pedras. Seus núcleos podem alcançar …

Princesa saudita é condenada por agressão em Paris

Filha do rei da Arábia Saudita foi acusada de ordenar que segurança amarrasse e agredisse um encanador. Trabalhador havia sido chamado para consertar uma pia no apartamento da princesa na capital francesa. Um tribunal francês condenou …