NASA quer lançar o foguete mais poderoso já construído em 2019

A NASA prepara os últimos detalhes para o lançamento da Orion, sua nova nave espacial. A missão envolve o Space Launch System, o foguete mais poderoso já fabricado.

O foguete será o primeiro passo para a Orion iniciar sua trajetória em torno da Lua e de volta à Terra. Durante a viagem, que irá durar 25 dias, serão percorridos quase 400 mil quilômetros a uma velocidade de quase 40 mil km/h.

O segundo passo é baseado em um novo lançamento, previsto para o início da década de 2020, mas desta vez com humanos a bordo. Será a primeira missão tripulada da NASA, em uma nave espacial própria, desde o encerramento do programa Space Shuttle, em 2011.

Segundo a Exame Informática, as duas missões têm como objetivo lançar as bases de uma plataforma que permita à NASA enviar astronautas para a exploração de asteroides, e levar o Homem a Marte – ou mesmo a outros planetas mais distantes.

Os especialistas da NASA afirmam que o lançamento está previsto para dezembro de 2019. No entanto, os engenheiros da agência espacial norte-americana reconhecem a possibilidade de o SLS ser lançado apenas em junho de 2020.

Embora a maioria dos projetos da NASA se encontrem em desenvolvimento, a agência espacial norte-americana faz uso da sua experiência de construção para melhorar a eficiência da produção e da organização do processo.

Recentemente, o fotógrafo Vincent Fournier, da revista Wired, passou 20 dias nas instalações onde é preparada a missão. Segundo o fotógrafo, são realizados vários testes para testar o desempenho do Space Launch System.

Todas as peças são modeladas de forma a entender como a vibração dos motores pode afetá-los. Os engenheiros estão criando também réplicas do foguete, que serão testadas em túneis de vento para aferirem o seu comportamento.

Uma das réplicas é um modelo em escala que mede apenas um metro e será pintada de cor-de-rosa para brilhar sob luz negra com maior intensidade, conforme a quantidade de oxigênio que atinja.

Nestes testes, o oxigênio serve de substituto para a pressão e ajuda a entender exatamente onde o foguete estará sujeito a um maior desgaste.

Os depósitos de combustível são construídos com cilindros de metal ao redor de peças de alumínio que, depois de fundidos, serão analisados à luz de ultrassons e raios-X.

Todo o processo implica grande rigor e, sobretudo, tempo. O tanque de hidrogênio, por exemplo, demora cerca de três dias para ser movido da horizontal para a vertical e implica o uso de duas gruas orientadas por GPS e um sistema de alinhamento a laser.

Certo é que, mais cedo ou mais tarde, a NASA irá lançar o foguete mais poderoso já construído – com o objetivo de levar, novamente, ao espaço uma missão tripulada.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. De acordo com o seu texto,

    “O foguete será o primeiro passo para a Orion iniciar sua trajetória em torno da Lua e de volta à Terra. Durante a viagem, que irá durar 25 dias, serão percorridos quase 400 mil quilômetros a uma velocidade de quase 40 km/h.”

    A 40 km/h eu chego lá, de bicicleta, em apenas 69 anos. Não seriam 40 mjl km/h? 🙂

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Brasil é líder em conflitos socioambientais na Amazônia

Dono da maior extensão de Floresta Amazônica, o Brasil também é campeão em conflitos socioambientais na região. Um levantamento inédito comparando a situação de quatro países mostrou que, dos 1.308 confrontos registrados em 2017 e …

Lukashenko toma posse em cerimônia secreta em Belarus

O presidente de Belarus prestou juramento, nesta quarta-feira (26), em uma cerimônia mantida em sigilo. Este é o sexto mandato do chefe de Estado, no poder há 26 anos. "Alexander Lukashenko prestou juramento no idioma bielorrusso, …

Pássaros sacrificados como oferenda aos deuses são encontrados no Egito

Milhões de aves, que teriam sido utilizadas como oferenda aos deuses Hórus, Rá ou Thoth foram encontradas por uma equipe de arqueólogos no Egito. Os arqueólogos da Universidade Claude Bernard Lyon estavam trabalhando nas escavações de …

Navalny deixa hospital em Berlim

Oposicionista russo recebe alta após um mês de tratamento para curar envenenamento por agente neurotóxico do tipo Novitchok. Médicos dizem que recuperação total é possível, mas não sabem estimar efeitos de longo prazo. O oposicionista russo …

Governo pede suspensão de filme da Netflix após acusações de pedofilia

Após diversas acusações de pedofilia nas redes sociais ao filme Lindinhas, que estreou com exclusividade na Netflix, o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos pediu a suspensão e investigação sobre sua distribuição …

Mais de 13 milhões de britânicos enfrentam novo lockdown diante do aumento de casos de Covid-19

Um quinto da população do Reino Unido acordou sob um novo lockdown nesta terça-feira (22). Essas pessoas estão sobretudo no norte da Inglaterra e no País de Gales, as regiões mais afetadas pela Covid-19 …

Pinguim é encontrado morto no litoral de SP com máscara no estômago

Um pinguim foi encontrado morto no último dia 9 de setembro na praia de Juquehy, em São Sebastião, litoral de São Paulo – e, depois de realizada a necropsia, a causa da morte foi determinada: …

Misteriosa minilua vai entrar na órbita da Terra em outubro e ficará por meio ano

Corpo celeste tem uma velocidade muito baixa, o que é atípico para asteroides. Cientistas suspeitam que a minilua afinal seja lixo espacial do século passado. Astrônomos descobriram o corpo celeste 2020 SO, que está em uma …

Na ONU, Bolsonaro diz ser vítima de campanha de desinformação

Presidente defende política ambiental do governo e afirma que Amazônia e Pantanal sofrem campanha de desinformação internacional. Ele também elogia sua gestão da epidemia de covid-19, que já matou 137 mil. No discurso de abertura da …

CDC faz alerta sobre transmissão da COVID-19 através do ar, mas volta atrás

Não é segredo que pesquisadores ainda buscam consenso sobre a ação do novo coronavírus (SARS-CoV-2) no organismo humano. Nesse cenário, até o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos gerou polêmica nesta …