OMS considera elevado risco global de coronavírus

A Organização Mundial da Saúde admitiu nesta segunda-feira (27/01) um erro na avaliação de risco global do novo coronavírus, que surgiu na China, e disse que o nível correto é elevado. Anteriormente, ele havia sido apontado como moderado.

De acordo com a porta-voz da organização, Fadela Chaib, a alteração foi feita depois de um erro de formulação nos relatórios anteriores. Em documentos divulgados na quinta, sexta e sábado, o risco do novo coronavírus foi classificado como muito elevado na China, elevado em nível regional e moderado em nível global.

Questionada sobre o significado da categorização, Chaib disse que é uma “avaliação global, cobrindo a gravidade, disseminação e capacidade de resposta” ao vírus. A OMS afirmou que a correção do risco não significa uma declaração de emergência global de saúde – um mecanismo utilizado apenas para os surtos mais graves

O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, viajou para a China para apoiar a luta contra o coronavírus. Segundo ele, com esta viagem, a agência busca coletar informações sobre as últimas novidades na luta contra a epidemia e “reforçar a parceria com a China para proporcionar uma maior proteção contra este surto”.

Tedros se reuniu com especialistas em epidemiologia, doenças virais e outras autoridades nos dias 22 e 23 de janeiro na sede da OMS, em Genebra, para discutir se deveria ser declarada uma emergência internacional devido ao surto, mas o painel optou por não emitir o alerta por enquanto. “Essa é uma emergência na China, mas ainda não se tornou uma emergência de saúde global”, destacou Tedros.

O novo coronavírus já deixou 81 mortos e quase 3 mil doentes. A grande maioria dos casos foi registrado na China. As primeiras infecções do vírus, batizado provisoriamente de 2019-nCoV pela OMS, foram detectadas na cidade chinesa de Wuhan no final do ano passado e remontam a um mercado de animais selvagens e peixes, que agora foi fechado.

O vírus pode ter sido transmitido através do contato direto entre humanos e animais, ou simplesmente através do ar.Além da China, há casos confirmados também em Hong Kong, em Macau, em Taiwan, na Tailândia, nos Estados Unidos, na Austrália, no Japão, na Malásia, em Cingapura, na França, na Coreia do Sul, no Vietnã, no Canadá e no Nepal.

Com a propagação rápida da doença, diversos países pretendem retirar seus cidadãos de Wuhan. A França, a Alemanha, a Espanha, os Estados Unidos e o Japão estão entre os países que pretendem buscar concidadãos que vivem na metrópole de 11 milhões de habitantes e que é epicentro do surto.

Iniciado em dezembro, o surto da doença é causado por um novo tipo de coronavírus, semelhante ao da Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars), que matou quase 800 pessoas em todo o mundo durante uma epidemia ocorrida entre os anos 2002 e 2003 e que também começou na China. Os sintomas são febre e cansaço, acompanhados de tosse seca e, em muitos casos, dificuldades respiratórias.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Síndrome bizarra: esse é o primeiro caso de uma pessoa que urina álcool

Médicos do hospital da Universidade de Pittsburgh Medical Center (EUA) relataram o primeiro caso de uma síndrome bizarra na qual a pessoa urina álcool. Em outras palavras, o álcool se forma naturalmente na sua bexiga, …

Amazon abre seu primeiro supermercado que não aceita dinheiro

Dois anos depois de a Amazon inovar no ramo das lojas de conveniência abrindo a sua própria rede que aceita apenas pagamentos virtuais, a empresa está pronta para dar o próximo passo: nesta terça-feira (25), …

Não há motivo para pânico por coronavírus no Brasil, dizem especialistas

O primeiro caso do novo coronavírus no Brasil, confirmado nesta quarta-feira (26/02), levou o estado de São Paulo, onde reside o paciente infectado, a montar um centro de contingência para enfrentamento da doença. Quatro mil leitos, …

Abolição da pena de morte no Colorado entra em vigor em julho

O Colorado, no oeste americano, se tornou o vigésimo segundo estado dos Estados Unidos a abolir a pena capital, depois de um intenso e longo debate, especialmente por parte da oposição republicana. O fim da …

Cannabis tem potencial terapêutico como antibiótico, segundo cientistas

Uma equipe de cientistas da Universidade McMaster, no Canadá, estabeleceu que o canabigerol (CBG) tem potencial no tratamento de bactérias patogênicas. Cientistas da Universidade McMaster no Canadá identificaram um composto antibacteriano gerado pela maconha que poderia …

Escócia será o primeiro país a distribuir absorventes menstruais gratuitamente

O Parlamento autônomo da Escócia deu um passo em direção à gratuidade dos absorventes higiênicos para mulheres - decisão inédita no mundo. A proposta de lei foi votada por 112 deputados e visa lutar contra …

Não precisa sofrer. Carnaval começa cedo em 2021

Com a chegada da quarta-feira de Cinzas, está declarado o fim do Carnaval 2020… Ok, vai… Dá para fazer mais um bota fora na sexta e sábado dessa semana, pois, como sempre, brasileiro dá o …

Coronavírus: antiga vacina pode ter resposta para prevenção contra Covid-19

Novos casos do coronavírus SARS-CoV-2 continuam a se espalhar pelo mundo, mesmo que em velocidade menor de propagação, e sem nenhuma vacina ou medicamento para a prevenção — pelo menos até agora. Já são mais de …

Líderes políticos condenam apoio de Bolsonaro a ato anti-Congresso

Presidente teria compartilhado com aliados convocação para manifestações a seu favor e contra o Legislativo. Lula, FHC, OAB e outras lideranças alertam contra ameaça às instituições democráticas e à Constituição. Líderes políticos de várias correntes e …

A menina de 6 anos que foi presa por se comportar mal na escola nos EUA

Imagens gravadas pela câmera corporal de um policial mostram o momento em que uma criança de seis anos foi presa em uma escola de Orlando, na Florida, em setembro de 2019. As mãos da menina foram …