Países comemoram suspensão de testes nucleares pela Coreia do Norte

(dv) KCNA / YONHAP

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

A Coreia do Sul, a China, os EUA e o Reino Unido foram algumas das potências mundiais que celebraram a decisão da Coreia do Norte de fechar seu centro de testes nucleares.

A suspensão dos testes e a interrupção de lançamentos de mísseis balísticos intercontinentais foram anunciadas pelo líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un. O anúncio foi veiculado ontem (20)pela agência de notícias oficial norte-coreana KCNA.

Neste sábado (21), o governo da Coreia do Sul classificou o anúncio de um “progresso significativo” para desnuclearização da Coreia do Norte.

Em um comunicado enviado pelo gabinete presidencial sul-coreano, Seul considerou que “a decisão da Coreia do Norte é significativa para a desnuclearização da península coreana” e disse, além disso, que “ajudará a criar um ambiente muito positivo para o sucesso das próximas cúpulas intercoreana e entre o Norte e Estados Unidos”.

O governo chinês, por meio de um comunicado publicado pelo Ministério das Relações Exteriores, destacou que a “China acredita que a decisão da Coreia do Norte ajudará a melhorar a situação na Península”, por isso “dá boas-vindas” a este movimento.

O Ministério de Relações Exteriores britânico divulgou um comunicado neste sábado no qual considerou o anúncio da Coreia do Norte como “um passo positivo”. O texto acrescenta que o Reino Unido segue “comprometido a trabalhar com seus parceiros internacionais” para atingir o objetivo “de uma desnuclearização completa, verificável e irreversível” da península da Coreia e fazer isso “através de meios pacíficos”.

Já a Rússia qualificou de um “passo importante” para a distensão na península coreana, segundo informou o Ministério de Relações Exteriores em comunicado. Moscou disse esperar que a situação se desenvolva “de forma positiva” e “em consonância com o ‘roteiro’ proposto pela Rússia e a China”.

A chancelaria lembrou que esse documento prevê a suspensão das atividades militares na região e o estabelecimento dos contatos diretos entre Pyongyang, Seul e Washington.

Por outro lado, Moscou pediu aos EUA e à Coreia do Sul que respondam com reciprocidade e tomem medidas “adequadas” para conseguir resultados mutuamente aceitáveis nas próximas cúpulas bilaterais.

EUA

Os comentários de Coreia do Sul, China e Reino Unido ocorrem após manifestações do presidente dos EUA, Donald Trump, que em uma rede social chamou o anúncio da Coreia do Norte de “muito boa notícia” e de “grande progresso” tanto para o país asiático como para o mundo.

Dentro de uma semana, em 27 de abril, está previsto um encontro entre Kim Jong-un e o presidente sul-coreano, Moon Jae-in, na militarizada fronteira entre as duas Coreias, no que será a primeira reunião entre governantes coreanos em 11 anos.

Está previsto também, para entre o final de maio e começo de junho, outra reunião de cúpula entre o líder norte-coreano e Trump, a primeira da história entre os líderes de Coreia do Norte e EUA.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Evangélicos fazem coro com Bolsonaro e negam riscos do coronavírus

O presidente Jair Bolsonaro gosta de copiar o seu ídolo americano, Donald Trump – da suposta inofensividade do coronavírus até os poderes de cura de medicamentos como cloroquina e hidroxicloroquina, passando pela teoria da conspiração …

'Estamos em guerra': França confiscou 1 milhão de máscaras destinadas à Espanha e Itália

Os dois países se envolveram em uma disputa diplomática depois que parte das máscaras com destino a outros países vindas da China foram retidas em cidades francesas. As autoridades francesas apreenderam milhões de máscaras que uma …

Sobrevivente da 2ª Guerra e Gripe Espanhola se cura do coronavírus ao 104 anos

Depois da Segunda Guerra Mundial e da pandemia de gripe espanhola, a nova inimiga do soldado aposentado William ‘Bill’ Lapschies, nascido em Salem em 1916, foi a Covid-19 – e ele venceu a batalha! Aos 104 …

Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"

As medidas de isolamento social adotadas para conter o novo coronavírus (SARS-CoV-2) estão deixando a Terra mais silenciosa - ao menos para os “ouvidos” sensíveis dos sismógrafos. É que as atividades humanas, tais como a circulação …

UE teme que política autoritária adotada na Hungria por causa do coronavírus tenha efeito dominó no bloco

Em nome da luta contra o novo coronavírus, a Hungria estabeleceu estado de emergência e concedeu poderes ilimitados ao governo de Viktor Orbán. A Europa condena o uso político da pandemia da Covid-19 e …

Grécia põe campo de refugiados em quarentena após infeção

Autoridades confirmam ao menos 20 infecções, todas sem sintomas. Exames foram feitos após uma mulher que deu à luz ter testado positivo para o novo coronavírus no hospital. A Grécia colocou em quarentena o campo de …

Bactérias em rochas a 6 km de profundidade no Pacífico reacendem esperanças de vida em Marte

Bactérias unicelulares recém-descobertas nas profundezas marinhas deram aos investigadores pistas sobre como podem encontrar vida em Marte. A novidade científica foi anunciada hoje (2) no portal SciTechDaily em um artigo da Universidade de Tóquio, Japão. Estas …

JK Rowling lança portal do Harry Potter e salva quarentena mundial

A saga de ‘Harry Potter’ acabou faz muito tempo e conquistou milhões de fãs ao redor de todo o mundo. E nesse momento de quarentena, quem poderia esquecer do bruxinho mais famoso da cultura pop? Quem …

Potência agrícola da Europa, Itália enfrenta falta de mão de obra para manter cadeia produtiva de alimentos

“Existe o risco de escassez de alimentos no mercado mundial, devido a perturbações derivadas da COVID-19 no comércio internacional e nas cadeias de suprimentos” . Este foi o alarme lançado na quarta-feira (1) em …

"Gangue" de cabras selvagens toma conta das ruas de uma cidade britânica em quarentena

Um rebanho de cabras selvagens simplesmente tomou as ruas desertas de Llandudno, no País de Gales, enquanto seus residentes ficam dentro de casa para limitar a propagação do coronavírus. O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, …